Recebendo os amigos na praia


Click to Download this video!


Eu e meu marido estávamos em férias na praia quando recebemos o telefonema de um colega dele que estava de passagem com a família por ali e queria nos visitar. Meu marido logo deu o endereço e disse para virem, que seria um prazer recebe-los. Estávamos hospedados em uma casa muito ampla e bonita á beira mar, tinham quartos de sobra e eu já estava ficando entendiada só com a companhia do meu marido, achei o fato de recebermos visitas interessante. Giovani era um colega de meu marido que havia sido transferido de SP a pouco tempo, por isso eu ainda não o conhecia. A família chegou ao entardecer, Giovani era um homem muito interessante, aparentava ter uns 40 e poucos anos, pele morena bronzeada, olhos claros, cabelos grisalhos, tinha um charme e um sorriso encantador. Sua esposa era uma mulher bonita, loira, magrinha, mas visivelmente desleixada com a sua vaidade devido á atenção excessiva ao filho de 3 anos, um menino com carinha de anjo e comportamento mimado. Ao nos cumprimentar e sermos apresentados senti um olhar atento de Giovani ao meu corpo, que diga-se de passagem, estava bem produzida, com uma saída de banho longa e transparente, pés descalços e biquini branco por baixo. Logo fomos mostrando a casa e oferecemos a eles um quarto ótimo da casa, uma suíte bem ampla, onde poderiam acomodar o filho junto, já que, segundo a esposa, o menino não desgruda dela nenhum segundo. Com esta observação dela já comecei a imaginar que a vida sexual do casal não devia estar lá as mil maravilhas, e como aquele homem com aquela virilidade aparente se virava?...A conversa fluiu solta, assim como drinques, petiscos, meu marido fez questão de oferecer tudo do bom e do melhor para eles, e várias vezes notei Giovani me olhando enquanto eu buscava alguma coisa na cozinha. Aquele olhar começou a me deixar excitada, e fantasias começaram a me povoar a mente...A esposa só tinha olhos e atenção ao filho, era para dar banho, era para alimentar, era para levar até a praia...eu já estava cansada só de ver....kkk. Já era tarde da noite quando todos nos recolhemos aos nossos quartos para dormir. Tomei um banho, passei um creme perfumado pelo corpo e coloquei para dormir um micro shortinho branco e uma camiseta grudadinha na pele, o que me deixou muito sexy. Meu marido me esperava na cama a ponto de bala, querendo me devorar, dizendo vem minha gostosa que eu tô louco pra te comer, vem...como eu estava com sede, disse a ele que me esperasse que eu ia até a cozinha pegar uma água e já voltava pra faze-lo feliz. Como eu tinha certeza de que a família já havia se recolhido, fui vestida assim mesmo para a cozinha. Quando acendi a luz, levei um susto! Giovani estava na sacada, fumando um cigarro...quando me viu naqueles trajes notei sua empolgação. Me desculpei pela roupa e disse que não esperava encontra-lo ali. Ele sorriu e se desculpou, pedindo que eu ficasse a vontade e fizesse de conta que ele não estava ali. Ele estava ainda mais lindo, sem camisa, peito nú, calção deixando um par de coxas lindo á mostra e uma cara de safado. Então resolvi me aproveitar da situação e dar uma desfilada pela sala, fazendo de conta que estava fechando as janelas e provocando olhares sedentos de Giovani, perguntei se estavam bem acomodados no quarto, ele disse que estava tudo perfeito, que o quarto era ótimo, e que ele só não estava lá porque a esposa havia dormido com o filho e ele estava sem sono. Lembrei que havia deixado meu marido esperando e resolvi ir pegar a água e desejei a Giovani uma boa noite. Enquanto me dirigia ao meu quarto, que era no fundo do corredor, fui rebolando com o meu shortinho enfiado na bunda, tendo a certeza de que estava agradando e muito a platéia solitária que me assistia. Chegando no quarto tive uma idéia, porque não atiçar e animar um pouco a noite daquele hóspede? deixei a porta entreaberta propositalmente e o quarto á meia luz, só com o abajur de cabeceira aceso, meu marido já estava nú e muito excitado a minha espera, fui tirando minha roupa, peça por peça e então me joguei naquela cama por cima dele, sedenta por sexo. Não economizei gemidos e gritinhos enquanto era comida pelo meu marido, a fim de que meu hóspede ouvisse e quem sabe tivesse até a curiosidade de vir olhar. Enquanto eu era comida de quatro dei uma olhada discreta para a porta e pude ver a silhueta dele nos observando, isso me deixou ainda mais excitada, gozei muito e pedi mais, me deitei e pedi ao meu marido uma chupada gostosa, o que ele se pôs a fazer na hora, enquanto isso eu tocava meus seios, gemia muito e olhava para a fresta na porta.Giovani percebeu que havia sido descoberto, e tentou sair, mas a vontade de olhar foi maior, como viu que eu o tinha visto e não tinha relutado, bem pelo contrário, continuou a olhar aquela bela cena, por certo estava a se masturbar...Depois de várias gozadas eu e meu marido adormecemos, exausto e nús. No outro dia nos encontramos todos no café da manhã. Os olhares de Giovani para mim estavam ainda mais frequentes e intensos, parecia que ele queria me dizer algo com o olhar. Coloquei um biquini bem pequenininho, mal tapando meus mamilos, deixando meus seios fartos valorizados, uma tanguinha fio dental, que deixava meu bum bum bem á mostra e fui para a área da casa, convidando a todos para irmos á praia. Eu e meu marido fomos na frente e a família ficou para trás, pois a esposa tinha que passar protetor no menino, preparar um suco pra ele, pegar os brinquedos, bla,bla..Depois de quase uma hora que já estávamos na praia ela chegou com o menino. Perguntamos por Giovani e ela disse que ele não gostava muito de areia e que tinha ficado na casa. Não pude deixar de imaginar aquele homem sozinho na casa e me deu uma vontade de ir até lá..mas como eu faria isso sem levantar suspeitas? Então lembrei que quando chegamos na casa eu havia visto uma prancha pequena na dispensa e resolvi perguntar ao menino se ele não queria brincar de surfista, o que ele quis de imediato, então eu disse que iria até a casa buscar uma prancha que eu havia visto e já ia aproveitar para trazer uma cervejinha gelada para o meu maridinho. Fui até a casa, que ficava bem próximo da praia, entrei sem fazer barulho, queria ver o que aquele homem fazia ali sozinho. Um misto de medo e tesão me invadiu o corpo, meu coração acelerou e vi que a porta do quarto dele estava entreaberta. Fui chegando perto e pude observar que ele estava deitado na cama, para minha surpresa e deleite ele estava batendo uma punheta deitado na cama, sem camisa, só com uma cueca. Ele gemia de tesão e batia forte aquele pau enorme. Aquela cena me encheu de tesão, minha buceta começou a latejar e tive muita vontade de dar para aquele homem. Só de pensar que ele poderia estar me desejando também aumentou minha vontade, então num impulso movido pela vontade e não pela razão, entrei no quarto feito uma doida e fui até a cama. Giovani levou um susto e tentou se recompor, mas eu fui logo segurando o pau dele e dando continuidade ao serviço. O pau dele era muito grosso e estava duro feito pedra. Ele me olhava com desejo nos olhos...me segurou pela nuca e disse: eu tô louco por você...me puxando para cima dele. Arrancou meu biquini e começamos a nos agarrar feito dois bichos. Ele me mordia e beijava o corpo todo. Me chupou a buceta com tanta sede que me levou ao gozo em apenas alguns segundos. Me colocou de quatro e enfiou aquele pau enorme, me rasgando e tirando gritos. Foram poucas estocadas e senti jorrar aquele leite quente dentro de mim. Que transa louca e gostosa. Dei-lhe um beijo vagaroso, recolhi meu biquini que estava no chão e fui para o meu quarto me recompôr. Em alguns minutos eu estava de volta á praia levando o prometido e com o coração ainda acelerado. A tarde a família seguiu viagem e eu e meu marido ficamos. Nunca esqueci aquela transa doida e deliciosa, Giovani era um homem muito gostoso e com pegada, por causa dele gozei várias vezes no chuveiro e dei com muito tesão para o meu marido, imaginando aquela trepadinha roubada e maravilhosa numa manhã na casa da praia.

Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario

Comentou em 02/06/2016

Conto delicioso, excitante muito bom mesmo..votado..

foto perfil usuario anjo discreto

anjo discreto Comentou em 01/06/2016

Hmmm, conto delicioso.. Muito excitante! Beijos

foto perfil usuario Soninha88

Soninha88 Comentou em 01/06/2016

conto muito bom, super excitante...adorei e votei...bjs




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


83593 - Vizinho curioso - Categoria: Heterosexual - Votos: 9
83835 - Pós venda no capricho - Categoria: Heterosexual - Votos: 6
83921 - Dando atenção ao hóspede - Categoria: Heterosexual - Votos: 9
84326 - Trânsito trancado - Categoria: Heterosexual - Votos: 5

Ficha do conto

Foto Perfil Conto Erotico casadadosul

Nome do conto:
Recebendo os amigos na praia

Codigo do conto:
84184

Categoria:
Heterosexual

Data da Publicação:
31/05/2016

Quant.de Votos:
7

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


porno brasileiro meu marido so que come meu cuzinho porque ele e apedadiho5 sado contos eroticosContos eroticos com coroasPirralhos fudendo casais contos879056 vidio pornoraffa_ka instagram contos eroticos virei cadela latindoconto herotico gay nacir para dar o cusou puta safada/contoscontos eroticos esposa dormiuContos com casadas em surubas com marido e dotados que colocam sem cuspewww.contos eroticos mae pede pro filho casula pauzodo comer cu delacontos eroticos de casais liberais em gostoso menage com cacetudoConto porno desdi pequena pai e mae me comeputa.gostosa deixa.negao pauzudo.comer.seu.cu.conto.heroticovi pai pelado pinto dele e muitograndee ecomeu euhentai gay pai e filhocomendo o cu da aluna da auto escola contocontoerotico fudida pelo marido e sogrocontos eroticos gay putinhamai brasirera pedi pede para o filhi fudela gostosocapoeira com capoeira conto gaypriminha dormindo linda aproveitar beija a buceta delacontos de vizinhos tarados"corninho fala"contos vadiasConto porno desdi pequena pai e mae me comeporno filhinha padrasto Com peNsamentoS torridoscontos eróticos AVS conto erotico, pai deixando amigo bulinar a filhinhameu amante tem uma rola emorme me deixa toda inchada contosultimos contos eroticos dando o cu pela primeira vezConto eritico da velinhacontos eroticos com imagensconto erotico ahh uhh mais mete vai ahhconto erotico esposa calca suplex negrocontos erotico marido do pinto pequeno e sobrinho roludoconto de casada tesudaContoengravideiumanovinhacorno do genro contoscontos gay brigacontos gay meu irmao me defendeucontos eroticos esposa coloca coleira no maridocontos eroticos: exibindo a picacontos eroticosconto aposta pau enormemulhenuanocarnavalsexi com moleques de Ruaconto eróticominha madrasta mi seduziu pra fuder a buceta rachadaconto erótico de gay fodendo com lixerotransei com o meu genroContos de marido pegando esposa trepando e fica com tesão com muita raivacontos erotico gay brincando de verdade ou desafiotitia é de mais contoscontos eroticos bizarros bebendo leite da gravidacontos 25cm de na bucetacontos tia e sogra bêbadacap 24 tio eduardocasada paga alugueo atrasado conto pornizoofilua novinha linda feu o cuzinho pro cachorrocontos pai estrupa e rasga cu de filho pequenoconto erotico vovo postiço chupando xanaconto erotico engulo tudosexo mulher 70 anos conto eroticoContos gay pau pequenozoofilia contos eroticosConto anal Arrombada por pirocoesfudendo minha sogra hentaicomtos eroticos d senhoras pagamdo garotos para fudelasno cu eu chorei contosconto erótico apagãocontos eroticofui estupradoo o quanfdo era pequenoContos eroticos comida no barraco poe um negãoconto erotico esposa amarrada e vendada