Prima safadinha


Click to Download this video!


Sou o mais novo entre meus irmãos e quase todos os meus primos. Enquanto eles na adolescencia curtiam as matinês e beijavam as meninas no colégio, eu era o cara que ficava jogando bola na rua ou videogame em casa. Entretanto, tinha uma prima que frequentava essas baladinhas com eles e desde cedo, já se mostrou como seria adulta….uma tremenda vadia. Ela tem 4 anos a mais que eu aproximadamente e lembro que quando tinha 13 anos, ela me deu meu primeiro beijo e deixou que eu apertasse seus seios e então nunca mais rolou nada, a não ser sorrisinhos e provocações que sempre partiam dela.

Depois de uns anos eu me mudei e acabamos perdendo o contato completamente e então quis o destino que nos encontrássemos em uma balada na Vila Madalena em SP. Estava em uma mesa com uma galera e eu nem precisei cumprimentar...assim que me viu se levantou e pulou em cima de mim me dando um abraço e me enchendo de beijos, juntamos a nossa galera e passamos a noite curtindo juntos até que me chamou pra dançar. Ela se esfregava enquanto dançavamos colocando sua coxa entre as minhas, os seios bem encostados no meu peito e um sorriso malicioso no rosto, se aproximando perigosamente do meu. Estava bem diferente de como era na nossa adolescencia, estava mais alta, com um corpo firme de academia, os seios não eram grandes mas surpreendentemente duros, conseguia senti-los me tocando, uma barriguinha chapada e um piercing no umbigo (e para quem acompanha meus contos, sabe o quanto tatoos e piercings me enlouquecem) e um par de coxas incriveis.

Resolvi investir, sempre quis aquilo e aparentemente ela também, sem nada dizer apenas a segurei pela nuca firme e a puxei, dando um beijo em sua boca. Nossa dança parou e ficamos apenas ali, nos beijando e tocando safadamente nossos corpos. Resolvemos fugir da nossa galera, saindo de fininho ate o estacionamento, entramos no meu carro e lá continuamos nossas preliminares, enquanto dirigia, ela abriu o ziper da minha calça e me olhando com aquele mesmo sorriso sacana colocou a mão por dentro e começou a massagear meu pau que naquele momento estava completamente teso, com as veias saltadas e pulsantes, o tira lentamente para fora e vejo o liquido pre espermatico escorrendo na cabeça já vermelha e inchada dele. Ela abaixa e encosta a ponta da língua e levanta fazendo um fio que liga meu pau ate ela, suga todinho e depois me da um beijo, voltando em seguida para abocanha-lo e chupa-lo freneticamente, fazendo uma pressao nos labios que nunca tinha sentido e quase me fazendo bater o carro várias vezes. Não ia dar tempo de chegar ao Motel, queria fode-la ali mesmo, naquela hora….

Coloquei a mão por baixo de sua saia e me surpreendi que a vadia já estava sem calcinha, nunca me enganou, tinha ido para a balada para isso, queria uma boa foda e para minha sorte, eu estava lá. Parei o carro em uma rua mais tranquila, na época o insulfilme não deixava ver muita coisa dentro e já passava das 4 da manhã, deitei o banco e a puxei para se sentar no meu rosto, queria sentir o gostinho daquela buceta que sempre quis desde os 13 anos. Ela segurava meus cabelos e esfregava no meu gosto, rebolava, me fazia perder o ar e me sufocava, eu enfiava a língua e a abocanhava inteira, quanto mais molhada ficava, mais eu pedia para esfregar no meu rosto, adoro me lambuzar numa bucetinha molhada.

Desceu se esfregando no meu corpo ate tocar meu pau com sua buceta, segurei ele pela base eqnaunto ela foi engolindo cada cm dele, já com os olhos fechados e com a boca aberta, soltando gemidinhos enquanto ia entrando ate que estivesse completamente dentro dela. O suor fazia grudar a granja no rosto e então me disse “Que pau grosso, primo! Vai me arrombar?” começando a mexer o quadril num rebolado incrível. Eu apertei sua cintura forte e a puxei fazendo entrar tudo de uma vez “Quero te arrombar desde aquele dia, e hoje vai ser minha putinha, prima!”. Comecei a puxar seu corpo com força, enterrando fundo meu pau dentro dela, apertando seu rosto e dando tapas e ela sorria, gemendo com o braço em volta do meu pescoço, sussurrando no meu ouvido, pedindo que a fodesse mais forte e mais rápido. Quando disse que ia gozar, ela rapidamente pulou para o banco do passageiro e começou novamente com aquela chupada maravilhosa e frenetica, punhetando até que soltei meus jatos quentes de porra em sua garganta, que ela tomou me olhando e depois abrindo a boca, mostrando que não desperdiçava nada.

- Adorei as preliminares primo, agora vamos pra valer! - Ela disse e me deu um beijo e mordeu meu lábio com tanta força que chegou a sangrar, fiquei novamente de pau duro, menos de 5 minutos depois da nossa foda.

Procuramos um Motel e passamos o restante da noite fodendo de todas as formas possíveis e hoje em dia, ainda nos lembramos, conversando via fFacebook Messenger dessa vez e de muitas outras que fizemos essas loucuras e juramos um dia matar a saudade, quando o atual marido dela não estiver perto e nem a minha esposa. apollo costa

Foto 1 do Conto erotico: Prima safadinha

Foto 2 do Conto erotico: Prima safadinha

Foto 3 do Conto erotico: Prima safadinha

Foto 4 do Conto erotico: Prima safadinha

Foto 5 do Conto erotico: Prima safadinha


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario kzdopass48es

kzdopass48es Comentou em 23/03/2017

Maravilhas que admiro! Betto(o admirador do que é belo)

foto perfil usuario

Comentou em 23/03/2017

Ótimo conto...Adoro mulher safada... Quer seja por curiosidade... Quer por desejo... Adoro ver uma mulher sentir prazer e descobrir seus desejos e vontades... Leia meus contos tbm. Se quiser whats (quatro, sete) nove, dois, doze, meia, quatro, onze.




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


98149 - O dia em que me fudi - Categoria: Fetiches - Votos: 9
98550 - a vodka e a esposa do melhor amigo. - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 5
99270 - eu feio duro com carro do patrao - Categoria: Heterosexual - Votos: 0
99271 - minha vizinha apanhou do marido - Categoria: Coroas - Votos: 6

Ficha do conto

Foto Perfil apolocosta
apolocosta

Nome do conto:
Prima safadinha

Codigo do conto:
98408

Categoria:
Incesto

Data da Publicação:
23/03/2017

Quant.de Votos:
8

Quant.de Fotos:
5


Online porn video at mobile phone


contos eroticos secretaria peitudaconto erotico minha sobrinha gosta de me dar mamaboa cona da pastora contosConto erotico de primacontos aprendendo a dirigircontos:pênis do meu filho endurecevariedades de conto quadrinho nacional corno manso pornôfui chantageada e gosteicontos eróticos bolinando e fudendo com minha cunhadinha novinha novinha e virgem encinando ela fuder gostosoconto erotico um garato espiaoconto erotico irma da igrejasafadacontos evangelicas sendo abusadas em coletivosxvideos eu dei pro cara sem ve o tamanho do pau dele quando eu vi me asusteiBuceta gozada conto virgemconto filha fode paiContos comendo minhas etiadas dopadaslevei no cu pagando um bola gato contos eroticosestória cu irmãzinhagaucha tezuda fotos taradasfotos e videos no dwolland gaucha safadacontopunheteirocontos eroticos minha mulher nao aguento o roludo no cinemacontos eroticos amo o meu maridoContos gay fio dental com maduroesposa só quer um pau xgphorno empregadaconto de irmaconversa com cunhada esquentou e ela ficou nervosa contos eróticoscontos eroticos marido taradoanalconto erótico-sograSexo com Beto Papakucontos gay bebado paiconto traiçao da esposa intima no presidioFotos incesto com filho e noraconchinha dormir corno contohistorias em quadrinhos priminha gostosa quadrinhos eroticos seiren ep 15apostei e perdi a mulher hentai e contos eroticosirma kavalacomto erotico encestro irma novinhacontos eroticos disse para nao te vires dentroo amigo negro do meu filho desenho enthai erotico em quadrinhomeu marido tem uma pissa muito grande nao consegue imtruduzir na minja conaContos eróticos /estuprada no cuengravidei uma novinha contoContos eroticos capturadas sirica de mozconto eróticoengravidei minha vó cavalaultimos contos sadomasoquistawww.garota cota comu pedeu u cabasu du cuContos erotico engravidei do paichupando a buceta dela com requinte de maldadequadradinho erotico incesto COM HUMORincesto veridico mae cinquetona filho conto fotocontos eroticos incesto comendo a bucetinha novinha da minha filhinhacasadinhafrutalconto eroticoboceta tumblrfotos de mulher da bunda arriadafotonovela quadrinho hentai porno 3d sobrinha gostosa batendo punheta pro tio taradocontos avo biigode peludo eeoticos netatravesti comeu priminha novinha de chortinho curtocontos eroticos so de mulatas do rabo quentefodem minha buceta contos eroticoscoitadinhacontoscontos eroticos o empregado do nelsonContos virgens peludasconto erotico comendo o cu da Drica conto erticos 2017me tarada conto erotico mostrando pau pra cobradoraadoro o pau do meu cachorroCHUPADO NA FESTA DA PRINCESA FROZEM CONTO EROTICOcontos eroticos demenor e tiocontos eroticos de maes tirando cabaso da filhas e filhos novinhosconto erotico estupro em trenzinho a tresContos eroticos virei puta do meu sogrofaxina no quarto do papaicontos marido deu sonifero para esposax vidio comtos eroticos flaguei mamãeConto erotico de cavaloconto erotico dona de barcontos de incesto iniciandocontos erotico-querendo vocêCONTO EROTICO_ESTUPREI UMA GAROTA GOSTOSAcumplices de um resgate pornomulheres vestido curto com bunda grande gostosacontos eroticos de gordas dominadorascontos eroticos professora casadasoumulher do meu pai contoeroticoquadrinho erotico cristina e o jumentocontos eroticos esfolando o rabao das gordas feiascontos herotico encoxei de pau duru a gostoza cuzudacontos eróticos corno mansoCONTOS EROTICO CHANTAGEANDOconto de buceta de namorada traindo com camioneiroconto eroticos de corno marido chupando buceta gozadacom foto da traiçao