O delegado e suas duas filhas.


Click to Download this video!


Adamastor, delegado de uma pequena cidade do interior era um homem de poucas palavras e de ações um pouco fora dos padrões. Cidade pacata, sem ocorrências policiais mais sérias, Adamastor tinha que ficar cuidando de bêbados, brigas em família e até brigas no único prostíbulo da redondeza... Normalmente nada sério. Quando algum homem maltratava alguma mulher; fosse ela esposa, filha ou puta, Adamastor o levava pra delegacia e lhe dava alguns tapas da cara, só liberando o indivíduo após promessa de que não ia repetir o fato. Muitos homens deixaram a bebida pra evitar de ficar embriagado e acabar saindo novamente da linha e ter que apanhar do delegado. Ele e a esposa, apesar de 18 anos de casamento mantinham uma vida sexual bastante ativa. Adamastor acabou ficando viúvo com duas filhas pra cuidar e um problema pessoal de difícil solução: Ele só tinha tido uma mulher na vida e passou a ter dificuldade pra ter relações sexuais com outras mulheres. Adamastor só conseguia dar uma bimbada numa buceta quando tinha alguma ocorrência no prostíbulo e ele pegava alguma das putas pra lhe aliviar. Viúvo, Adamastor resolveu fazer uma reforma na casa pra aumentar os quartos das filhas diminuindo o seu que era muito espaçoso. Após levantadas as novas paredes dos quartos, o próprio Adamastor passou refazer a parte elétrica. Ao quebrar a parede pra colocar uma luminária no quarto da filha mais nova, Adamastor acabou vazando um buraco do quarto da filha até o seu próprio quarto. Analisando a base da luminária que ficaria encostada na parede e lembrando de como Daniela (Dani) tinha um corpinho espetacular: bundinha grande; peitinhos volumosos e coxas roliças, resolveu colocar a luminária de uma maneira que continuasse um buraco do tamanho de dois dedos, e que ninguém perceberia se ele colocasse um tampão pelo lado do seu quarto. Homem muito correto, Adamastor sabia que estava fazendo algo muito errado; mas achou que só ver a filha pelada não seria algo assim de tão grave. Dani tomava banho e Adamastor resolveu ir pro seu quarto e retirar o tampão e ficar aguardando a filha. Quando Dani entrou no quarto enrolada em uma toalha, fechou a porta e jogou a toalha sobre a cama, Adamastor sentiu seu coração disparar ao ver nitidamente sua filha totalmente sem roupa. Adamastor passou a espiar a filha constantemente e ao mesmo tempo ficar se masturbando até gozar dentro de um cinzeiro que passou a deixar para essa fim... Era assim que ele passou a se aliviar pela falta de sexo. Um dia, Adamastor pronto pra dormir e achando que as filhas já dormiam, ao ouvir uma porta batendo resolveu ir da uma espiada pelo buraco. Parecia que sua filha mais velha (Nilza) tinha ido dormir no quarto da irmã... Elas se davam muito bem. Já ia tapar o buraco quando percebeu que Nilza tirava a camisola, assim como a Dani, ficando as duas peladas sobre a cama. Nilza que era dois anos mais velha que Dani também tinha um corpo muito bem feito: magra, peitinhos e bundinhas de tamanhos médios. Mas foi o que as duas passaram a fazer é que quase fez Adamastor ter um enfarte. Nilza passou a chupar os peitinhos da irmã até ir descendo e chegar na bucetinha e começar chupar e a lamber fazendo Dani se contorcer sobre a cama. Adamastor sem saber o que fazer continuou a espiar e a sentir uma ereção tão forte que teve que tirar o pau pra fora do short do pijama. Sua cabeça fervilhava, mas sem se conter começou a punhetar e a continuar olhando as filhas se pegando sobre a cama. Vendo até as duas se beijando na boca Adamastor teve uma explosão de gozo que chegou a espirrar na parede do seu quarto. Depois de gozar, Adamastor deitou e ficou pensando naquilo tudo. Ele não entendia já que Nilza namorava um rapaz (garoto ainda)... Dani era que ainda parecia não ter namorado ninguém. Adamastor passou a vigiar as filhas: As vezes era Dani quem ia pro quarto da irmã. Era a terceira vez que Adamastor via a filha mais velha ir pro quarto da mais nova pra ficarem peladinhas na cama. Naquele dia foi Dani quem mais chupou a irmã: Peitinhos e até na xoxota. Adamastor se masturbava lentamente quando percebeu que Nilza pegou algo e começou a amarrar na cintura como um cinto. Adamastor perdeu até a respiração quando percebeu que era um pequeno pênis de borracha preso por um cinto. Dani, a mais nova, ficou de quatro sobre a cama empinando a bundinha quando Nilza por trás foi enviando aquele pinto nitidamente na sua bucetinha começando a socar como se ela fosse um macho... Quando Adamastor percebeu que a sua filhinha estava tendo um orgasmo, ao mesmo tempo teve uma nova explosão que espirrou porra a dois metros de distância. Mesmo assim continuou espiando as filhas vendo que Dani também utilizando do mesmo pênis de borracha meteu na buceta da Nilza que também ficou de quatro e também rapidamente teve o seu orgasmo. Adamastor andava preocupado em descobrir que as filhas eram lésbicas, mas não tinha coragem de recriminá-las e muito menos tocar no assunto. Adamastor se achava um canalha por continuar deixando tudo aquilo acontecer e ainda aproveitar pra ficar espiando as duas peladas ou na maioria das vezes só a filha mais nova, e se masturbando como um adolescente qualquer. Só que de homem muito calado até com as filhas, Adamastor começou a ter mais diálogo com elas e puxar assuntos sobre namoros, tendo a confirmação de que Nilza continuava namorando e que Dani apesar de ser bastante assediada no colégio não tinha tido nenhum namorado até então. Férias escolares, Nilza, que pretendia no ano seguinte prestar vestibular para uma faculdade no Rio de Janeiro, pela primeira vez na vida pediu se podia passar alguns dias na casa da sua tia que morava no Rio. Daniela não quis acompanhar a irmã de jeito nenhum, mesmo com Adamastor insistindo pra que ela fosse junto. Uma semana depois, sem perder a mania de ficar espiando a filha, Adamastor percebeu que Dani entrou no quarto apos o banho e mesmo deixando a porta semi aberta ficou andando pelo quarto pelada, sem nenhuma preocupação... Adamastor pensou em até ir lá pra ver o que aconteceria. Mas, continuando sua vigília viu Dani só jogar uma camisola sobre seu corpo, e após pegar algo dentro de um armário deitou levantando a camisola e enfiando o que parecia ser um pênis de borracha na sua bucetinha e ficar movimentando-o lentamente. Adamastor resolveu fazer uma surpresa pra sua filhinha indo até lá e entrando repentinamente no quarto. Dani levou um susto tão grande que o pênis de borracha que ela tirou do meio das suas pernas, pra tentar escondê-lo escapou de sua mão indo cair no chão. Ela descendo a camisola pra cobrir suas partes ficou olhando apavorada seu pai abaixar e pegar o objeto do chão e sentar do seu lado na cama... Ela com os olhos arregalados viu seu pai sorrir e balançando aquele objeto de borracha molhado com seu líquido vaginal.
- Que isso filha?...
- Na... Na... Nada pai!!!!
- Você estava usando ele, é?...
- Não... Não... Eu... Eu...!
Adamastor se sentia arrependido por ter feito aquela traquinagem com sua filha deixando-a num desespero total resolveu que tinha que aliviar toda aquela tensão.
- Calma filha; não vou brigar com você por causa disso não!...
- Mas pai... eu... eu... não...!...
- Só quero te ajudar filha; não precisa ficar com medo!
Como ele mantinha sempre um sorriso no rosto, Daniela foi ficando um pouco mais calma e ainda com a cara vermelha como um pimentão.
- Tô com muita vergonha pai!...
- Porque estava usando isso pra se masturbar?
- É!...
Adamastor fazendo um gesto pra lhe devolver a peça.
- Desculpa, tá filha? Acabei interrompendo o que você estava fazendo, né?
- Tá... tá tudo bem pai!...
- Toma... pode continuar usando, vai!!!!...
- Pai????....
- Hahahahaha.... É só você enfiar por baixo da sua camisola!
- Mas com você aqui me olhando?...
- Eu viro o rosto!
Foi a vez de Dani rir.
- Só depois que você sair do quarto.
Adamastor teve uma ideia bastante louca. Pegando de volta o pênis da mão de Dani.
- Fecha os olhos!...
- O que você vai fazer?...
- Só te ajudar um pouco!...
Dani tinha uma vaga ideia e resolveu fechar os olhos. Mas quando sentiu seu pai enfiando a mão por baixo da sua camisola, abriu os olhos.
- Que isso pai?...
Mas sentindo que ele já chegava com aquilo na sua bucetinha, abriu as pernas e foi sentindo aquela borracha dura ir-lhe penetrando lentamente.
- Noooooossa pai... hummmmmmmm.... Aaaaaaaiiiiii!...
- Quer que eu pare?....
- Nããããaãoooooooo!!!! Coooooontiiiiiiinuuuuuuuua!!!! Ooooooh! Ooooooh!....
Dani fechou os olhos e foi tendo um delicioso orgasmo com seu pai cutucando dentro da sua bucetinha aquele pequeno pênis de borracha. Dani ainda ofegante nem se importava de estar com a camisola dobrada e seu pai vendo até seus poucos pentelhos e ainda segurando o objeto enfiado.
- Caramba pai... Que loucura!!!!!!...
Adamastor reclinando e dando um beijo no rosto da filha, retirando o objeto e fazendo um leve carinho com os dedos na bucetinha.
- Gostou filha?...
- Adorei!...
Adamastor nem se importava da filha tá olhando pro seu colo vendo o volume enorme no seu short do pijama.
- Quando quiser é só me chamar, ok?
Ela sorrindo.
- Ok! Acho que vou querer de novo sim!...
Adamastor saiu dali e foi pro banheiro bater uma punheta murmurando o nome da filha. Dois dias depois vendo a filha sair do banheiro enrolada na toalha com a intensão de ir pro quarto, chamou-a e ela veio até próximo ao sofá.
- Quer que eu faça aquilo de novo pra você?
Dani que naqueles dois dias pensava no volume que tinha visto na virilha do seu pai, sentou no seu colo e abraçando-o lhe deu um beijo.
- Tá quase na hora da novela pai!...
- Busca ele lá no seu quarto e volta aqui pra sala.
Dani já sentia algo duro cutucando sua bundinha.
- Vamos fazer aqui no sofá mesmo?
Adamastor foi soltando o laço da toalha deixando aparecer toda a frente de Dani nua com seus dois maravilhosos peitinhos. Como Dani sorria, Adamastor começou a apalpar um dos peitos.
- Não quer aqui na sala?
Dani ajeitando o corpo pra aproximar seu peito no rosto do seu pai.
- Claro que eu quero... Mas estou gostando de ficar assim com você!
Adamastor caiu de boca mamando e chupando o biquinho do peito que estava durinho e pontudo, fazendo-a gemer.
- Oooooh paaaaaiiiiiiii! Oooooooh!....
Brincou um pouco com o dedo lá na bucetinha fazendo Dani se contorcer no seu colo.
- Quer dar pro papai, quer?
- Eu quero, mas estou com medo!
- Medo de quê?
- Só fiz até hoje com pinto de borracha!
Adamastor foi ajeitando-a de joelhos sobre o sofá e depois abrindo a bermuda pra puxar seu pau duro pra fora.
- Você perdeu a virgindade com um pênis de borracha?
Ela olhando assustada pro enorme cacete do pai (duas vezes maior e mais grosso do que o de borracha).
- Foi paizinho!...
Adamastor em pé atrás da linda e maravilhosa bundinha da filha foi procurando com o pau a porta do paraíso. Encontrou e foi forçando fazendo começar a entrar.
- Ai pai! Aaaaaiiii! Aaaaaiiii!...
- Sua irmã tem alguma coisa a ver com isso?
- Ai! Ai! Ai! Nããaõoo!...
Adamastor começando a bombar fazendo Dani gritar mais alto.
- Foi ela quem te ensinou a usar, não foi?
- Foooooiiiii!!!! foi sim!!!!! Eu e ela usamos juuuuuuunto! Oooooooh que deeeeelíiiiiiicia!!!!!...
- Mas sua irmã não está namorando?
- Está! Mas ela também gosta de ficar brincando comigo... Hummmm! Não para! não para!...
Adamastor foi aproveitando e fazendo Dani soltar tudo que sabia sobre a irmã.
- Ela transa com ele?
Dani maravilhada sentindo a pica do pai indo e vindo na sua apertada bucetinha.
- Mais ou menos!
- Como assim?
- Só deixa ele colocar atrás!
- Na bunda?
- Hihihhihihi! É pai! Ooooooh! Oooooh! Tá vindo pai! Tááááááá viiiiinnnnnnndo!...
Adamastor aumentou o ritmo das estocadas vendo sua filhinha gemer e gozar no seu pau... Logo teve que tirar e esfregar seu pau naquelas lindas nádegas espalhando todo seu gozo. Adamastor passou a comer sua filhinha praticamente todos os dias, e ainda autorizou que ela contasse pra irmã. Depois de quase um mês Nilza retornou e Adamastor ficou apreensivo e procurava puxar conversa com a mais velha já sabendo que ela sabia de tudo. Mas foi Dani quem se aproximou do pai e lhe contou que irmã também estava com vontade de transar com ele, e que era pra ele ir até o quarto dela. Adamastor rapidamente caminhou até o quarto de Nilza encontrando-a deitada de bruços trajando uma camisola bem curta que deixava de fora a polpa da sua bundinha demonstrando que estava sem calcinha. Ele sentando na cama.
- Filha?
- Ahammmm?...
Parecia que ela queria ficar fingindo que dormia. Adamastor levantou a camisola, e após fazer um pouco de carinho das nádegas debruçou e foi beijando aqueles dois montinhos de carne lisos e macios. Puxou Nilza fazendo-a virar e com ela insistindo continuar com os olhos fechados, abriu suas pernas e vendo aquela linda bucetinha carnuda resolveu experimentar dar uma lambida (coisa que só tinha feito com sua esposa). Nilza ao sentir a língua.
- Ai meu Deus! Paaaiiiiiii?????....
Adamastor travou as pernas que ela tinha dobrado e continuou a lamber, dar cutucadas com a língua e a chupar aquele pequeno grelinho rosado.
- Ooooooh! Ooooohhhh! Aaaaaiiiii! Aaaaaiiiii!....
Nilza teve um rápido orgasmo, e Adamastor pediu pra que ela ficasse de quatro. Quando Adamastor começou a penetração.
- Ai! Ai! Ai! Devagar pai, dói!...
Nilza tinha sua buceta muito mais apertada do que sua irmã mais nova. Adamastor com a metade dentro, ficou fazendo movimentos de vai e vem e a cada estocada fazia entrar um pouco mais, até encostar seus pentelhos nas nádegas de sua filha que gemia toda satisfeita.
- Ooooh! É muito gostoso pai! Vai! Vai! mete pai! meeeete!....
Em menos de dois minutos Adamastor estava socando com vontade arrancando gritinhos e longos gemidos de Nilza que como a irmã começou a dizer que seu orgasmo estava vindo.... Adamastor segurando suas ancas e dando socadas fortes e firmes.
- Goza filha! goza! Goza bem gostoso!....
- Tôôôô goooooozannnnnnnndo pai!...
Adamastor tirou e gozou muito sobre a bundinha de Nilza. Feliz por ter duas filhas que lhe satisfaziam sexualmente, duas noites após ter metido pela primeira vez na filha mais velha, acabou descobrindo que ela era bem mais atrevida. Estava deitado na cama quando as duas entraram e foram subindo na cama. Nilza indo lhe dar vários beijos no rosto.
- Nós duas estamos querendo pai!...
- Mas as duas juntas?...
E foi Nilza que de imediato foi puxando seu short até liberar sua piroca que já começava a reagir.
- É pai, duas duas!...
Nilza sem nenhum constrangimento começou a dar beijinhos e lambidas no seu pau fazendo-o crescer rapidamente. Adamastor estava assustado com tamanha ousadia da filha, mas, aquilo era bom demais pra ele falar alguma coisa... Só ficou olhando e sentindo aquele prazer de ter seu pau duro até dentro da boca de Nilza que fez algumas pressões com os lábios... Ela tirando a boca e olhando pra irmã.
- Chupa um pouco Dani!...
- Mas eu não sei fazer isso!...
- É fácil filha, faz igual sua irmã!...
E ele se viu também chupado pela sua filha mais nova que rapidamente pegou o jeito e ficou revesando com a irmã no boquete.
- Pára! Pára que eu vou gozar!.
Mais uma vez Adamastor ficou assustado quando Nilza fez a irmã largar seu pau pra abocanhar e ficar chupando e engolindo cada gota de porra que saia... Nilza devia estar acostumada a fazer aquilo com seu namoradinho. Meia hora depois, de pau duro novamente, Adamastor fez as duas ficarem de quatro sobre a cama uma do lado da outra pra ficar metendo na buceta de uma e da outra. Por ele já ter gozado uma vez, conseguiu ficar bombando por mais de vinte minutos fazendo as duas terem orgasmos antes de gozar muito. Adamastor tinha virado um pai tão tarado que tinha dia de fazer sexo com elas duas e até três vezes... E elas demonstravam ser tão taradas quanto ele. Adamastor era doido pra comer a bundinha da filha mais nova, mas tinha medo dela não gostar. Mas sabendo que Nilza dava a bundinha pro namorado, com os três pelados na cama, ele após meter por uns três minutos na buceta de Nilza tirou e mirou no cuzinho e foi empurrando.
- Aaaaai! Aaaaai! Devagar! Devagar!...
Adamastor tirou e enfiou várias vezes até conseguir colocar até chegar no saco. Ficou bombando no cuzinho da filha e olhando pra mais nova que sorria vendo a alegria da irmã em tomar no cú. No dia seguinte Adamastor pediu e Dani deixou colocar na sua bundinha. Berrou feito uma louca sendo arrombada pelo pai, mas toda aquela dor lhe deu um prazer tão grande que ela chegou a ter um orgasmo sem nem mesmo encostar na xoxota. Passados mais de um ano, mesmo com Nilza tendo que morar na capital pra fazer faculdade, os três ainda vivem fazendo loucuras juntos sobre uma cama.
Foto 1 do Conto erotico: O delegado e suas duas filhas.

Foto 2 do Conto erotico: O delegado e suas duas filhas.

Foto 3 do Conto erotico: O delegado e suas duas filhas.

Foto 4 do Conto erotico: O delegado e suas duas filhas.

Foto 5 do Conto erotico: O delegado e suas duas filhas.


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario gauchobahia

gauchobahia Comentou em 14/09/2015

muito bom.. parabéns

foto perfil usuario gabym

gabym Comentou em 12/09/2015

Maravilhoso! Quero esse papai!

foto perfil usuario danielbipassivo

danielbipassivo Comentou em 12/09/2015

Gozei muito!

foto perfil usuario notório

notório Comentou em 12/09/2015

Muito bom ler um conto de incesto entre pai e filhas. Parabéns ! Votado !!!

foto perfil usuario vnrio1

vnrio1 Comentou em 12/09/2015

Ótimo conto mereceu meu voto!

foto perfil usuario erossexoeros

erossexoeros Comentou em 11/09/2015

Um conto muito bom. Votado Leia também o meu conto publicado hoje "As prostitutas voltaram de Milão. Agora em Lisboa" com o nº 70636.

foto perfil usuario jordanel

jordanel Comentou em 11/09/2015

Esse delegado é do caralho, muito bom!!!

foto perfil usuario baudoscontos

baudoscontos Comentou em 11/09/2015

Bati uma com muito gosto.

foto perfil usuario salinas-vamp

salinas-vamp Comentou em 11/09/2015

Muito bom este conto... Votei.

foto perfil usuario angelrj6

angelrj6 Comentou em 11/09/2015

Delicia de conto... Parabéns.

foto perfil usuario Soninha88

Soninha88 Comentou em 11/09/2015

delícia de conto, super excitante e fotos lindas...adorei e votei...




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


14516 - Comendo a nora safadinha. - Categoria: Incesto - Votos: 60
15148 - Cunhada amante... - Categoria: Incesto - Votos: 25
15811 - Mulheres, filha e biquinis... Muita tentação. - Categoria: Incesto - Votos: 60
16630 - Eu e meu primo dando pro tio Borges. - Categoria: Incesto - Votos: 29
16762 - Travesti, sou feliz graças ao meu pai. - Categoria: Travesti - Votos: 35
17009 - Uma filha bastante liberal. - Categoria: Incesto - Votos: 49
17110 - MINHA MULHER TREPA E DEPOIS ME CONTA. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 26
17236 - Sou pai solteiro. - Categoria: Incesto - Votos: 34
17371 - Minha filha é igual a mãe...Também gosta de mulher - Categoria: Incesto - Votos: 30
17610 - Com meu professor, e depois com meu motorista, - Categoria: Gays - Votos: 18
17909 - Ninguem desconfia que dou a bunda. - Categoria: Gays - Votos: 20
17999 - Minha sobrinha é um furacão. - Categoria: Incesto - Votos: 19
18372 - Dando casa, comida e cama pra minha sobrinha. - Categoria: Incesto - Votos: 26
18590 - Milena... Minhas filha gordinha e gostosa. - Categoria: Incesto - Votos: 42
19568 - Amizade com o coroa vizinho. - Categoria: Gays - Votos: 21
19856 - Minha filha mais nova. - Categoria: Incesto - Votos: 36
20124 - Cunhadinha - A Bela Adormecida. - Categoria: Incesto - Votos: 22
20681 - Virei corno e viado no hotel fazenda. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 45
21434 - Dei até banho na minha mãe. - Categoria: Incesto - Votos: 59
22084 - Emprestando até a mulher pro patrão. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 52
23359 - Três homens e um destino - O início. - Categoria: Gays - Votos: 20
25816 - Cuidando da irmã. - Categoria: Incesto - Votos: 67
25865 - Minha filha também sentia tesão por mim. - Categoria: Incesto - Votos: 27
27039 - Minha vida secreta. - Categoria: Gays - Votos: 14
29406 - A FILHINHA DO PAPAI. - Categoria: Incesto - Votos: 68
31069 - Descobrindo a irmãzinha safada. - Categoria: Incesto - Votos: 36
31729 - Não resisti ao ver minha netinha pelada. - Categoria: Incesto - Votos: 41
33646 - Fui a mulherzinha do meu irmão. - Categoria: Gays - Votos: 48
33860 - Síndrome do "sono profundo". - Categoria: Incesto - Votos: 43
36135 - Duas xoxotinhas caseiras. - Categoria: Incesto - Votos: 21
36679 - Um amigo, um vizinho e um padre. - Categoria: Gays - Votos: 14
37075 - Depois de aposentado, peguei minha sobrinha. - Categoria: Incesto - Votos: 24
39726 - A melhor amante... Minha própria filha. - Categoria: Incesto - Votos: 39
40252 - Comendo a cunhadinha e também sendo corno? - Categoria: Incesto - Votos: 17
41866 - Minha família é do caralho... - Categoria: Incesto - Votos: 45
44187 - Minha mãe é uma deliciosa putinha. - Categoria: Incesto - Votos: 35
46486 - Iniciado pelo professor. - Categoria: Gays - Votos: 13
47050 - Filha casada precisando de um macho. - Categoria: Incesto - Votos: 65
47720 - Sou meio viado só pro meu pai. - Categoria: Incesto - Votos: 54
49856 - Meu padrasto me comeu gostoso. - Categoria: Gays - Votos: 32
51591 - Ganhei o cabacinho da minha filha. - Categoria: Incesto - Votos: 64
52248 - Comenda a tia Julia. - Categoria: Incesto - Votos: 20
57274 - Dei pro tio João. - Categoria: Gays - Votos: 19
58242 - Tudo muito rápido... Meu padrasto me fodeu. - Categoria: Incesto - Votos: 11
58782 - A prostituta do filho. - Categoria: Incesto - Votos: 37
62276 - Engravidando a própria filha. - Categoria: Incesto - Votos: 24
63422 - Os três amigos. - Categoria: Gays - Votos: 23
65714 - Sou casado, viado e corno. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 44
71600 - Filha fogosa. - Categoria: Incesto - Votos: 49
72755 - APRENDI SER CORNO. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 34
74553 - Na sauna com papai. - Categoria: Incesto - Votos: 35
75127 - Minha vida de universitário. - Categoria: Gays - Votos: 9
75343 - Irmã de bunda gostosa. - Categoria: Incesto - Votos: 56
75802 - Carnaval com minha filha. - Categoria: Incesto - Votos: 53
77035 - Ganhei uma nova família. - Categoria: Incesto - Votos: 40
82468 - Substituindo o consolo de borracha da filha. - Categoria: Incesto - Votos: 42
84159 - Mesmo sendo casado, ainda gosto de uma pica dura. - Categoria: Gays - Votos: 14
84588 - Minha filha, minha paixão. - Categoria: Incesto - Votos: 30
86699 - Minha filha: casada e carente. - Categoria: Incesto - Votos: 24
88391 - Chamais imaginei transar com a minha filha. - Categoria: Incesto - Votos: 27
88445 - Minha mãe é muito gostoza. - Categoria: Incesto - Votos: 40
88488 - Além de ser corno, também gosto de dar... - Categoria: Traição/Corno - Votos: 34
88699 - INCESTO GOSTOSO, COM MEU PAI E MINHA IRMÃ. - Categoria: Incesto - Votos: 16
90332 - Minha filha e sua amiga. - Categoria: Incesto - Votos: 32
91248 - Minha filha é muito putinha. - Categoria: Incesto - Votos: 33
92048 - Meu pai descobriu que eu dava a bunda. - Categoria: Gays - Votos: 38
92293 - Eu e meu amigo Cristiano. - Categoria: Gays - Votos: 24
93154 - Voltando aos velhos tempos. - Categoria: Gays - Votos: 8
93521 - Minha primeira boceta foi a da minha mãe. - Categoria: Incesto - Votos: 33
95122 - MInha filha, minha mulher... - Categoria: Incesto - Votos: 23
97972 - Tentei evitar, mas acabei comendo minha filha. - Categoria: Incesto - Votos: 23
98776 - Não resisti minha irmã boazuda. - Categoria: Incesto - Votos: 29
98977 - Engravidei tia Dalva. - Categoria: Incesto - Votos: 22
100001 - Eu e minha sogra... Minha esposa não pode nem desconfiar. - Categoria: Incesto - Votos: 35
102107 - Trepo com minha filha e também com minha ex-esposa. - Categoria: Incesto - Votos: 33
102365 - FIQUEI LOUCO PELA BUNDINHA GRANDE DA MINHA FILHA. - Categoria: Incesto - Votos: 34
102888 - Eu e minha mãe... Acabou acontecendo. - Categoria: Incesto - Votos: 31
103717 - Minha filha provocou, até acontecer... - Categoria: Incesto - Votos: 27
104125 - Minha filha Rosa veio morar comigo. - Categoria: Incesto - Votos: 29
105245 - NORA BONITINHA E ORDINÁRIA... - Categoria: Incesto - Votos: 31
105519 - Corneando meu filho, com minha nora árabe... - Categoria: Traição/Corno - Votos: 27
105577 - Descobri que minha filha é sapatão... - Categoria: Incesto - Votos: 38
105871 - MEU TIO JORGE. - Categoria: Travesti - Votos: 23
106902 - Minha filha fazendo cursinho pré-vestibular. - Categoria: Incesto - Votos: 24
108753 - Espiando minha filha tomando banho peladinha. - Categoria: Incesto - Votos: 34
109836 - DIVIDINDO A NAMORADA COM O AMIGO. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 30

Ficha do conto

Foto Perfil andre.lino
andrelino

Nome do conto:
O delegado e suas duas filhas.

Codigo do conto:
70597

Categoria:
Incesto

Data da Publicação:
10/09/2015

Quant.de Votos:
25

Quant.de Fotos:
5


Online porn video at mobile phone


contos eroticos dando pra geral na favelainaugurando a ninfeta contos droticoscontos eroticos a travesti transformou e outra travesticontossexo menininhas na chuvaContos eroticos irma mais velha parte 1ultimos contos sadoarrombei minha mãecontos gay apartamentomeu filho mamau meu pau contos gaycontos eroticos novinho sendo enrabado a força pela primeira vezconto erotivo ci de bebada nao tem donowww.contos eroticos quadrinhos eroticoshd.com.brcomeu a prima no mato porn mozconto erótico calcinha peõesconto erotico estou arrasadaconto erotico estava chovendo forte maninha casada com medo pediu pra eu dormir com elaperdi as preguinhas do cu quando era pequenacontos malicia incestos encoxadascontos de franco e belinha zoomulher viuva na zofilia com cao vira lataConto esposa sem calcinhaputas do moz no sexocontos com fotos esposas loba de cornocontos erotico - a cunhadinhaconto banho no quintal com tia peladaQuadrinhos Hentai Dragon Ballganhei punheta enteada contosconto erotico perdi a virgindade do cu fotosver gibis eroticos da caçadorao meu chefe ta mi fasendo de escrava sexual contos erotconto erotico achei uma camisinha e uma calcinha na bolsa da esposameu namorado me comeu com agresividade e eu gostei contocontos eroticos de mulheres evangelicas fuderam com sobrinhoconto+eroticocontos eroticos gay de negaodei o cu e buceta na infancia que vicieivirei femeameu sogro meu amante contosainda bebe meu papai me deu mamar contos eroticogay luta greco romana pornconto gay empurrando rola no meu sobrinhocomendo minha mae cuzuda gostosa depois que o papai sairContos porno com bandidoSou uma senhora e meu cu vive cheio de porra,conto eróticoultimos contos sadoConto erotico travesticontos eróticos de meninas novinha estupradas pelo o capatais da fazenda.contos eroticos relacionados com taxistas bem dotados e ninfetasmaurosafadoconto erotico- empregada casada contandocontos de filhos e mães pelados na praia de nudismomeu filho me fodeu gostoso com fotosContos gay pau pequenoperdi as preguinhas do cu quando era pequenaContos eroticos.quando vi o penis grande grosso do meu filho fiquei .Contos eróticos bem safadao com o amigo tímido e virgemcontos eroticos tias com subrinhasconto erótico caminhando no parquecine prive na band vizinho transa com vizinho corno porno brasil videosporn vidio belinha com calsinha ao lado da vajinacontos eroticos engravidando a loiraconto eroticos eu fiquei os cinco dias andado com dificuldade depois de da o cuContos de arreganhou a bunda com raivaxxx conto erótico ranquei o cabacinho da minha filinhaContos eroticos filmando minha maesexo engravidando mamaechifreira trai com negaoxvidio animadocontos erotico estrupo loira esculturalContos sei que meu padrasto me olha pela fschadura do banheiro ai eu provocoMinha mulher gostosa e seus vestidinhos curtinhos no barConto porno com forto o fazendeiroultimos contos sadoquadrinho erotico cercaniascontos veridico esposa fode pagando uma divida do marido com o homem bem dotadocontos erroticos de incertos filha amante do pai 2017 ltimas publicaes com fotos guadinho entiada erótico cotoFlagrei minha tia de calcinhafavelada rabuda conto eroticomeu amigo enrrabando minha mulherarmei para minha namorada santinha ser arrombadaContos Eróticos De. Dona Carmen A Coroa Mãe Do Meu Amigome fuderam depois de casada conto