Esposa escolhe macho para o casal


Click to Download this video!


Eu e minha esposa adoramos swing e ménage, e como estávamos presos às mesmas pessoas resolvi fazer um anúncio na net buscando exatamente nosso próximo fetiche, um homem ativo para ambos sem frescura. Um encontro estilo cuckold, aonde eu fosse quase que coadjuvante, aonde o macho comeria ela, namoraria minha esposa e eu ficaria disponível apenas quando solicitado para chupar o cacete do macho, lamber a buceta dela ou outras coisas pedidas, e caso rolasse afinidade ela queria demais me ver dando também.
Recebemos centenas de respostas, mais até do que conseguia responder, mas o engraçado é que as pessoas devem achar que ficamos o dia todo em uma casa fazendo sexo esperando o próximo a chegar e nos comer. Não entendo como podem achar que estamos disponíveis 24 horas assim como aquelas garotas que trabalham em prostíbulos rotativos.
Sendo assim ignoramos os: “Estou disponível agora”, “Vem pra cá que estou sozinho, ou minha esposa saiu vem agora”, este é melhor “Manda o zap que te pego, tenho carro”. Até entendo que um encontro casual assim possa acontecer, mas é raro, em nossas saídas fizemos isto apenas uma vez, aonde marcamos com um rapaz, ficamos no bar conversando por umas 2 horas e só então minha esposa sentiu-se a vontade para seguir ao seu apartamento.
Pois bem, vamos ao que interessa.
Dentre todos alguns poucos se destacaram, aceitaram conversar via Skype, e eu escolhi um rapaz que se dizia Bi e sua esposa tinha o sonho em vê-lo com outro homem, exatamente como minha esposa. Seria um troca-troca interessante com participação das esposas.
Depois de alguns dias de conversa via email, contei a ele minhas fantasias secretas e com o desenrolar da conversa resolvemos fazer um grupo no whatsapp para que os quatro conversassem. Estava tudo muito bem, até que a mulher dele deixou seu lado dominadora aflorar, aonde ela apenas transaria e ele só veria. Mas como minha esposa adora duas rolas meio que azedou o clima e nada foi adiante. Terminamos o grupo e pronto.
Para minha surpresa alguns dias depois começo a ver em seu telefone fotos dele em situações corriqueiras, vídeos dele se masturbando pra ela, mas como é comum ela se corresponder com os caras que saímos não dei muita bola, mas confesso que fiquei excitado afinal mesmo não sendo nosso perfil de homem ele tinha uma rola linda, e a safada estava gostando de sua conversa.
O tempo foi passando e fingi que não sabia que os dois se correspondiam, e o papo estava cada vez mais quente, ela mandando fotos dela durante o expediente da bucetinha, ele a mesma coisa. Até que ela começou a fantasiar outro em nossa cama, geralmente quando ela faz isto já está tramando algo em sua cabecinha de puta casada. Mas ela não me dizia quem era, mas a excitação era tanta que nem ligava.
Marcamos num feriado e fechamos o pernoite no motel. Entramos fomos para nossa suíte, mal entramos ele ligou dizendo que já estava, ela disse o numero e logo ele chegou. Nos cumprimentamos de maneira estranha, pois ele era mais novo, e na minha cabeça éramos dois querendo a mesma coisa. Então ela foi ao encontro dele e já o abraçou e o beijou na boca. Ficaram um tempo se beijando, eu então sentei-me a cama e eles ali ficaram se beijando, se abraçando se enroscando, sua boca começou a percorrer o pescoço dela, ela se virou suas mãos tocavam seus seios, a outra alcançou logo sua buceta por cima do vestido, ela gemia e esfregava sua bunda no corpo dele. Ela começou a olhar pra mim e com o dedinho me chamou, eu fiquei na frente a beijando e ele por trás, minha esposinha ficou louca e falando baixinho mandou-me tirar a roupa, e nisto já foi virando, e começou a tirar a roupa de nosso amigo, tirou sua camisa, beijou seus mamilos, desceu pela barriga, tirou seu cinto, desceu sua calça e já foi brincando com seu cacete por cima da cueca. Eu só assistia e estava com meu cacete durasso.
Até então ele estava se deixando levar por ela, mas quando ela sentou na cama e puxou sua cueca pra baixo, ele mudou. A empurrou na cama, terminou de tirar sua roupa puxou seu cabelo e já foi falando: _Vem cá puta, vagabunda, cai de boca nesta tora. Ela como sempre abocanhou tudo, era lindo de ver, aquele homem segurando ela pelos cabelos e fudendo a boquinha dela. Eu fui me aproximando por trás e beijando suas costas, alisando suas coxas, descendo meus dedos para sua bucetinha encharcada, beijava seu pescoço.
__ Sei que você quer cacete, chupa aqui também.
Ela tirou a boca e puxou meu rosto até encontrar com aquele cacete cabeçudo, vermelho, um pouco maior que o meu, deve ter uns 19 ou 20 cm. Como sempre me perdi, fechei meus olhos, e lambia a cabeça sugava aquele cacete lindo, ela então me empurrou rindo e chupou novamente. Ficaram assim por alguns minutos ele se ajeitou na cama ela veio por cima e sentou, ficaram naquela meteção por alguns instantes, ele apertando os seios, puxando-a e a beijando. Eu para não perder o costume fiquei ao lado alisando suas costas, descendo até sua bundinha, e escorregava os dedinhos até tocar no cacete dele, alisei suas bolas, fui beijando suas costas, passando minha língua em seu cuzinho e como não resisto deixava minha língua tocar o cacete dele, lambi suas bolas beijei suas coxas, então minha esposa gemeu mais alto, e gritando gozou, cai ao lado dele, eu aproveitei e abocanhei aquele cacete, mas ele tirou rápido, subiu pra cima dela apontou para a bundinha dela e devagar foi metendo, era lindo ver por trás aquele cacete entrando devagarzinho na bundinha dela, minha putinha recebeu o mastro do amigo com alegria, até rebolava, e ele foi enterrando, ficou paradinho só beijando ela por trás, até que começou a socar, isto foi lindo demais de ver. Minha esposinha de pernas abertas toda deitada sobre a cama, e ele enterrando em sua bundinha aquele cacete lindo, estava com tanto tesão que tinha medo até de tocar meu cacete e gozar, ela gemia sem parar, e me chamava. _Amor, ele tá comendo meu cuzinho, amor ele está metendo tudo sem dó da sua esposinha, amor vou ficar com a bundinha larguinha...Ai que tesão, quero mais, fode esta putinha que adora vara.
Estava tão lindo, corri para tirar fotos, e tirei poucas fotos, eles gozaram, ele puxava com força a bundinha dela de encontro com seu cacete, e jorrou tudinho dentro dela. Ficaram atracados por um tempo, quando ele saiu cheguei perto pra ver a bundinha dela, parecia um a flor abertinha, ele riu e falou baixinho: _Lambe aí vai. Eu hipnotizado abaixei entre suas pernas e lambi, ela olhou para trás: _Nossa amor, você está muito depravado.
Ele foi ao banheiro tomar uma ducha. Eu continuei dando umas lambidinhas sentindo o gostinho da porra dele e da minha putinha misturados. Ela me disse que gozou duas vezes. Falando isto eu afundei minha cara em sua bundinha sem vergonha alguma, tomado por tesão.
Quando ele voltou da ducha ela foi, eu estava na cama ele deitou ao lado, e baixinho novamente me disse:
_Eu sei o que você quer, vai topar?
_Mas eu achei que você era passivo.
_A louca da minha mulher que quer ver, mas eu quero é meter, e vou meter em você hoje.
_Ok.
_Ok o que?
_Vou dar pra você.
_Então chupa aqui.
Eu fui pegando seu cacete ainda meia bomba, colocava na boca, lambia, sugava, ele bateu na minha cara, eu gemi, aquele cacete foi ficando duro, crescendo dentro da minha boca, ele segurava minha cabeça e apertava contra seu cacete, eu quase engasgava, quando minha esposa voltou ficava rindo e colocou suas mãos na minha bunda, alisando meu cuzinho e dando tapinhas. _Hoje vai matar sua vontade amorzinho, vai aguentar amor?
Este incentivo me deixava louco, eu chupava e gemia sem pudor algum, comecei a rebolar no dedinho dela, e o safado então levantou, mandou ela babar seu cacete,, me deixando de quatro, posicionou por trás e foi deslizando pra dentro de mim aquele cacete, por ele ser grosso senti uma dorzinho terrível, mas afundei meu rosto no colchão gemendo alto, mas o cachorro nem quis saber e não deu tempo para eu acostumar como fez com ela, já foi socando, tirando e colocando, quando arrebitei a bunda e falei mete gostoso, o cara socou com vontade, me rasgava, apertava minha cintura, socava no meu cu, parecia que estava com raiva, ela correu e veio me beijar, quando viu minha cara tentou colocar sua buceta na minha boca, mas eu só gemia, sentindo aquela tora invadir minha bunda, e o Filha da Puta não parava nem para descansar, metia, metia e metia, e do nada minha esposa bateu na minha cara e me chamou de piranha, eu gozei na hora, e dobrei meus joelhos e cai na cama, e aquele safado caiu sobre mim sem tirar seu cacete do meu cu.
Ela rindo, falou pra ele que eu gozei feito uma piranha, ele estava possuído nesta hora e ainda metia, mais devagar mas ainda socava pra dentro da minha bundinha. Eu em completo estado de êxtase só curtia aquele momento como se fosse o ultimo.
Ela começou a falar que queria também. Neste momento eu arrastei-me até sua buceta e comecei a chupar. Ela então falou que queria pau. E ele não desengatava de mim por nada, mas me levantei ela entrou por baixo, meti em sua buceta e ele socando ainda no meu cu.
A cada estocada dele eu devorava minha esposa, nós dois nos beijávamos ardentemente, eu metia como se fosse a ultima buceta, e sentir aquele cacete atrás de mim, fazia eu gemer até meio afeminado, eu estava fora de mim de tanto prazer que aquele momento me proporcionava. Ele diminuiu as estocadas quase que apenas me preenchia apenas, mas o prazer era alucinante, então gozei dentro dela, ele percebeu e saiu de mim, me tirou de cima dela e meteu na buceta dela até gozar. Afastou e me puxou pelo cabelo e levou minha boca pra buceta dela toda gozada, ei sugava tudo com uma obediência fora do normal. Depois ele mandou que eu a beijasse, ela me deu um beijo melhor que o da época de namoro.
Foi minha vez de tomar banho. Quando voltei eles estava abraçadinhos namorando. Estava tão bonito que fiquei quietinho, peguei uma cerveja e sentei na mesa só observando, logo ela animou ele novamente, então ela sentou em sua vara e ela me chama pra fazermos uma DP.
Fui ate sua bolsa peguei o KY, apesar que seu cuzinho já estava esfolado, mas eu gosto de tratar bem meu amor, derramei sobre sua bundinha e fui metendo. Ficamos assim por uns momentos, ela gemia e pedia mais, notei quando ela gozou, mas continuamos metendo, passados alguns momentos ela gozou novamente e pediu pra eu sair pois estava muito sensível.
Ele então me chamou para eu chupar, e quando estava prestes a gozar segurou minha cabeça e gozou na minha boca, saiu pouco, mas foi delicioso.
Já era por volta das 4 horas, ele então disse que precisava ir, juntou tudo se despediu, pagou a metade das despesas e nos deixou lá, felizes e satisfeitos.
Quando acordamos ainda transamos mais uma vez. E acho que adoraria ter aquele macho na nossa cama mais vezes.

Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario fulano

fulano Comentou em 25/12/2017

Delícia de conto só faltou as fotos

foto perfil usuario skarlate

skarlate Comentou em 20/01/2017

excelente

foto perfil usuario cara cara

cara cara Comentou em 16/12/2015

Que lindo!! Amo muito tudo isso... Ver a esposa rebolando num pau amigo e muito bom, e sentir o gostinho de buceta na rola do comedor é maravilhoso.




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


59784 - Me descobri sexualmente fazendo troca troca na inf - Categoria: Virgens - Votos: 16
60560 - Adolescente confuso aceita tudo. - Categoria: Gays - Votos: 2
64480 - PRIMEIRA VEZ DE UM CASAL COM UM SOLTEIRO - Categoria: Traição/Corno - Votos: 21
65010 - Perdi minha virgindade com uma coroa - Categoria: Virgens - Votos: 7
65063 - CASAL EM BAR GLS, SOBROU ROLA PARA TODO MUNDO - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 28
65773 - Primeiro Mênage Cuckold – primeira parte. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 15
65835 - Primeiro Mênage Cuckold – Segunda parte - Categoria: Traição/Corno - Votos: 13
66813 - Minha esposa sozinha com outro no dia dos namorado - Categoria: Traição/Corno - Votos: 16
67456 - Marido Passivo, esposa puta 1º parte - Categoria: Traição/Corno - Votos: 34
67574 - Marido Passivo, esposa puta 2º parte - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 21
70485 - Minha Esposa quase me estupra - Categoria: Traição/Corno - Votos: 14
75474 - Casal com fogo só falta a gasolina - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
81739 - Amante da esposa pediu rola - Categoria: Traição/Corno - Votos: 7
86095 - Representante de Medicamentos. - Categoria: Gays - Votos: 2
87156 - Como saber se vou ser Swinguer. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 2
87254 - Casado encontrando prazer com outro Homem ativo - Categoria: Gays - Votos: 8
93416 - Fui amante de um Pastor. - Categoria: Gays - Votos: 5
98047 - O amante da minha esposa dormiu em nossa casa - Categoria: Traição/Corno - Votos: 13
99710 - O "namorado" da minha esposa me conquistou também. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 18
100123 - Trasando com a mulher do amigo - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
101073 - A primeira vez que minha esposa chupou outra buceta - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 7
102590 - Corno agradando o amante da Esposa - Categoria: Traição/Corno - Votos: 25
110748 - Casal Liberal - Amante para dois - Categoria: Traição/Corno - Votos: 13
110992 - Empregada submissa se transforma em dominadora - I - Categoria: Traição/Corno - Votos: 9

Ficha do conto

Foto Perfil samconfuso
samconfuso

Nome do conto:
Esposa escolhe macho para o casal

Codigo do conto:
75676

Categoria:
Traição/Corno

Data da Publicação:
15/12/2015

Quant.de Votos:
10

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


conto erotico pau enorme e grossocontos eroticos minha vizinha me chamou pra seu amanteo sogro pauzudo e safado/ contos eroticosContos erótico despedida de solteiro de meu filhocunhadinha louca para tirar o capaso d cunhadodormindofilhabundudacontos eroticos ninfomaníacacontos veridico meu marido e eu pensava que era mulher mais tivemos a supresa era um travesti bem dotadocontos eroticos minha vizinha me chamou pra seu amantequadrinho porno sogros cornoscontos de coroas evangélicaConto erótico de esfregando na sobrinha novinha.Continuaçao do conto erotico minha esposa disse pra eu fuder o cu virgem da minha filha no motel a mulher maravilha beijando com a mulher cilarconto porno foi trair e se deu malirmazinhaconto eroticodesenhos de pornoconto erotico eu e minha irmã com meu filhocomo faço para foder a minha mae contosmaegravidafilhocontobucetinhas ebundonas nuas fotosmae fica impressionada com o tamanho da rola do filho no banheiroxvideorelatos eroticos sogro enxutoconto erotico desde novinhaporno dos irmaos qui fode infelisment maes casadas fudendo na pica do filho ate gosarminha namorada me traio com meu tioConto erotico de prima na pica de 28ler contos tio comendo sobrinha virgem de 2017da uma balançadinha e da uma chupadinhaconto eurotico amigo bumbudocontos com fotos esposas loba de cornoCalca buceta pra crossdressa senzala hq eróticocontos de buceta com porraconto erotico deixei o viado sem andarconto sobrinho safado da o cu para todos da famíliaFotos incesto bixesualpretinha deu o cu apertdo pro negao chorou e gritouwww conto erotico gay de primo com primo com brFotos sexo minha mulherincesto brazilCONTOS DE DEI O MEU CU PRO AMIGO DO MEU MARIDOcontos eroticos tomando leite no curralsou casada negão gostoso corno sabiabolinei minha enteada contos eroticoscontos erroticos de incertos filha amante do pai 2017 ltimas publicaes com fotos ganguebang com a esposa na pescaria contoCristiani [email protected]ultimos contos sadomenininhas gozadeirasquadrinhos porno svfudedo no quarto da mãehq porno negroAğızhistorias em quadrinho eroticoconto erotico dormindo com meu primocontos eróticos papai me come sem dó e sem medo em qualquer lugarqadrinhos pono super girlamigo viu minha esposa peladaadoro o pau do meu cachorrominha mae sábia sexo expricito contoscontos de como comi a bucetinha da minha filha tomando banhocontos eroticos. dando carona para uma senhoraConto porno desdi pequena pai e mae me comedormi bebado perdi as pregasfudeno a sobrinha cheirando a leite vídeos caseiroscontoeroticomeu pai atolou sua pica grande na minha bucetinha virgemcontos incesto iniciada pelo pai ou padrastomulher da a buceta para pone se dar msugibi pornocontos eróticos com minha irmanzinhaconto de rasgei o cuzinho da minha irmã novinhacontos dopou irmã fuder guadrinhoContos caseiro reais traindo e marido descobrecontos erótico trans surpresacontos eroticos gay eu fui iniciado pequeno novinho muito muito novinhoPorno Leiturista da luz chupou os peitoserotico meu paicontos bucetinha da priminha de dez anosconto erotico estou arrasadavirei femeacontoeroticocarnavalcontos eroticos meu.pai comeu meu cuquando era menininha ficava com a cara cheia de catarro quando virou mulher vive com a cara cheia de porraporno conto eroctico de bucetas lesbico23cm de cachorradacontos eroticos dei a primeira vez que peguei numa pica