Minha iniciação


Click to Download this video!


O que irei narrar aqui é um caso verídico que me marcou a minha vida.
Ainda criança tive a minha primeira experiência sexual. A primeira pica a gente nunca esquece. Ainda em tenra idade vi aquele gisgantesco pedaço de musculo pulsante em minha frente. Branco, grosso e quente. Toquei o e senti sua macieis e vigor. Anos se passara e aquele pau ficou gravado a ferro e fogo em minha mente.
Já aos trinta anos obtive o meu primeiro contato gay propriamente dito. Um(a) pessoa da mesma faixa de idade. Ele era assumido. Primeira vez que colocava uma pica na boca. Não me senti confortável e nem foi do jeito que eu pensei. Tinha as minhas fantasias dês que vi aquela gigantesca pica pela primeira vez.
Aos quarenta e pouco anos realmente, assim podemos dizer, tive a minha primeira vez.
Estava na praia de Rio das Ostras no RJ quando vi aquele homem aparentando a mesma faixa etária que eu a me acenar. Ele queria uma informação sobre a praia. Era morador novo na localidade.
Passei a informação e continuamos em um papo sadio e de machos.
Não sou exemplo de beleza. Mais ele derrepente me olha e pergunta a minha idade, se era casado e tudo mais.
Na lata me diz que eu era um belo exemplar masculino e queria ter um contato mais intimo pois eu tinha mexido com a sua libido. Minha mente viajou ao passado.
Eu agradeci o elogio dele e disse que nunca tinha feito aquilo. Esta internamente sentindo um tesão do cú e no cú. Fiquei na minha. Ele respondeu tudo bem que entendia.
Entre um papo e outro umas cervejas e com muito tesão um pelo outro. Eu doido para comer aquele cú e ele provavelmente querendo comer o meu. Nos despedimos e ele me pergunta se eu poderia acompanha lo por uma turnê noturna na cidade. Aceitei e marcamos um horário e local.
Não hora marcada eu já estava lá. Todo produzido e perfumado. Ele chegou logo. Tomamos umas cervejas que quebrou um pouco do nervosismo da situação. Ele querendo me comer e eu querendo comer ele.
Eu não aguentando mais tesão correndo em minha veias, faço a proposta.
Amigo não aguento mais de tesão por vocêc Quero transar contigo. Você topa? Ele riu e falou vamos.
Chegamos ao local ele me deu um beijo na boca. Recuei. Ele olhando nos meus olho me perguntou assim. É sério que vc é virgem no sexo gay? Respondi que sim. Ele responde. O. Vou te ensinar a gozar e ser um homem completo.
Estava alucinado com a quantidade e a velocidade como os pensamentos vinha a minha mente. O tesão que a situação me deixava era estupido. Meu cacete doía de tão duro que estava.
Sai dos meu devaneios pois ele perguntou se eu queria beber mais alguma coisa. Aceitei. Ele falou que ia se refresca com um banho. Eu na cara perguntei se podia ir junto. Ele riu e disse que sim. Entramos no banheiro tirei a minha roupa e fui ao box. Ele elogiou minha pica e meu corpo. Ele másculo com um cacete grande e grosso. Mais grosso que o meu. Eu de pica durae ele a meia bomba. Peguei o sabonete e quando começou a passar em mim ele pede para que ele faça isso. Aceitei na hora. Gente que maravilha. Cuidou de mim como a mãe cuida do filho e um pouco mais. Saimos e fomos para a sala. Me explicou como ira fazer comigo e eu topei.
Começou beijando meu pescoço, depois meus mamilos. Me deu um gostoso banho de gato.
Amigos Ele abocanhou meu pau com volúpia. Estava no céu de prazer. Mais quando ele se aproximou do meu cú com a língua, eu tentei sair fora. Ele me segurou e disse . Vc vai gostar. Porque eu gostei a primeira vez.
Deixei. Ele desceu a língua devagar ae começou a rodilhar em volta do meu cú. Eu estava todo arrepiado de tesão. Gemia muito. Meu corpo era só goso e tremor. Era macho, homem mais estava amando aquela língua de um homem no meu cú. Pedi a ele para se virar e peguei no seu páu. Estava gigantesco. Grande grosso com uma cabeça vermelha e com chapeleta como um cavalo. Comecei a punheta lo e ele aumentou a velocidade da língua no meu cú e introduzindo ela. Eu delirava de tesão. Nenhuma mulher tinha me feito sentir aquilo. Estava adorando.
Tentei colocar o páu dele em minha boca. Abri o máximo que podia. Mais não consegui. Ele riu. Com o tempo vc aprende.Disse ele. Me ajeitei no sofá melhor. Tipo de quatro. Ele pergunta se eu estou gostando. Eu respondo que amando seria a resposta. Meus gemidos eram altos e já chamndo ele de querido e meu macho. Me sentia uma puta sem pudor. Queria sentir mais e mais prazer. Já imaginava aquela piroca rasgando meu cuzinho. Não pensava no estrago que aquela tora de carne iria causar no meu cu Queria senti la dentro de mim. De quatro no sofar, ele começa a me ordenha, e lamber meu cú. Eu pedi a ele para me fazer puta dele. Que ele atendeu prontamente. Foi ao quarto e pegou uma pomada anestésica. Eu disse que não. Que queria sentir tudo( sou macho). Ele enfiou o dedo e começou com um movivento de entra e sai. Senti algo estranho Pois so sentia o meu dedo ate então. Ele chega e fala pra mim que não iria forçar. Mais que queria comer meu cú. Íamos fazer troca-troca. Mde empolguei. Não conseguia tirar a minha mão daquele caralho. Lubrifiquei o páu dele com minha saliva. Pedi a ele para ficar deitado pois queria cavalgar e controlar a entrada do páu em meu cú. Me posicionei. Quando encostei a cabeçorra na portinha, eu tremi de prazer. Sentindo pela primeira vez uma pica no meu cú. Pedi a ela para manter a pica em pé e fui sentando abrindo com as minhas mão a minha bunda. Arriando devagar fui sentindo meu se abrir para dar entrada aqule invasor do prazer. Sentia a dor da acomodação. Forcei mais um pouco. Senti aquilo me rasgar Queimou. Mais nãoi sai de cima. Aguardei passar e forcei mais. Senindouma dor alucinante quando a cabeçorra entrou. Perdi as forças. Mais o que mais vinha nos meus pensamento é que eu agora era um viado. Esta com uma pica dentro do meu cú. Nem queria saber disso. Comecei a me movimentar em um sobe desce naquele mastro. Meu pau amoleceu devido a dor. Mais comecei a tocar uma punheta. E ele logo deu sinal de vida. Eu olhava firme nos olhos dele e pedia. Me chama de sua puta. Esta gostoso o ex cuzinho virgem? Ele respondia tudo que eu falava. Comecei a deixar de ser egoísta e queria dar muito prazer para o macho que estava me comendo. Comeceia a piscar o cu mesmo com a dor da dilaceração. Ele gemia a cada psicada. Eu subia quase tirando o páu do meu cú e fazia forças como se fosse defecar. Deixando assim meu cú mais aberto. E descia rápido e na subida eu apertava o anel envolta do páu dele. Ele gritava de prazer e começou a se movimentar em sincronia comigo. Ficamos uns dez minutos nisso. Ele me perguntou se podia gosar dentro. Fuqie temeroso. Não sabia o que dizer. Minha mente dizia que não. Meu coração e meu cú diziam sim. Dois a um. E comecei a descer o cú com mais velocidade naquela pica. Derrepente ele começou a me chamsr de cu de ouro viadinho gostoso de minha putaa. Senti a pica dobrar de volume dentro mim. Uma enxurda de porra foi despejada no meu cú. Não sei explicar o que eu senti. So sei que foi muito louco. Pela primeira vez como viado e putinha em todos os sentidos para uma macho. Aquela pica não parava de despejar seu leite dentro de mim. E eu comeceia a gogsar em cima dos peitos dele. Minha porra saia em jatos fortes devido ao tesão de estar gosando pela primeira vez com uma pica no cú. Foi uma só aquela noite. Fomos tomar banho. E deitamos um do lado do outro. Acordamos me despedi e fui para casa. Com a promessa de mais tarde nos encontrar mos. Mantivemos contato por dois anos. Conheci toda a família dele. Principalmente a Bela esposa dele que começou a participar com a gente que é outra situação que vou contar.


Quero casais e homens bi carinhosos. Para contato deixe sap ou e mail aqui. Preferencia. Região dos lagos do RJ. Tudo em absoluto sigilo.


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.





Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


Ficha do conto

Foto Perfil Conto Erotico coroagostoso1959

Nome do conto:
Minha iniciação

Codigo do conto:
88747

Categoria:
Gays

Data da Publicação:
06/09/2016

Quant.de Votos:
5

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


meu viralata fodedor contosa caminho da sacanagemcontos+orgias+com+minha+avó+e+sua+amiga+casadapegol carona sedel malcontos eroticos mulher de saia sozinha no cineporno e da a buceta para variosconto erotico taradotaboo estou apaixonada pelo meu filho sexo incesto contoseu conto peguei o meu cunhado cheirando a minha calcinhaoutra chance parte 3CONTOS FOTOS EROTICOS TIO NEGAO PIROCUDO COM SOBRINHAS VIRGEMcunhadinha louca para tirar o capaso d cunhadocontos camioneros fudeno.com.brexcesso de mulheres gostosas se exibindo fazendo esposa de vestido curto transando sem sala gemendo na pica deleGoiânia morador de rua dei cu local conto gaygayzibho gemendo loucamente contos heroticoscontos etoticos fui comido na marra vestido de mulhercontos eroticosamigo come garoto novinho dormindo[email protected]contos gay meu irmao me defendeuسكس قصص لولوcontos eróticos minha mãe fez um festa de máscara em famíliavideos caseiro verdadeiro amante pauzudao dotado falo que so iria esfregar mas coloca no cu da mulher que grita de dorcontos eroticos sentada no colo do papai na pracinhaxvidio. mulhe. casada fudeno 20017 no brasilcalsinhamolhada.comcontos a punheteira da familiacontos eroticos de farmaceutico de rola grande e grossaconto erotico humilhando corno de pau pequenopornô incesto trás ando com a sogra deliciaContos de sexo com sobrinha demenorcontos eroticos de genro fazendo xixi a sogra vecontos eroticos tio dormindo e sobrinha rabuda chupa seu pau de 25cm[email protected]conto de corno bêbado e amigo mulher timidaSogra sem calcinha no jardim seachconto erotico sexo com o sobrinhocomi a menina com sindrome de down contos eroticosquadrinhos eróticos engravidando a mamãe contos eróticos fudi minha cumadre e suas filhasdeixaram minha esposinha toda baguncada contos cornosviciei em dar o toba contosconto erotico patroa taradascontos porno jumentocontos eróticos vou te arrombar toda sua vagabundacontos fudendo casadaConto erotico de maesinha gostosa de camisolinha transparentemeu padrasto tirou minha calcinha e comeu meu cuzinhobatendo punheta de chinelo contoscontotiasafadacontos de scatDei minha buseta pro meu irmao conto pornocontos gay na infânciacontos eróticos Meu Vaqueiro me comeu no curral meu marido virou chifrudoContos de madarastas safadasmulher transando com cachorocontosdesvirginado contopenis na bocetaconto erótico minha esposa é uma boa com uma p*** baita p***Contos entiadas feitas escravasconto erotico foda com policialConto Erótico Incesto Gay – Meu tio me comeuporno gay brocado de cabacolimpa minha buceta seu corno contoContos de cdzinha afeminada provocando com shortinhoturistas conto eróticoconto erotico minha amiga de presente pro meu maridoconto erótico meu tio me ensinando a amamentarcontos eroticos meu marido gosta de leitinho na bocaBucetas das Sogras Rabudasconto erotico irmaos nucontos eróticos dei o cu para me vingarHq incesto enrolada com papaicontos eroticos vizinha novinha ecuriosaContos eroticos sobrinho hiper dotados comendo as tias e madrastaconto erotico filha loucuraconto erotico lesbianoconto sobrinha legalputona nuaWww.conto eroticomorena no tremconto no meu cuzinho apertado anosde cueca pegando no cacete contocontos eroticos enrabando a caipiraconto erotico aves que fui arrombado transexquadrinhos eróticos de gays o amigo negro do meu filho