ATACADA VIOLADA PELO PATRÃO


Click to Download this video!


Olá pessoal, eu já queria contar esta á mais tempo, mas nem sabia se haveria de contar...

Tudo se passou no inicio do ano, eu tava procurando um emprego e comecei procurando no jornal e na internet.
Contactei alguns anuncios nesse dia e tava planejando contactar mais no dia seguinte, pois nenhum dos contatados por mim me deu uma resposta certa, eles me mandaram ficar aguardando chamada deles.
Porém, não foi necessário ligar pra mais ninguém. Na mesma noite, eu recebi uma chamada de resposta..
Era uma voz masculina e me chamou pra fazer um teste para saber se eu iria ficar a trabalhar.
Eu já nem me lembrava de que emprego o homem tava falando, pois eu tinha chamado para vários anuncios diferentes...
Eu disse que concerteza aceitaria o teste mas pedi para me recapitular de que emprego estavamos falando.
- Então menina, é servente de bar noturno.. (respondeu a voz masculina)
Eu fiquei congelada, pois pensava que só tinha contactado anuncios de bares normais.. A maneira como a voz do homem soava dava a entender que se tratava de algo mais...
- Bem, eu não sei bem qual as tarefas que terei de fazer... (comecei eu falando lento..)
- Você tem de servir apenas de calcinha, é simples. Nada mais. Poderá colocar um top ou adereços se desejar.. Mas isso serão assuntos a tratar pessoalmente. Pode me encontrar hoje ainda até á meia noite no escritório da firma, eu enviarei mensagem com as direções.

Eu estava pensando em desistir e desligar a chamada, mas pensei que pudesse até não ser tão ruim assim. Curiosa, eu aceitei e esperei a mensagem com as direções do escritório do senhor para então conhecer meu suposto novo trabalho.
Decidida eu fui até lá.
Entrei, procurei a porta com o nome do homem que ele tinha mencionado na mensagem e bati.

Um senhor engravatado, robusto e cheiroso me atendeu.

Eu, convidada a entrar, passei daquela porta para dentro e me sentei nas cadeiras mais proximas, cansada da escadaria que tinha acabado de subir.
O homem começou me falando que antes de mais eu tinha que saber que poderia ganhar muito dinheiro naquilo.. Parecia que estava me amolecendo pra contar a parte mais negra da coisa...
Eu continuei escutando ele.
Ele olhou para mim com seus olhos azulados penetrantes e começou a falar que as meninas só faziam o que queriam...
Enquanto isso ele passou a mão na minha coxa.
Eu me levantei, arrepiada e assustada.. Eu apesar de amar sexo não queria entrar assim numa rede de putaria.
Comecei a recuar dizendo talvez não querer fazer parte da equipa e aí o homem se passou! Quando eu estava me afastando da cadeira ele me agarrou no braço me pedindo pra ouvir ele!
Eu comecei a pedir pra me soltar e ele me apertou magoando meus frágeis pulsos..
Eu dei um grito de dor e ele me soltou por instinto vendo meu rosto agonizado. Aproveitei e corri para a porta, mas quando eu tava tentando abrir ela, o homem me agarrou de novo, tirou minhas mãos da porta e trancou ela com a chave que arrumou seguidamente no bolso do fato.
Eu estava com medo do que o homem poderia me fazer, ele tinha me magoado! Eu o ameaçei que gritava se ele me fizesse alguma coisa ali trancados, e ele veio mansinho ter comigo, me tocando carinhoso.. me espetou sua mão grande na minha boca quase me sofocando deixando eu sem conseguir falar! Eu estava assustada de morte pensando no que ele iria fazer comigo, eu já não podia nem gritar com ele me sufocando!
Tapando minha boca com uma mão ele começa me baixando a calcinha com a outra, puxando meu vestidinho preto pra cima. Ele baixou a calcinha até ao joelho apenas, tirou o seu pauzão para fora e começou passando ele na minha bunda para eu sentir ele durão. Depois o meteu juntinho de minha rachinha enfiando só a cabecinha, me empurrando contra a mesa.
Eu de boca tapada sendo 'violada' pelo homem que iria ser meu patrão, queria sair dali!!.. Mas ao mesmo tempo aquela pica já quase entrando dentro de mim me estava até deixando com vontade! É por isso que não considero o que se passou uma violação, porque eu acabei gozando, mas se eu não tivesse gostado eu poderia chamar de violação mesmo, pois o cara me atacou e me penetrou sem meu concentimento.
Depois da cabecinha enfiada umas poucas de vezes ele enfiou seu pau tesudo na minha xaninha que já estava molhada. Ele me estendeu agressivamente na mesa do escritório e me perguntou:
- Se eu tirar a mão de sua boca você não vai gritar pois não queridinha?
Eu queria muito que ele me deixasse respirar tranquilamente e tirasse aquela mão da minha boca, então começei a abanar minha cabeça na forma de um SIM.
Ele sentiu minha cabeça acenando e falou:
-Você queria o trabalho não queria ? Você o tem!...
Nisto ele me solta a boca, e com as suas 2 maõs finalmente livres, ele pega em mim por trás, me agarrando nas ancas puxando minha bunda pra a frente e para trás, controlando as batucadas..
E eu debruçada naquela mesa levando com o pau dele nem conseguia controlar as batucadas, eu tava como uma boneca estendida ali sendo fodida á força, mas gostando.
Como eu já não estava negando nem reagindo ele começou a falar pra mim enquanto me trepava:
-VÊ como você gosta? Todas acabam gostando!..
E continuou a me martelar fortemente, dando tapas na minha bunda.
Eu realmente comecei a sentir prazer demais naquilo.. Eu nunca imaginaria ser atacada assim ali, e aquilo tudo já me estava aumentando a excitação depois do medo inicial. Nisto o doido engravatado tira sua pica da minha buceta e puxa meus cabelos trazendo com eles minha cabeça. Quando abri meus olhos tinha o seu pau na minha frente. Fui obrigada a me abocanhar nele, ele enterrou minha cabeça fazendo força com suas mãos e eu com a boca entalada tive de chupar aquela rola tesa. Como se isso tudo não bastasse o homem teve a cara de pau de me puxar novamente os cabelos e me obrigar a chamar ele de patrão! Eu chupava e falava:
- Me dá mais, patrãozinho...
Ele com cara de tar quase gozando me obrigava de novo a falar:
- Me fode meu patrãozinho..
Aí ele passava a pica da minha boca pra minha buceta e entalava ela até ao fim começando a me foder outra vez sem pudor.
Ele me batia enquanto enfiava me obrigando a falar coisas.. Rendida e domada por ele, eu gritava gemendo:
- Enfia mais meu chefão, vai até ao fundo...
Ele se enchendo cada vez mais de tesão começou a me tratar de maneira mais porca:
- Isso sua putinha!..O meu pau ta adorando arrombar sua buceta!
-Isso chefão, me dá mais, mé dá... (Respondia eu a mando dele)
- Ah sua vaquinha você quer que eu foda mais voce? Você vai ver!
Depois de falar aquilo ele tirou de novo a rola da minha xana e passou para o buraquinho, tentando enfiar nele.
Eu como estava meio forçada tinha o buraco preso, e contorcido.. Ele reparou que a pica não estava entrando e logo começou a passar sua saliva. Com seus dois dedos ele passava na boca e depois amolecia com eles meu rabinho para conseguir entrar dentro dele.
Depois de deixar meu buraquinho bem babado ele colocou o seu pau pronto a entrar, empurrando sua cabecinha para dentro.. E quando já estava metade do pau enfiado, ele gozou!!..
Eu fiquei com o leite do homem escorrendo do cu, passando pela buceta e pingando o chão.
O sacana me obrigou a lember ele.. Eu chupei seu pau ainda coberto de porrinha até ficar impecável. Ele maravilhado me apalpou as mamas soadas e foi buscar lenços para mim na sua gaveta da secretária.
Da mesma gaveta ele tirou um bilhete onde escreveu o horário e o lugar do bar para eu trabalhar.
É claro que eu não fazia questão alguma de trabalhar para aquela rede de sexo onde eu poderia voltar a ser atacada sabe se lá por mais quem! O que valeu é que o homem até era gostoso e apesar de meter medo foi delirante ser 'violada' por ele.

Eu limpei a porra, baixei meu vestido e saí daquele escritório bem rápido pela escadaria a baixo. Eu lembro só de dizer xau pra ele e sair apressada, nem falei mais nada, arrebentada pelo homem.

Obvio que nunca mais contatei ele, nem sequer me ocorreu fazer queixa policial, já que eu tinha gostado. Eu vou sempre lembrar daquele pânico e daquele prazer. Agora partilhei com vocês para que se possam lembrar também.
Já não é mais segredo só meu!

Mil beijos!


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario boxboxbox

boxboxbox Comentou em 24/10/2015

Que tesão. Gostei muito do conto. Interessante e excitante. Votado. Leia também os meus contos.

foto perfil usuario vidaaloka

vidaaloka Comentou em 24/10/2015

e foda,mas vc gostou paciencia ne?

foto perfil usuario adriangra

adriangra Comentou em 24/10/2015

Fato grosseiro, mas o conto em si é muito bom e acaba sendo excitante. Votado. Lerei outros e comentarei depois do voto. Leia os meus, vote e comente ok?




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


72022 - Doida pelo cunhado e seu irmão.. IREI RESISTIR?.. - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 23
72112 - Quase pegada pela irmã mas fim gostoso! - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 18
72364 - BRINCADEIRAS COM O MEU CÃO - Categoria: Zoofilia - Votos: 33
72367 - Os Estranhos na oração do terço.. - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 10
72371 - O Pai da minha amiga, ela e eu. - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 17
72403 - O Senhor Juca e o pepino! Foda na mercearia. - Categoria: Incesto - Votos: 20
72623 - AS MENINAS NO QUARTO ESCURO!! - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 22
72699 - APANHADA PELO TIO LEVANDO DO CÃO - Categoria: Incesto - Votos: 29
72845 - FILMEI MINHA BUCETA E TIO APANHOU - Categoria: Incesto - Votos: 35
73368 - VIZINHO PEGOU EU DORMINDO!!... - Categoria: Heterosexual - Votos: 32
73669 - Fui pagar ao Vizinho Jardineiro e APARECE A MULHER - Categoria: Heterosexual - Votos: 24

Ficha do conto

Foto Perfil anestorys
anestorys

Nome do conto:
ATACADA VIOLADA PELO PATRÃO

Codigo do conto:
72793

Categoria:
Incesto

Data da Publicação:
23/10/2015

Quant.de Votos:
19

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


Conto Erotico Sonhava com a cunhada, desvirginei a sobrinha iicontos de machos que experimentou um boqueteporno fantasia eu comi minha maecoroa cuzinho academia conto eroticocontos eroticos marido taradoanalContoeroticofaveladaxvideos papai comendo filunhascontos eroticos zoofilia de pinheiral rjquardinho herotico familia favelaconto erotico de padrinhocontos erotico de amamentaçso adultos"minhas mulheres" "5" "médica" conto eroticoconto erotico sentada no colo pastocontos eroticos gay forçadocontos siriricapunheta papai filhinhamamando no papai contos gaycontos aprendendo a dirigirtrepeo com irmanzinha contos[email protected]ver contos eroticos lesbicas de a ginecologista sexo relatosGugamrapenganada quadrinho eroticocontos eroticos boquete galera video gameGay contos marginalultimos contos sadocontos gordinho rabudo brincando escinde escondaporno quadrinho 3dcontos eróticos 06/2017 ruivas banho conto erotcasada que fes zoofilia pela primera ves[email protected] adoro ser dividida pelo meu macho contos eróticocontoeroticoputaleomar1111contos eróticos sexo anal com vizinho bem dotadosminha mãe irmã vovó conto eróticocontos erotico pai e mãemeu primo me estrupou emgravidei delesogra safadinha de vestido curtinho tirando uma rapidinha com genro na garagem boa f***Contos de incestos tomando conta do sogro doenteCONTO DE INCESTO DE MADRUGADA ALGUÉM PEGOU EM MEU PAUconto bebada meu cunhado me comeupeituda gostosa conto eroticoconto eróticos c novinhas d papaiquatrinho porno 2 loiras pare ser irmaConto eroticos gay fui fodido pelo entregadorbolinei minha enteada contos eroticoscontos de maridos em festa de amigos viu sua esposas sendo seduzidas por eles na sua frente.Conto erotico pau muito grossoconto erótico apagãocontos eróticos enraba.vom pau e enorme pepino e plugporno desenho em cuadrinhochupei minha maesex suweven pornoporno mãe possuir segredo fudendo escondido do maridocotos marido malfadobabá gostosa e safadinhaconto erotico gay pegando pau do time de futebolconto erotico ele me fudeu gayTia de calça leg conto eroticocontos eroticos ninfetas e virgensQuadrinhos eroticos ay papiConto erotico enteada chupandodp escondido contos pornoconto erotico o medicoConto erotico caminhoneiraquadrinhos eróticos emrabado a viúvaganhei punheta enteada contosconto erotico com fotos/ rabo da maeotona no asobi adult gamesconto erotico na roça com a tiaminha tia lig pra minha e pede pra mim dormi na sua casa eu comi sua boceta