A Praia de Nudismo a Surpresa de ser estuprado por


Click to Download this video!


Era Quarta feria e eu tinha ido até um cliente em Urusuquara divisa de Linhares e São Mateus, aonde tem uma Praia de Naturismo, quando voltava para ir embora era 12:50 quando ao passar pelo Cais que fazia a travessia para a ilha, pude ver 2 Gatas, que ao passar devagar pude constatar que eram travestis, pelo tamanho das duas e pelo jeito, na hora o tesão tomou conta do meu corpo, e mesmo tendo um cliente para visitar eu andei ainda 2 km e a imagem daquelas duas beldades, não saiam da minha cabeça, não estava preparado sem sunga em toalha, afinal fui apenas a trabalho, mas parei o carro pensei e falei eu tenho que ver aquilo de perto, falei comigo mesmo se der errado eu dou um mergulho depois de me secar eu vou embora e pronto, 20 minutos depois eu estava na margem do Rio e pedi para o cara da balsa que iria para a Praia, e logo estava a fazer a travessia, ao chegar na ilha, caminhei pela trilha até chegar ao Camping que dava uns 800 m, ai quando se chega na entrada uma placa diz que a partir dali, só entrava totalmente pelado, o que fiz, pois já tinha ido naquela Praia umas 3 vezes, porem nunca tinha visto Travestis, pois quando ia era Sábado, Domingo ou Feriado, quando cheguei no Camping estava vazio apenas algumas mochilas, deixei uma bolsa minha e fui para Praia, que por mais uns 250 m, pude ver a Praia e para minha surpresa não tinham 2 mais 5 Travestis que juntas tomavam sol, meio sem graça caminhei normalmente para dar um mergulho, quando olhei para o lado pude ver que estava sendo olhado pelas 5, eu as cumprimentei e continuei até o Mar aonde dei um mergulho e fiquei nadando por uns minutos, ao sair sentei a uma distancia dela e fiquei contemplo o Mar, mas na verdade minha cabeça estava doida para chegar junto aquelas delicias, fiquei por pensar e a ficha caiu porque as Travestis viriam em dias de semana, para ficarem totalmente tranquilas para se bronzearem sem ter preconceituosos, e chatos e babão como eu rsrsrsrsrsr, quando ouço um pisu, para a minha alegria era Samanta uma morena toda bronzeada e com uma cor de deixar muita gente babando, me chamando, me levantei e fui até aquele delicioso grupo de travestis, oiiiii boa tarde meninas tudo bem, Samanta me perguntou o que eu estava fazendo ali na Praia delas, eu sem titubear falei que era frequentador daquela Praia, ela voltou com outra pergunta, mas dia de semana só tem nos aqui? Não tem medo de ficar com tantas travestis aqui? Eu logo a respondi, realmente eu venho mais aos fins de semana, mas estava passando por ali e deu vontade de dar uma caída, pois me sentia livre sem roupas, e que não tinha medo delas, e ainda fui mais longe, meninas acho vocês todas lindas e não tem preconceito nenhum! Samanta deu uma risada e falou olha que você pode não gostar hein, me olhando com um olhar de desejo, nisto ela perguntou se eu sabia passar bronzeador? O que falei logico, quer que eu passe em você? Ela sorriu claro gatinho, me dando um creme para lhe passar, ao começar passar o bronzeador em Samanta, Nádia, Karina, Milena e Suzane eram o nome das outras, logo falaram que depois seriam elas, eu prontamente concordei, a princípio todas estavam de costas com sua bundas expostas para mim o que não pude conter minha excitação, ao passar o creme naquelas costas lisas, sem pelos, ao passar na bunda meu pau ficou igual uma pedra, pois era um senhora bunda sem um pelinho sequer, eu elogiei e falei meninas como vocês são tão lindas assim, fui passando em cada corpinho, até que voltei para Samanta e falei que agora seria para virar, nisto uma a uma foi virando, te falo que foi uma das mais lindas cenas que tinha visto, pude ver cada cacete mais grande que o outro todos estavam duros, apenas Susane ainda estava meia bomba, mas era enorme só não estava em pé, mas era super grosso, fui passando creme em cada uma e sem mais aguentar, fiz a pergunta posso dar uns beijinhos nestas delicias, quando Samanta consentiu, eu abocanhei aquele delicioso cacete que devia ter uns 21 descia e subia sobre todo o corpo recebendo um agradecimento de Samanta, nossaaaaa como você chupa gostoso, ao fazer a troca do bastão e engolir o pau da Nádia, pude sentir um toque na minha bunda e logo senti uma língua por forçar a entrada junto com um depois dois dedinhos, dei um recuo, mas logo cedi pois estava um tesão danado, troquei para o pau de Suzane que com pouco tempo pude ver o que tinha virado aquele cacete meia bomba, ele se fortaleceu dentro da minha boca, e pude ver um mastro de 26 cm e super grosso, chupava com todo prazer mas não consegui engolir por inteiro, logo foi a vez de Karina, quando pude sentir Suzane começar a se posicionar atrás de mim, na hora bateu um pânico, e quis pedir arrego, o que ouvi com uma voz rude e me deu um tapa na cara e falou, ninguém te chamou aqui! Se veio agora vai ter que aguentar! E se vir querer da pra traz vai tomar umas porrada ainda! Cala a boca engoli o pau da Karina que vou te dar um trato aqui, e me mandou eu empinar a bunda, que se eu travasse me cu ela me arrobaria e a dor seria muito maior? Depois de ouvir tudo isso eu tinha que relaxar e tentar aguentar, quando senti a cabeça do cacete de Suzane romper meu anus, eu literalmente vi estrela, e so não berrei e gritei porque tinha um cacete de 23 cm atolado na minha boca e que de vez em quando Karina introduzia todo seu cacete e segurava minha cabeça, por várias vezes tive princípio de vomito, que por experiência dela ela liberava minha boca, antes que tivesse vomitado, a dor que sentia na minha bunda era enorme, pude sentir as estocadas na minha bunda, ardia, doía eu por um momento cai de tanta dor, logo recebi ordem de ficar de quatro e tomei dois tapas na cara, veio aqui agora tem que aguentar, e em um momento senti que quase desmaiei, mas logo recebi um balde de agua do Mar, que me deixou um pouco mais consciente e agora já sentindo prazer, o que começou a ficar mais gostoso, e sentia 2 rolas na minha boca ora alternava, senti uma boca no meu cacete, era Samanta que me deixava mais feliz, e sem conseguir falar eu apenas gozei e falo que gozei muito, na boca de Samanta, ela levanta com a boca com meu esperma escorrendo na sua boca, falando o veadinho gozou na minha boca, teremos que dar leitinho para ele meninas! Logo depois de 30ª 40 minutos tomando vara daquele cacete gigante da Suzane, ouvi ela pedir para trocar de lugar com Karina que de imediato supriu o vazio que o mostro do cacete da Suzane me deixou, logo ela tirou a camisinha e atolou seus 26 cm na minha boca, ela literalmente fodia minha boca, me maxilar doía demais pois era grosso de mais, senti o primeiro jato no céu da minha boca, e logo recebi a ordem de nõ deixar uma gota sequer sem engolir, senti o segundo e terceiros jatos inundar minha garganta, ela apenas tirou por um segundos e mais uma vez falando e olhando para mim e mandando engolir tudinho o que fiz engasgando e ela com seu cacete com já um monte de porra na cabeça junto a sua mão, mandou eu passar a língua e engolir o leitinho, o que fiz, e sinceramente comecei a gostar de receber as ordens, e o leitinho dela estava quentinho e gostoso, nisto tudo sendo socado com maestria pela Karina, estava sentindo uma puta sendo estuprada por todas aquelas beldades cacetudas, quando depois de sugar a última gota da Suzane, Samanta veio me dar sua cobra para mamar, depois de sentir o ritmo de Karina ficar frenético, pude ouvir Samanta deixa eu continuar alimentar este cuzinho Karina, vem dar seu leitinho para este bezerro tomar, ao falar isto senti de uma vez minha boca e cu ficarem vazio por apenas 5 segundos, logo recebia o pau de Samanta na minha bunda, que como era bem menor que os dois anteriores só sentia prazer, enquanto em 2 minutos pude sugar todo o semem da Karina garganta a dentro, logo foi a vez de Nádia me dar seu cacete de 22 cm na minha boca, senti Samanta me socar por mais uns 20 minutos ai teve a inversão, ai vi Samanta encher minha boca de porra, ela gozou quase 1 litro e me fez engasgar de tanta porra e não deixou nada escapar me fez engolir o que tinha caído, logo veio Milena que era uma loirinha que parecia uma mis de tão linda, tão feminina, ninguém poderia falar que ela era uma travesti me dar um cacete de 20 cm porem mais grosso que os da Nádia e Samanta, fiquei por 30 minutos levando ferro de Nádia e mais 20 minutos de Milena e engoli também os seus leitinhos, quando pensei que iria descansar veio Suzane me dar seu cacete para chupar e logo ela me comeu por uns 40 minutos era super ativa e dominadora, me tratava como uma cadela, me chamava de viadinho de puta de vaca, sei que gozei sem colocar a mão no meu pau por 2 vezes, e depois de engolir mais a porra de Suzane ela me deixou e falou que se quisesse poderia me lavar, ao levantar vi que as meninas me olhavam e pude ver que era o motivo do sorriso do rosto daquelas beldades, fui dar um mergulho no Mar e meio zonzo te tanto ferro na bunda quando meu maxilar doíam, pensei comigo caramba que surra que levei, mas estou bem, pensando que iria embora para casa, ao voltar para a Praia, logo recebo uma ordem de Suzane, Felipe faz um favor para nos, sabe montar barraca? Respondi que sim, nisto ela me manda montar 2 barracas uma grande de 2 quartos e uma varanda e uma menor, depois de 30 minutos montando as barracas com os colchoes devidamente cheios, fui até elas e conversando que estava tudo prontinho que estaria por ir embora, pois tinha um compromisso, quando para minha surpresa recebi uma resposta curta e direta de Suzane, o Felipinho, creio que você terá que adiar este compromisso, estava conversando com as meninas e decidimos que você será nosso escravo da ilha, pois temos algumas tarefas e que se continuasse comportando amanhã eu poderia ir! Fiquei sem reação, tentei mais uma vez persuadir Suzane mas recebi um não, de cara e se eu continuasse a não concordar seria pior! Um misto de tesão e preocupação me encheram e falei comigo mesmo, e quem procura acha! Já eram 6:30 ainda dia pois era horário de verão, quando Suzane me mandou catar uns gravetos junto com Samanta e Karina, para fazer uma fogueira, apesar de ter luz elétrica fazer um lual com aquelas lindas meninas tinham o seu encanto, depois de catar e montar uma fogueira, recebi a incumbência de fazer um churrasco, logo estávamos comento e bebendo uma cerveja e rindo com uma conversa amigável, logo recebi a ordem de ir para a barraca e Karina, Samanta e Milena foram para dentro e logo estava chupando aqueles cacetes lindos, e Karina foi a primeira a me enrabar enquanto trocava ora um ra outro e algumas vezes com os cacete de Milena e Samanta dentro da boca, e depois de sentir Karina arrobar meu cu que já estava acostumado e estava gostando de levar rola, gozei na boca de Milena quando ela colocou a boquinha linda, de tão quente gozei na hora, recebi o leitinho de Karina logo em seguida de Samanta me comer veio depositar sua porra na minha garganta, e por último Milena gozou gostosamente na minha boca, já estava deixando a barraca quando Suzane e Nádia literalmente me levaram para dentro, calma minha putinha, agora e a nossa vez, eu apenas concordei estou a disposição minha gostosa, e logo estava com aquelas rolas deliciosas na boca, depois recebi o maior cacete no meu cu, e por mais que estava acostumado não era simples aguentar tudo aquilo no rabo e não sentir dor, Suzane era dominadora e gostava de fazer suas vitimas sofrerem ela era masoquista e ficava perguntando se estava gostando, falando para eu pedir mais o que obedecia e sentia seu saco bater na minha bunda o que me fazia estremecer, a dor era abafava com o cacete de Nádia que atolava na minha garganta, senti por 40 minutos estocadas de Suzane até ela vir da sua porra para tomar, engasgar e sugar e lamber cada gota que saia daquela cabeçona e ouvia ela mandar limpar e degustar, perguntando se estava gostoso? Eu apenas falava que sim que estava saboroso, e que adorava, logo senti o pau de Nádia entrar e sair pela minha bunda por mais uns 30 minutos e logo veio dar seu leitinho o que fiz, me levantei fui no Mar dei um mergulho e voltei para o chuveiro e logo recebo ordem de Samanta vai gato me chupa, que fiz e depois de 20 minutos chupando eu engulo todo aquele leitinho, já era uma 22:30 quando fui para a barraca e deitei pensando que finalmente conseguiria dormir, pois estava em frangalhos, já estava adormecendo quando Karina sem pedir atolou seu cacete no meu cu que logo estava sentindo um vai e vem ela colocou 2 travesseiro debaixo do meu pau o que ofereceu minha bunda para Karina cravar seu cacete dentro da minha bunda so acordei com uma dor que ao olhar, Karina falou vou tirar a minha saideira de hoje e gargalhando continuou mandando bala, meteu durante uns 25 minutos e depois veio me dar seu leitinho. Era umas 23:50 e voltei a dormir, que logo todas também. No dia seguinte acordei com o calor que fazia e ao me levantar, encontro Melina tomando café, e sorrindo para mim me convidou para o café, era 08:30, conversando com ela me declarei para ela e falei que estava encantado com a beleza dela, e ao falar e pela receptividade tasquei um beijo que foi deliciosamente correspondido, e como um adolescente passava a mão pelo corpinho daquela nifeta, logo me abaixei e comecei um delicioso boquete nela e ela também fizemos um gostoso 69, e ficamos sugando um ao outro que logo gozamos um na boca do outro, levantei e dei outo gostoso beijo. Continuamos e acabamos de tomar o café, fui dar um mergulho, dei uma relaxada no Mar, e quando sai, lá estava aquelas beldades, sorridentes e brincando, a safada da Suzane logo veio com seu jeito de mandona e dominadora, mandando eu ir na Vila comprar mantimentos e bebida, eu pensando que daria para dar uma escapada, ela me segurou meus documentos deixando apenas dinheiro e cartão comigo, o que eu iria falar, melhor não contrariar, e convenhamos tinha adorado a experiência, apesar da dor no meu anus e meu maxilar, tinha sido delicioso, pois apesar de ter sido apenas passivo, recebi de incentivo que na volta, eu poderia comer alguns cuzinhos, isto me deu uma vontade de ir e voltar o mais rápido possível, fui na fila e comprei carne, biscoitos, pão, agua, refrigerante e cerveja e logico gelo para manter no grau a bebida, lá tinha macarrão e miojo que complementariam e aproveitei para pegar 4 garrafas de vinho que tinha no meu carro, quando cheguei as meninas me saudaram com beijos, logo depois fizemos uma suruba deliciosa aonde comi Samanta, Milena, e Karina e fui comido por todas aquelas beldades de paus gigantes e deliciosos, tomei muito leitinho, pois elas depois de me obrigarem tomar, agora era eu é que queria engolir e pedir pelos espermas, daquelas gostosas.
Depois todos foram tomar banho no Mar e ficaram tomando Sol, e eu passei creme bronzeador em todas, na realidade eu estava como um escravos daquelas delicias, tanto sexualmente, quanto fazia as tarefas do camping, e ordens que me davam principalmente a dominadora da Suzane que toda hora ela me obrigava a ser uma putinha e realizava a vontade que ela tinha no momento, depois almoçamos e fomos deitar na barraca onde sempre tinha uma que me comia, se eu estivesse cochilando, acordava com uma tora no cu e logo era obrigado a chupar e cavalgar em cima daqueles grandes cacetes, sei que ficamos neste estupro coletivo aonde era a cadela, e putinha daqueles cacetes grandes, as vezes comia um cuzinho, mas era uma espécie de prêmio pois satisfazia a vontade e apetite sexual que elas tinham, e sempre uma estava descansada, pois era um revezamento constante, eu e que estava quebrado e todo dolorido pois realizar os desejos daquelas taradas não era para qualquer um, sei que dormir de Quinta para Sexta, e depois da manhã de Sexta ainda fizeram uma despedida, e me mandaram ir embora, peguei o celular daquelas delicias e combinamos de fazer outra festa desta na Praia de Nudismo, mas isto e uma outra história. Quando atravessei a balsa e consegui sentar no carro, fui dali até em casa com a bunda inchada, até para falar estava difícil pois minha boca estava em frangalhos de tanto chupar rola, meu estomago ficou dias até voltar ao normal, pois tomei não sei quantos litros de porra, beijos caso tenha uma travesti linda, eu gostaria de satisfazer ela.
Foto 1 do Conto erotico: A Praia de Nudismo a Surpresa de ser estuprado por

Foto 2 do Conto erotico: A Praia de Nudismo a Surpresa de ser estuprado por

Foto 3 do Conto erotico: A Praia de Nudismo a Surpresa de ser estuprado por

Foto 4 do Conto erotico: A Praia de Nudismo a Surpresa de ser estuprado por

Foto 5 do Conto erotico: A Praia de Nudismo a Surpresa de ser estuprado por


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.





Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


51129 - A Casa das Meninas - Categoria: Travesti - Votos: 5
51137 - 2ª Experiência com Nicole e Leticia - Categoria: Travesti - Votos: 3
51149 - A Volta a Casa das Meninas - Categoria: Travesti - Votos: 4
51360 - Barbara o encanto de Fortaleza - Categoria: Travesti - Votos: 2
51362 - Um churrasco no Sitio da Amiga de Nicole - Categoria: Travesti - Votos: 4
51405 - Suruba em Flat em São Paulo - Categoria: Travesti - Votos: 4
51406 - A volta ao quarto do Prazer - Categoria: Travesti - Votos: 2
51915 - Iniciação com a Hermafrodita - Categoria: Travesti - Votos: 9
51916 - Um passeio proveitoso na Boate Le Boy - Categoria: Travesti - Votos: 3
51917 - De um Passeio na Praia pesquei uma linda Travesti - Categoria: Travesti - Votos: 7
51918 - Fui caçar 1 Travesti ganhei 3 - Categoria: Travesti - Votos: 9
51919 - Tesão ao acordar na madrugada - Categoria: Travesti - Votos: 8
52935 - Fui cortar o cabelo e acabei tomando ferro da Bone - Categoria: Travesti - Votos: 11
54669 - Férias em Ouro Preto a Surpresa de conhecer Samant - Categoria: Travesti - Votos: 1
54670 - Fui a Boate e fui levado para o Paraiso - Categoria: Travesti - Votos: 2
54671 - O Ônibus do prazer - Categoria: Travesti - Votos: 3
54672 - Entrei e conheci Sexo no Cinema - Categoria: Travesti - Votos: 4
54673 - Na Praça do Prazer, estuprado por 6 Travestis - Categoria: Travesti - Votos: 2
54674 - Praça das Travestis, sexo louco - Categoria: Travesti - Votos: 2
63859 - Passeio Proveitoso acabei me realizando e fui ao n - Categoria: Travesti - Votos: 5
66212 - A Fazenda do Prazer - Categoria: Travesti - Votos: 7
66213 - Giovana uma cavala que vale por 10, me arrombou - Categoria: Travesti - Votos: 11
66525 - A Festa no Sitio, Parte I - Categoria: Travesti - Votos: 5
66526 - A Festa no Sitio Parte II - Categoria: Travesti - Votos: 3
66527 - A Depiladora travesti - Categoria: Travesti - Votos: 9
77573 - A Volta a Praia de Nudismo, Prazer Organizado - Categoria: Travesti - Votos: 7

Ficha do conto

Foto Perfil felipecampos
felipecampos

Nome do conto:
A Praia de Nudismo a Surpresa de ser estuprado por

Codigo do conto:
77571

Categoria:
Travesti

Data da Publicação:
18/01/2016

Quant.de Votos:
11

Quant.de Fotos:
5


Online porn video at mobile phone


pornocontoincestoabajun pornoconto erótico 103contos eroticos avo e netasnegrinha feis sexo com o pai por vingançasporno quadrinhosSogra nuanamorada vingativa conto eroticocomtos eroticos de patrao bem dotado cu virgeTrai meu marido com um garoto roludocontos eroyicos eu e minja mulher fudemos vom o massagistacavalo rasgando cu ate soltar porracontos eroticos sozinha em casa com o pepino e meu cachorroo dia que meu padrasto me comeu junto com os amigos delecontos eroticos juveniscontos gay o irmao mais novo do vizinhocontos eroticos casada crentecomendo a bucetinha da sogrinhadesenhos animados gay gibi sexoContos linda mulher gostosa (travestirabajun pornonegão pelado da Biquinhaquadrinhos eróticos xxx gay virando adultoconto corno ela deusexo gostosogibi porno o amario com acoroaconto erotico irmao enrrabando irmao gaycontos eroticos de xifrudosdoce vingança em sexo rasga a calcinha da mulher e come elaContos eroticos eu e meus amigos arrombaram a mamãevirei cadela de treis caxorroConto erotico de evangelicacontos eroticos escravizada pelo ofice boy taradocontos eroticos esposa coloca coleira no maridocontoeroticominhasobrinhamilftom visitando a primaver desenho animado gratis porno HQ hentai gay na idade médiaquadrinhos eroticos bunduda divorciadaa cunhada d********* para o cunhado foto em quadrinhosos convidados comeram minha mulher hentai e contos eróticosas pregadoras da igreja conto eriticocontos eroticos de madura desvirginando novinhoContos eróticos de incesto comi minha mae e a minha irmá gostosamenininha sapeca contosconto 3 gozadas no cusedutoras e marrentas parte dozeContos eroticos dei a buceta para um.motoqueiroquadriho eroticoestrupado a empregadacomendo a cunhada e sobrinha no carnavalcontos veículoo amigo negro do meu filho desenho enthai erotico em quadrinhomedica do cfm caiu na net fodendoporno esposa gritano na fremte do corno no pau de outroMenininhas sapecas en contos reais acontecidos em 2012 gratispacei a vara na minha sogra tarada e gostosamulher. pelada animematheus conto erotico gaycontos inxesto mae e filho piroculdo veridicocontos eroticos lesbicas incesto primeira experienciaAuuu zoofiliaconto menagecontos heroticp minha levava os homen para lhe fudercontos eroticos chorei no cacete dele 1conto erotico dei carona para a coroaconto erótico amo meu papaiconto erotico minha namorada dançando forro com meu tiotia loira gostosa bate ponhetacontos pro novinhoconto erotico de mae que de cobre que o filho que come elaengasgado com a gala do mendingoconto erotucos eu esoosa e familia nusConto travestidbundas enormes aregacadasietorias de mulher que deu o cu virgem e nao aguentou o pau no cu com fotosminha irma chupou pornoconto virei putinha dopadaconto erótico gay com o caminhoneirocorno mijado contos