SEM DÓ NEM PIEDADE – GAY NOVINHO


Click to Download this video!


SEM DÓ NEM PIEDADE – GAY NOVINHO
Meu nome é JD (fictício), tenho atualmente 48 anos, sempre fui gordinho, bastante gordo mesmo. Como já tinha dito no conto anterior.
No seguimento do meu conto com o nº 65331, no dia seguinte, domingo, meu cuzinho estava arrombado, dorido e inchado. Eram cerca das 17 horas, estava em frente de minha casa, aparece o (AP) que me convida para lanchar em casa dele, como acontecia muitas vezes, pois a minha família e a dele são bastante amigas. Chegamos a casa, entramos e vi ele trancar a porta à chave, perguntei porque a trancava, respondeu que estávamos só os dois e que os pais e as irmãs chegariam tarde. Fiquei com receio de ele querer comer o meu cuzinho que estava muito dorido.
Fiquei um pouco mais calmo, quando pediu para o chupar, após baixar as calças e os boxers. Eu ajoelho-me em frente, peguei no pauzão com a mão e levei-o à boca, começando a chupa-lo, chupava a cabeça e acariciava os colhões com uma das mãos. Passado algum tempo AP já gemia com prazer, continuei a chupar e o prazer de AP aumentava, leva as mãos há minha cabeça e força para meter o caralho todo na minha boca. Sinto entrar na minha garganta e ou mesmo tempo falta-me o ar, começa um vai e vem rápido, os gemidos vão aumentando até dado momento em que grita, toma o meu leite paneleiro, e de imediato sinto os jatos na minha boca e garganta, que vou engolindo para não se perder nada. Quando tirou da minha boca ainda lambi todo o caralho, para ficar limpo.
De seguida sentamo-nos num sofá a ver televisão, ambos estávamos nus. AP começa a tocar no meu pénis, pedindo para eu fazer o mesmo ao dele. Ficamos nas caricias uns minutos que deixou nossos paus duríssimos, o meu com uns 12x2,5 cm e o do AP com uns 17x4,5 cm. O tesão era muito e AP pede para me enrabar, eu protesto, mas a insistência dele é uma constante, o meu tesão é muito e apesar do receio, aceito que me foda o cu. Coloquei-me de 4 no sofá e sinto logo o caralhão na entrada do cu, fiquei tenso e por isso a entrada do meu cu ficou apertada, as tentativas para me penetrar eram seguidas, e já com isso sentia bastante dor, eu pedia para parar, a resposta foi que tinha de aguentar e que alarga-se com as mãos as nádegas para a entrada ficar mais larga. Ao ver o meu cuzinho, exclamou, tens o cu muito inchado e saído, ao mesmo tempo que já forçava a penetração. Eu ganhei coragem e fiz como se fosse evacuar nessa altura entrou a cabeçorra, senti uma dor como se estivesse a ser rasgado e gritei bem alto, tira por favor. A resposta foi forçar para entrar e eu só sentia dor que ainda aumentava conforme ia entrado. Eu chorava com tanta dor, o que parecia deixar AP mais louco e cheio de tesão, não se importando com isso e fodendo o meu cu cada vez com mais intensidade. Eu estava quase desfalecido com a dor e já estava assim à mais de 10 minutos, quando sinto as estocadas bem mais fortes, com as bolas a bater na entrada, ao mesmo tempo os gemidos de AP são longos e bem mais alto, começando a chamar-me de paneleiro, puta e que tinha um cu delicioso, que queria comer o meu cu sempre. Não tardou e senti o caralho inchar mais, ao mesmo tempo que dizia vou encher-te o cu de leite e os jatos para dentro do intestino foram muitos e bem quentes.
Quando tirou, olhei para o caralho e vi algum sangue, por instinto, levei a mão ao cu notando que estava saído e aberto e quando vi a mão estava com sangue também. Dirigimo-nos para o WC a fim de lavarmo-nos, eu sentia o leite sair e escorrer pelas minhas coxas. Após lavarmo-nos em frete de um espelho deu para ver o meu cu todo aberto, parecendo uma “rosa”.
AP disse-me que queria continuar a foder meu cu, que eu era um paneleiro, mas que mais parecia uma puta. E como já disse no conto anterior, fui puta dele por mais uns 2 a 3 anos. E com isto tudo, comecei a ter mais prazer, quando a dor é forte.
Mas a minha vida de putinha não acaba aqui, tenho mais relatos verídicos para contar, espero que gostem, para continuar a relatar o paneleiro que sou.

Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario bobimalone

bobimalone Comentou em 01/10/2015

Gostei so falta umas fotos no perfil

foto perfil usuario laureen

laureen Comentou em 23/07/2015

gostei amigo,conto delicioso, leia os meus ok Laureen

foto perfil usuario contoseroticos

contoseroticos Comentou em 23/07/2015

Belo conto votado tmb adoraria t enrrabar e encher seu cu d leite

foto perfil usuario contoseroticos

contoseroticos Comentou em 23/07/2015

Belo conto votado tmb adoraria t enrrabar e encher seu cu d leite

foto perfil usuario gugu7l

gugu7l Comentou em 22/07/2015

mais um belo conto, e vc é mesmo uma puta da galera, aposto que eles sabem abusar bem desse rabo gostoso...votado

foto perfil usuario betopapaku

betopapaku Comentou em 22/07/2015

Uma bundona gostosa dessas merece mesmo muita pica! Tesudo!




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


57936 - MEU CUZINHO ARROMBADO – GAY NOVINHO - Categoria: Gays - Votos: 17
65331 - MEU CUZINHO ARROMBADO (SEGUINTE) – GAY NOVINHO - Categoria: Gays - Votos: 11
70430 - O VIZINHO – GAY ADOLECENTE - Categoria: Gays - Votos: 5
83551 - COMPANHEIROS DE QUARTO - Categoria: Gays - Votos: 9
114198 - EX-COMPANHEIROS DE QUARTO + 2 NEGROS - Categoria: Gays - Votos: 8

Ficha do conto

Foto Perfil gordinhopassivo100
gordinhopassivo100

Nome do conto:
SEM DÓ NEM PIEDADE – GAY NOVINHO

Codigo do conto:
68228

Categoria:
Gays

Data da Publicação:
22/07/2015

Quant.de Votos:
10

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


contos de lactantesconto de farmaceutico pornoconto erotico uma crente fazendo dpContos eroticos com fotos de moleques de dez anos dando cu para tios caminhoneiros na viagemcontos eroticos de dupla penetraçãocaminhoneiro fudendocontos eroticos o meu avôcontos gostosas dando juntas sem frescurameu sobrinho comeu minha esposaas vadias feiosas fudendoConto eroticolesbico violento c orgasmoConto erotico homem com ninfetinhanovos contos eriticos escritos de lactofiliaconto erotico briga de espadas gay 2017contos eroticos trair meu marido no puteirominha enteada novinha de fio dental na praia com sua mae e eu contosvideo escorregou e tro errado pornocontos eroticos gaycontos eróticos gay-meu tio tirou minha virgindadedei minha bunda para meu irmão gozarcontoeroticoirmãoscontos sexo minha tia grávidafilhas conto eróticoconto sou novinha e adoro uma picacontoerotico sobrinha cabacinhafomos pescar com nossas esposas conto eroticohistoria porno irmaoContos50 cm minha picaComtos erotico na chuvaser corno e um caminho sem volta?conto erotico patriciaconto erotico peguei o marido dairmacontos gozei fazendo tatuagemos melhores comtos de sexo muito esitantegemendo na pica grande do namorado da minha amiga, aiii...me come se caralhudo mete tudo na minha buceta. conto eróticoconto erotico um touro gozou na minha bucetacontos eroticos reais/corno nem viucontos eroticos zoofilia cadelaconto de primo fudendo primaGostosas sendo arronbandas por negão em quadrinhoEvangelicas striptease fruta pornomeu sogromim rabouhistoria porno irmaofeia gostosa e puta contocontos eróticos sou viciada em putaria sou putonaconto erotico de sexo com negro roludoporno em quadrinho comendo mae extraordinário quadrinho e contos incesto pornosó homens bonitos batendo punheta falando palavrão hesitante Alto E goza -youtube -site:youtube.commarceneiro comeu boy gay contofantasias incestuosas fotosbaixar novinha sentindo pau porno mozquadradinho da crente inocente safada em conto eróticosultimos contos sadocontotaradaconto erotico dona ruth taradavendo mamãe transar no cine porno contos eroticoscontos eroticos casadas com novinhosflagrei o amigo do meu pai batendo punheta com minha callcinha usada/contoscontoeroticonotrabalhocontos eroticos comi minha maeescravizei minha nora contos erotiçosfilho maecanto eroticonao acreditei quando ele disse 23cm conto gaycontos gay meu cunhado novinho gayfotonovela porno eroticaconto gay virei mulherconto erotico minha maeContos eroticos de travesris lindas do pau gostosos.conto erotico empregada negraconto gay sexo com primo mais velhoMeu tio e eu no motel conto eroticocontos eroticos comir uma dengozinhasexo com putona de fio dental com argolas na orelhacontocasadasafadacontos eroticos comi minha avó que fumava um beck incestocontos eroticos cunhada e sogrAEu tava fundendo minha esposa no meu quarto minha sogra viuva ela entrou nua no nosso quarto ela disse meu genro fode eu e minha filha nois duas juntas conto eroticocontos heroticos encoxei de pau duru cuzuda rabuda gostoza punhetaContos eroticos estuprada vovocontos eroticos gay putaopai pegou a filha Barbuda transando e meteu a rola nela tambémContos de cedezinhas seno encochadasminha esposa nao restiu uma rola enorme eu tambem nao resisticontos eroticos de xifrudosConto com foto vizinha peluda de vestido no matocontoeroticoarrombadaMulhe mijano gala depois q tira a picacúmplices de um resgate pornoinquilina casada transa com o dono cormo vai trabalhaconto erotico maemae e meu paipaiBucetao da egua no cio