Dei para o meu avô I


Click to Download this video!


Essa e a parte I de como eu dei para meu avô.
Bem vou comecar nos descrevendo, eu tenho 1,75 de altura, sou magro, branco, com olhos castanhos escuros e cabelo preto, já meu avô (vou deixar 2 fotos dele) é branco, tem uma barriguinha, ele pinta o cabelo de preto.
Meu avô seu nome é Daniel ( nome fictício) mora na zona rural de Goiás, a 70 km da cidade que eu moro, então uma vez por mês ele vem a cidade fazer compras, e quase todo dinal de semana eu vou para lá.
Tudo começou quando ele veio para minha casa num domingo a tarde, ele chegou juntamente com minja avó, logo fui lá cumpeimentar eles, dei um abraço na minha avó, e fui abraçar meu avô, e senti o perfume dele que era muito bom, e foi assim.
A noite chegou e eu fui tomar banho, tomei meu banho, bati uma pensando no meu vô, então fui para meu quarto colocar uma roupa, eu estava só de cueca quando a porta se abriu, era meu vô, passou por mim e começou a tirar a roupa para tomar banho, então quando ele foi tirar a bermuda que ele estava usando ele tirou junto uma parte da cueca, assim pude ver uma linda bundinha redondinha e branquinha, meu pau ficou duro na cueca, então coloquei uma bermuda bem laraga para disfarçar o volume.Então meu avô se enrolou na toalha e entrou no banheiro, e eu fiqui no quarto de pau duro.
A noite passou e chegou a hora de dormir, meu vovô dormia cedo, então ele logo se deitou e eu dui atrás, então ele tirou a camisa e a bermuda e ficou só de cueca e se deitou, estava tudo muito escuro não pude ver tudo.
Quando amanheceu, minha mãe me acordou e disse:
—Eu vou sair com sua avó e você fique ai com seu avô.
Eu concordei, e já fiqui animado, por que quando minha mãe sai com minha avó elas demoram quase um dia todo para voltar. Quando elas fecharam a porta de casa, meu avô se levantou e foi lara o banheiro, escovou os dentes, ouvi ele mijando. Ai ele voltou para o quarto e colocou a bermuda e se deitou denovo.
Ai ei fui no banheiro, escovei pa dentes e tudo, segurei para não bater uma punheta, por quê pensei " talvez seja hoje que aconteca", e voltei para o quarto, e meu avô estava mexendo o pau com a mão denteo da bermuda, quando me viu ele parou de mexer, mas continou com a mão.
Então me deitei de cueca com a bunda virada para a cama do meu avô. Dez minutos depois escutei ele me chamando:
—Deita aqui na cama comigo, vem.
Bem caladinho subi na cama e me deitei, e ele tirou a mão que estava no pau e passou na minha barriguinha, ai ele disse:
—Quer ver meu pau?
Ele falava baixo e com jeitinho sedutor, logo afirmei com a cabeça, ele puxou a bermuda e depois a cueca, o pau dele era bem grande, bem grande mesmo, com a cabecinha rosada e torto para a direita e pequenas veias e um sabo bem considerável, sem perguntar peguei naquele pau e ele me mandou chupar, então eu comecei, chupei a cabeça e depois fui sugando o resto daquele pau, não comsegui engolir tudo, mas eu passei a língua em todo ele, mamei as bolas dele.
Ai ele se virou, e disse:
—Agora minha bunda.
Coloquei a mão de cada lado, abri o cuzinho e ele falou comigo:
— limpei ele todinho para você lamber.
Então eu comecei a passar a lingua naquele cú rosado, apertei aquela budinha, ai ele ficou de quatro para eu passar a lingua e ele poder bater uma pinheta.
Então paramos e ele falou que era a minha vez, e ele lambeu minha bundinha, apertou ela, ele colocou a lingau dentro do meu cú, o rosto dele ficou vermelho e ele gemia de prazer.
Então chegou a hora que ele esperava, ele cuspiu no pau dele e relou no meu cuzinho, e começou a colocar a cabecinha no meu cú, depois de muita dificuldade ele conseguiu, e começou a enfiar tudo, vagarosamente doía um pouco, mas logo parou de doer, e então ele começou o movimento de vai e vem, ele gemia de prazer e eu também. Depois de bons minutos do vai e vem eu senti um jato de porra no meu cú. E ele ficou lá com o pau dentro do meu cú aproveitando o momento, ai ele tirou e se jogou na cama, fiz o mesmo, então dormimos, mas ainda tinhamos p dia todo sozinhos, ainda iriamos apeovaitar mais.
Foto 1 do Conto erotico: Dei para o meu avô I


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario coroa70

coroa70 Comentou em 16/11/2016

Me deixa ser seu avo e tb gozar no seu cusunho .votei

foto perfil usuario bearloveds

bearloveds Comentou em 15/11/2016

Continua que eu gostei do seu vôzão

foto perfil usuario kzdopass48es

kzdopass48es Comentou em 15/11/2016

Que delícia de avô! Betto




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


90998 - Dei para o Professor de Inglês I - Categoria: Gays - Votos: 10
91076 - Dei para o Professor de Inglês II - Categoria: Gays - Votos: 6

Ficha do conto

Foto Perfil novinho15ago
novinho15ago

Nome do conto:
Dei para o meu avô I

Codigo do conto:
91906

Categoria:
Incesto

Data da Publicação:
14/11/2016

Quant.de Votos:
8

Quant.de Fotos:
1


Online porn video at mobile phone


Sexo com Beto Papakupeguei minha sobrinhaJaponesasubmisavirgens assustadas contoscontos eroticos fudendo minha bisavoperdendo a virgindade com um coroa contoContos Padrasto tirando cabaçoscontos eróticos priminhoconto erotico gay uber com fotocontos gay ciclistamilf+toons+brasilcontos eroticos de negona bundudaconto erotico de sogra gostosaLer conto d esposa ca relatando as foda safada com outro machocontos fodas oficinafilhinha conto eróticoMinha mãe de bucera reganhadafilho mimado conto eroticocontos eróticos de gay comi a bunda do meu professorcontos eroticos amiga rabudaconto erotico estupro realfotos de codress e traveste se comendocontos eroticos minha primeira inversaocontos quadrinhos corno bissexualeu e meu irmao contosconto corno passivocontos eroticos novinhos passando a rola nas coroasperdendo as pregas do cu contoscalcinhas de npvinhas meladimhascontos eroticos coroas casadas usando tamancos de madeirapeguei meu marido comedo a prpria irm delevidio amador cao engatado na sua dona e rnche ela de porraconto porno com velhoContos eroticos de cuidador de idosoContos eroticos gay dei sonifero pro primonua na rua contoconto erotico gay a caronacontos eroticos sou adotadacontos de casadas que gosta negaome deliciando nas picas dos meus ermaosatravessei a gostosa hentaicdzinha bundinha contosDando, pro roludo' contoeroticocolado conto heterocontos primeiro sexo primeira suruba de uma novinhaquero ver o homem enfiando a mão por baixo da saia da mulher no metrô encoxando por baixo da saia da mulher cochichandobaba e negao quadrinhocontos de filhas dando pros paisdei a buceta pro meu sogro bem na frente do frouxo do filho dele kkcontos no cu do pai e da mãecontos eroticos comendo uma carcereirachupando grelo até ferirconto erótico noraver quadrinhos d chefes pauzudosultimos conto sadocontos eroticos comendo deficiente mental gayquadradinho erotico de travestecontos em quadrinhos porno maes putas garotos roludosno conto erotico melho tramsa d minha vida foi com minha mae e minha tiapono conta erotica de relato estrupando a velha rabugentaconto erotico ferias com papaiconto erotico comi duas lactantesquadrinhos eróticos com fotos reais cornoshantai prono em quadrinho fode o cu a focaenteada nuaconto erotico a forçaamadoras chorou quando pediu pro namorado enfiar so a cabecinha na boca dela mas ele enfiou a rola na garganta e ela engasgoupokemons contos eróticos gaysmamae.putacontos eroticos como fode a ben novinhaque novinha safada contoContos lesbicos a amante do meu maridocontoerotico so.no.bumbum tiacontos erotico o porteirocontos de sexo com a minha avoconto erotico fatima garciacontos erotico minha filha doênte mentalvideo porno gay de amigo q p devolver o cell do outro ele teve q da o cuos simpson em quadrinho sexo gay