Brincadeira Gostosa


Click to Download this video!


Sábado 20:23, Helen tinha acabado de subir indo a casa de seu pai, Carlos que estava assistindo a reportagem no canal do SBT, estavam apenas os dois, pois sua mãe, havia levado o netinho de 5 anos para a casa de parentes em uma cidade próxima onde iriam passar o final de semana, Helen morava na parte de baixo, sozinha com o filho, enquanto seus pais moravam na parte de cima da casa, passado pouco tempo, surgiu um comercial anunciando que sorrir faz bem pra saúde, foi então que Carlos pai de Helen começou a comentar, como a filha adorava brincar com ele quando era pequena, e que ele fazia cócegas nela, que se acabava em gargalhadas.

- será que você ainda sente gargalhas

+ não pai, para, você sabe que sinto cócegas fácil, para hahahahahahahaha

Carlos começou brincando de fazer cócegas em sua filha, Helen usava uma blusa pouco solta e sem sutiã, pois adorava andar assim, com aquele short de academia bem colado que todos homens adoram, pois da pra ver a marquinha na buceta toda, enquanto Carlos usava apenas um short de time de futebol, Helen se contorcendo toda no sofá enquanto seu pai lhe fazia cócegas com vontade, ela conseguiu escapar dele, mas foi apenas por uma facão de segundos, quando ia tentando correr, ele puxou pela sua camisa, que de costas, acabou por sentar no colo de seu pai, que novamente começou a brincadeira, ela sorria bastante tentando escapar do seu pai, uma brincadeira inocente, quando se trata de crianças, mas agora, Helen tinha apenas 23 anos, enquanto Carlos com seus 45, segurava forte sua filha em seu colo enquanto a fazia gargalhar com a brincadeira.

-você não vai mais escapar, vou te fazer cócegas até não querer mais

+ duvido pai, hahahahahaha para, eu ainda vou escapar de você hahahahahaha

- você não é capaz de fugir

+ para pai, hahahahah isso não vale, hahahahaha, sacanagem né, só porque tenho cócegas hahahaha

Enquanto a brincadeira continuava, os corpos dos dois provocavam um atrito entre eles, e a coisa começou a ficar diferente, A bunda grande de Helen se esfregando no colo de seu pai, começou a deixar o pau dele duro, o que em meio a brincadeira dos dois, eles já haviam notado, mas é como a brincadeiras estivesse tão gostosa que a Helen não queria sair do colo do seu pai, deixar de sentir aquele pau duro roçando em sua bunda, e Carlos queria cada vez mais sentir a bunda da sua filha roçando nele, cada segundo era uma eternidade de prazer entre eles, foi quando de repente...

Helen saiu correndo, e falando para seu pai, que já iria voltar, pois havia esquecido o feijão no fogo, aquela pausa fez os dois colocarem seus pensamentos em ordem.

- “nossa, o que foi isso, fiquei de pau duro com minha própria filha, será que estou ficando pervertido demais?”

+ “caramba, minha buceta esta toda molhadinha, meu pai de pau duro por mim, que delicia, mas é errado isso, bom vamos ver até onde chega, meu namorado não vem mesmo, prefere ficar trabalhando naquele navio idiota, e eu aqui com a buceta coçando por pica”.

Passado então meia hora, Carlos deixo de ver o jornal do SBT e foi para o da Globo, e começou a pensar que sua filha não iria mais voltar, pois deveria ter ficado com vergonha de sentir o pau do seu pai duro, enquanto mil pensamentos errados e de culpa surge em sua mente, ele vai para seu quarto, retira a cueca e coloca novamente o short de time de futebol, pois a mesma já estava incomodando e apertando seu pau, resolveu ficar mais livre.

Helen surge, linda, usando uma saia colegial branca, com uma blusa pequena, mostrando um pouco de sua barriga, Carlos olha e elogia, ela agradece e diz que vai beber água, enquanto seu pai comenta que nunca viu ela usando essa saia, que retorna a ele dizendo que usou apenas uma vez em uma festa a fantasia em que foi de colegial, Carlos entendeu na hora, fantasia, a safada estava querendo provocá-lo.

Helen fingiu voltar para casa, mas sabia que seu pai iria pegá-la, passou bem perto dele de propósito, pois com aquela roupinha era obvio sua intenção.

-Vem aqui, você escapou daquela vez, mas agora não escapa mais.

Helen caiu novamente de costas no colo do seu pai, dessa vez levantando um pouco sua saia.

+ não pai, hahahaha para, de novo não, hahahahahahaha

- agora vou te pender aqui até você não agüentar mais.

+ ai pai, hahahahahaha assim você vai me matar hahahahahaha

Os corpos dos dois voltaram a ter atrito, mas dessa vez com mais intensidade, cada um fazia mais pressão no corpo do outro, tudo para sentir pau e bunda, mas com uma diferença, enquanto Carlos pressionava Helen contra seu pau, ela com suas mãos tentando escapar, fazia insinuações de esbarrar suas mão esquerda no short do pai para poder sentir aquele pau duro com a mão, a brincadeira durou uns cinco minutos, até Helen consegue escapar novamente, mas ao invés de correr para casa, ela se dirigiu ao quarto do seu pai, que correu atrás dela e conseguiu pega-lá novamente, jogou-a na cama, e começou a fazer cócegas, mas Helen conseguiu sobreviver a brincadeira, e ficou por cima de seu pai, que deitado na cama, tentava escapar, Carlos tinha força suficiente para sair daquela posição, mas com uma filha gostosa, e depois daquela brincadeira no sofá, jamais iria querer sair, e começou a fingir estar preso.

+ agora você esta preso pai, não vai conseguir me fazer cócegas novamente.

- você duvida?

+ Sim, hahaha agora, eu estou por cima, e segurando suas mãos.

Enquanto sua filha segurava seus braços em posição de total dominação com seu pai, o mesmo nem fazia questão de escapar, queria apenas curtir a brincadeira, mas enquanto ele tentava escapar, Helen continuava a se posicionar por cima dele, colocando mais pressão para não fugir, fazendo sua buceta pressionar contra o pau de seu pai por cima do short, e nesse tempo, ela começou a fazer leves movimentos de vai e vem.

+ Não adianta pai, você não vai escapar mais de mim

- vou escapar sim você vai ver.

+ ai desculpa pai, foi sem querer.

Carlos puxou suas mãos mais acima da cabeça, fazendo Helen dar um beijo na boca de seu pai, é claro que isso foi intenção dele.

- tudo bem filha, não foi sua culpa.

+ esta ficando velho em pai, hahahahaha esta fraco, não consegue ganhar mais da sua filha.

- hahahah que nada, é você que esta forte.

Enquanto rolava a brincadeira, e os dois lutavam um contra o outro, pressionando seus corpos, a posição de Helen fez com que o short de seu pai, começasse a sair, então foi revelando aquele pau duro, ela começou a sentir isso, e tentou cada vez mais liberar short de modo a deixar aquele pau totalmente livre, foi ai que Carlos notou que Helen não estava usando calcinha, quando pode sentir seu pau de encontro coma buceta dela, pois fazia questão de procurar pelo seu pau.

- assim você mata o pai, minha filha

+ que nada pai, você é um velho forte hahahahaha

- velho não, ainda estou novinha

Os dois já sabiam que aquilo não era mais uma brincadeira, que passou a ser serio quando pau buceta começaram a se esfregar, Carlos com seu pau babando já não escondia mais nada, Helen que ainda tentava fingir, não conseguir se controlar, roçava sua buceta toda molhadinha em cima do pau de seu pai, mas foi só a cabeça do pau de seu pai encostar na entrada da buceta de sua filha, para a explosão de prazer tomar conta dos dois, e no imenso clima de prazer que tomava os dois por inteiro, filha deixou de segurar o pai, e começou a beijar sua boca, que respondeu com vontade e começou a segurar forte sua bunda e pressionada contra seu corpo, pai e filha não eram mais dono de si, apenas o sexo diferente e incontrolável era o que queriam naquele momento.

+ ai paizinho, agora esta coçando por dentro. Ai que delicia.

- vou enfiar tudo pra coçar você toda meu amor.

+ isso papai, mete esse pau gostoso em mim, seu velho safado aiiiiiii que delicia de pau.

- é todo seu meu amor, fica a vontade com ele.

+ vou ficar sim, deixa eu chupar um pouco que estou com saudade de chupar um pai e o seu é lindo sabia.

- isso filha, chupa todinho, caramba, você chupa bem sua safadinha.

- chupa mais vai, engole toda pica do papai vai, ai que delicia você babando nele sabia.

Passado algum tempo chupando o pau do pai, Helen voltou a posição em que estavam brincando para continuar a sentar na pica de seu pai, o tesão incontrolável que estavam tendo, fez com que os dois gozassem rápido, e Carlos como sabia conduzir uma boa trepada, fez questão de esfregar o corpo da filha fazendo suas virilhas ficarem em atrito mais rápido, o que deixou Helen louca de tesão, e quando ela gritou para o pai que iria gozar, Carlos também não conseguiu controlar ao ouvir a filha gozando, e num prazer mutuo, os dois gozaram bastante, fazendo seus corpos pegarem mais fogo, o calor era tanto que ela deitou sobre o corpo do pai para repousar, mas não agüentou e virou para o lado, revelando um pau grande e todo lambuzado de porra, e ficaram ali os dois deitados um do lado do outro se acariciando.

+ uau pai, adorei, a melhor fóda da minha vida

- que bom que gostou minha filha, também adorei, nunca imaginei sentir tanto prazer assim

+ e agora pai como vai ser?

- normal minha filha, já que fizemos não da mais pra voltar a trás, mas sempre que quiser pode vir mamar no papai, vou adorar hahahaha

+ velho safado, kkkk amo demais você sabia pai, adorei esse pau, e agora a mamãe vai ter que dividir comigo.

- só não podemos deixar ela saber, será nosso segredinho.

+ tudo bem pai, vou adorar esse segredo.

Os dois dormiram por um tempo, e depois que acordaram, foram tomar banho e transar de novo no chuveiro, a partir daquele dia, Helen aproveitou ao máximo a pica do papai, e assim foi por 14 anos, muita pica na buceta, ela até largou o namorado dizendo que queria dedicar apenas ao filho, uma desculpa esfarrapada para poder trepar com seu pai a vontade, até que antes de seu filho completar 20 anos, seus pais sofreram um acidente e vieram a falecer, Helen ficou arrasada com isso, tinha agora apenas seu filho como família, oito meses após a morte dele, ela começou a sentir falta daquela pica que tanto amava, e não sabia mais o que fazer.

Será que Helen teria uma nova pica para ela, será que de pica de pai, passaria a pica de filho, será.............


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario anderson alves

anderson alves Comentou em 03/12/2016

oi este conto e muito bom msm gostei e voto




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


60399 - Família Unida, Fode Unida - Categoria: Incesto - Votos: 15
60471 - O brinquedinho da NASA - Categoria: Incesto - Votos: 2
60473 - Whats App é fóda mesmo. - Categoria: Incesto - Votos: 9
64209 - Realizando Dois Dezejos - Categoria: Fantasias - Votos: 5
64211 - O Jogo ( FPS - First Person Shooter ) - Categoria: Incesto - Votos: 3
83281 - A Enteada - Categoria: Heterosexual - Votos: 12
83494 - Papai Devasso "A Descoberta" - Categoria: Incesto - Votos: 13
83548 - Papai Devasso “Tentação” - Categoria: Incesto - Votos: 10
90029 - Cuidando Bem do Papai - Categoria: Incesto - Votos: 11
90078 - Game Over - Categoria: Incesto - Votos: 2
90080 - Mensagem Errada - Categoria: Incesto - Votos: 14
90638 - Doce Pecado (Indução) - Categoria: Incesto - Votos: 4
90991 - Culpa da Crise no Brasil - Categoria: Incesto - Votos: 5
90992 - Doce Pecado (Realização) - Categoria: Incesto - Votos: 3
92629 - Tentação foi culpa da Depressão. - Categoria: Incesto - Votos: 2

Ficha do conto

Foto Perfil superdevasso
superdevasso

Nome do conto:
Brincadeira Gostosa

Codigo do conto:
92696

Categoria:
Incesto

Data da Publicação:
03/12/2016

Quant.de Votos:
4

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


conto gay pepino cremehentai o amigo negro do meu filhover vídeo pornô gay gay hétero tirando a virgindade do seu cunhadinho a forçacontos eroticos gay o meu padrinho gatuConto troca troca com travestiinquilina e proprietario sexocontoscom fotos travecas safadascontos eróticos casadaloira gostosaO danado do sobrinho gemia muito - contos eroticos gaycontos eroticos visitando meu amigo e cheirando a calcinha de sua esposaconto erotico quadrinho onibusVideos porno com genro comendo sogra da buceta grande e grisalhaconto erotico gay ultimoscontos eroticos gays infancia na roçadando a mulher pra negoes contosmae dando pro filho no banheiro, contos e fotosconto erotico gay negao sarado e bem dotado meu comeu aforca sem do nem miedadesexo em quadrinho gay a forçameladinha contocontos eroticos a primeira vez com ginecologista lesbicacasada fui sem camisinha com um estranho contoultimos contos sadoconto erotico na escolaContos eroticos comi a nalvacontos eróticos dodoi infanciaajudado pela esposa,cunhado pauzudo fode a sogra,contos e relatos eroticosTrai meu marido com um garoto roludocontos eroticos de meninas que perdeiro a virgendadecontos eroticos reaisConto erotico de ménina 12 mostrando a bucetinhaconto erotico comi a buceta da professoraxvidio animadocontos eroticos corno na chacaracontos eroticos sentada no colocomendo minha mae cuzuda gostosa depois que o papai sairimagens porno heta sogra gostosa com genroConto erótico possessivo em quadrinhoscaminhonheira hetaiporno entiada supreendidanora bunda gostosa provacando sogro conto eroticofodendo memor conto erotico mozcontos dopou irmã fuder guadrinhoVideos porno com genro comendo sogra da buceta grande e grisalhaconto erotico tinderconto no meu cuzinho apertado anosContos que engravidou incesto realconto erotico agostosada minha mãe na cada de praiaContos eroticos avo e netaprimo vendo prima no banho e comexvideocontos eroticos comi a menininha do meu predioconto erotico os padres chuparm minha bucetinhaConto erotico bebadafilha puta conto eróticobundaopeladade4Conto Incesto Meu IrmaoLeila Infiel lésbica sexo com negão encanadorContos eróticos comendo as filhasContos erótica, ai tio deixa eu pegar no seu pausexo indicando virgemconto erotico minha filha pequenaContos de lésbicas íntimasFreira quadrinho rabaorelatos reais de casais amadores que iniciaram no menage em familia 2017conto erotico minha esposa e muito fogosacontoeroticovizinhaconto herotico. tranzei com a mulher do meu tiopau de jegue arrombando minha vizinha e eu contoscontos eroticos no comicio politicoimagem de buceta q não é viegemconto erotico um touro gozou na minha bucetamulher desmaiada engatada zoofiliacontos eroticos de suruba com minhas irmas e minha mãeComendo o rabinho da menina moça contos eróticosconto erotico de primo saradoContis de corno esposa consola amigoConto erotico com novinha casadaa confissão hentai pornopono conta erotica de relato estrupando a velha rabugentacontos a gostosanapraiaultimos contos sadoloiras procurando negoes pirocudos quadrinhos eroticosfudendo rapidinha a xereca lisinha ca bacinhoconto erótico traiçãoconto erotico e foto amadora ocaseiro comeu meu rabalcontos eroticos minha cunhada me deu o cu de presentecontos eroticos a costureiracontos erotico ingravidando asogra ja que afilha nao pode te filhovídeo pornô massagista dando gostoso de bruço por Palmanegros magros cinquentoes fudendo outro