Minha nova veterinária


Click to Download this video!


Olá, meu nome é Pietra e tenho 18 anos, dona de um corpo bonito com curvas, 1.65 de altura, seios grandes mas bem durinhos, sou ruiva de pele bem branquinha e olhos castanho . Moro atualmente em minas gerais com meu pai Marcos, mas ele trabalha muito na nossa empresa, na maior parte do tempo tem que estar viajando. Nos mudamos recentimente para um condominio, com isso não conhecia quase ninguem, então em casa sempre está somente eu, minha gatinha neve e os empregados . Sou muito apegada a minha gatinha, mas numa tarde eu notei que ela estava muito quietinha e estranha, entrei logo em desespero e já fui logo procurar um endereço de uma boa clínica veterinária mais proxima para leva-lá . Peguei o meu carro e fui direto para lá, afim de saber oque se passava com ela,fiquei esperando por 10 min ate que eles retornassem dos exames com a neve e que eu fosse chamada pela secretaria, para ir ao consultório com ela . Ao entrar me deparo com uma mulher linda que aparentava ter seus 28 anos, morena de olhos verdes, cabelos longo, seios médios e dona de um corpo escultural; Logo que a vi senti meu sexo se molhar e acabei ficando um pouco vermelha por isso acontecer, ela me olhou assim que entrei, com uma cara de safada, era extremamente sexy com um ar de mulher dominadora e que tem atitude. Olhou no fundo dos meus olhos e com um sorrisinho disse :
- Olá, meu nome é Drt. Gabriella mas pode me chamar de gaby, serei a veterinária da sua gatinha .
- Prazer Gaby, meu nome é Pietra . Desculpe se estou um pouco nervosa, mas não quero perder minha gatinha, tem como você me ajudar ?
- Vou fazer meu melhor, desculpe a demora para te atender, mas já fui providenciando os exames da gatinha e eles devem sair dentro de algumas horas, mas tudo oque indica é que ela esteja apenas tendo uma má alimentação e precise de algumas vitaminas. Posso estar mandando um empregado daqui da clinica levar os exames da neve até sua casa, gostaria ?
- Sim, claro . Moro no condominio 'esmeralda' na casa 'laranja' .
- Nossa, mas que coincidencia, tambem moro lá, 4 casas depois da sua, na casa 'amarela' . já que somos bem dizer vizinhas eu mesmo entrego os resultados .
Ela me olhou com uma cara de quem gostaria de me devorar inteirinha, meus seios ficaram sensiveis e estava visivel que aquela situação toda havia mexido comigo .
- tudo bem então, estarei aguardando .
Sai do consultorio com minha gatinha e fui para casa, coloquei ela em sua casinha e lhe dei alguns aperitivos . Estava com um pouco de calor e decidi tomar um banho refrescante de banheira e depois me deitar, mas antes desci até a cozinha para poder liberar a empregada mais cedo, afinal pretendia ir a uma festa com a unica amiga que eu tinha aqui . Subi para meu quarto, vi que já eram 18:00 e me despi, fui para meu banheiro e enchi a banheira, entrei nela e deitei um pouco para relaxar . Comecei a me lembrar daqueles olhos famintos de Gabrielle sobre mim hoje mais cedo, passei minhas mão pelo meu corpo até chegar até no meu sexo que neste momento já se encontrava úmido e latejante de tesão, como era possível uma pessoa que ate então eu nunca tinha visto na minha vida me fazer sentir tamanho tesão ? Parei imediatamente e terminei meu banho . Ao sair do banho vesti uma langeri preta com redinha vermelha com direito até a cinta liga e coloquei um hobby de seda até der a hora de terminar de me vestir para sair . Estava tomando uma taça de vinha enquanto terminava de me maquiar quando a campainha da casa toca, me lembrei imediatamente de Gaby e fui atender . Abri a porta, quando ela me viu só de langeri com um hobby por cima ela mordeu o lábio e me olhou com cara de desejo . Ela estava com os cabelos soltos, um vestido branco um pouco justo e saltos pretos, nossa como eu estava excitada, desejava sua boca na minha mas disfarcei. Convidei-a para entrar e ela aceitou .
- Me desculpe pela demora, passei em casa antes de vir aqui entregar os resultados dos exames, e pelo oque vi sua gatinha está ótima só precisa de algumas proteinas como já havia dito ..
- Não tem problemas . Nossa fico super aliviada em saber, gostaria de me acompanhar em uma taça de vinho ?
- Bom não tenho nada para fazer, então vou aceitar .
Ela me olhava de cima em baixo, a chamei ate a sala e trouxe duas taças e uma garrafa dos nossos melhores vinhos, coloquei sobre a mesa e nos servi . Estávamos conversando sobre nossas vidas durante mais de uma 1 hora, e já estávamos um pouco mais soltinhas devido ao vinho . me virei para colocar minha taça na mesa, então ela se aproximou de mim por tras e deu um beijo em meu pescoço, respirei fundo, então fechei meus olhos. Ela começou a passar as mão pelo meu corpo e descer até chegar em minha calcinha que já estava ensopada ..
- Nossa como eu queria fazer isso desde cedo quando te vi .. queria te fuder com minha lingua e meus dedos .. ouvir você gemendo e quando gozase chamar meu nome .
- Bom só estamos nos duas aqui, então por que não faz isso ?
Gaby tirou o seu vestido me revelando estar só com uma calcinha branca fio dental bem atolada naquela bunda deliciosa .
Ela me deitou, começou a me beijar e simplesmente puxou minha calcinha do lado, foi descendo seus beijos da minha boca para o meu seio, sugava bem forte meus mamilos enquanto eu gemia, ela parou e começou a descer mais até minha boceta .
- Nossa que bocetinha linda essa sua, tão pequeninha, toda molhadinha e rosinha .
Nessa altura eu já estava louca de tesão doida para sentir aquela boca gostosa na minha bucetinha, e não demorou muito para eu sentir ela me chupando bem forte, passando a ponta da língua no meu grelinho . A única coisa que eu consegui fazer era gemer, ela me chupava tao gostoso, tao vorazmente que foi muito difícil segurar o gozo, foi quando ela disse que não queria que eu gozasse naquela hora. Ela parou de me chupar e se sentou na minha boca, fizemos um delicioso 69, eu pude sentir aquela bucetinha lisinha e toda meladinha na minha boca . Nossa como ela era gostosa, ela rebolava aquela buceta na minha cara todinha, aquele liquido gostoso que saia daquela buceta quente, estava em todo o meu rosto, cada vez mais eu a chupava com mais força e a medida que eu fazia isso ela gemia mais. Quando percebi estavmos gozando juntinhas ....

CONTINUA.......


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario fehferrie

fehferrie Comentou em 15/07/2015

Bem descrito amei o conto. Excitante!

foto perfil usuario davidcleber

davidcleber Comentou em 12/07/2015

Eita como e bom goza esperando a continuação

foto perfil usuario Soninha88

Soninha88 Comentou em 10/07/2015

delícia de conto, super excitante e bem escrito...amei e votei...bjs

foto perfil usuario morenocd

morenocd Comentou em 09/07/2015

nossa não vejo a hora de ver a continuação desse seu conto delicioso, to com a minha calcinha molhadinha de tesão

foto perfil usuario eutoaquipraver

eutoaquipraver Comentou em 09/07/2015

Lindo. Adorei

foto perfil usuario

Comentou em 08/07/2015

Pietra, que maravilha de conto. Conto além de bem escrito é muito excitante. Tens meu voto!! Bjs!!!

foto perfil usuario gatoreno

gatoreno Comentou em 08/07/2015

delícia de conto é lindo duas mulheres se amando adorei bjs em vc todinha

foto perfil usuario grego970

grego970 Comentou em 08/07/2015

Que delícia hein...deixa a doutora cuidar da sua xaninha bem gostoso...adorei e votei...e que venha o próximo!




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


46704 - Minha madrasta não resistiu a tentação - Categoria: Lésbicas - Votos: 35
47025 - Fudendo minha diretora gostosinha - Categoria: Lésbicas - Votos: 27
48151 - me satisfazendo no banho - Categoria: Masturbação - Votos: 20
55165 - Passando a noite com minha Professora da faculdade - Categoria: Lésbicas - Votos: 20

Ficha do conto

Foto Perfil pietra 22
pietra22

Nome do conto:
Minha nova veterinária

Codigo do conto:
67469

Categoria:
Lésbicas

Data da Publicação:
08/07/2015

Quant.de Votos:
19

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


contos eroticos meu padrinho tirou meu cabaçocontos porno de seducao de tiaContos gay pau pequenoUi ui ui tio mete contovideo porno negao pintudo no medico urologistaSercarlos01limpa minha buceta seu corno contomamae que letinho de filhinholoira do ônibus contos eróticosnegrinha pretinha libera a cotinha virgeporno em contosconto falado depiladora travesticonto erotico mamando nastetas de minha irma e meu cunhado mamando no meu pausainha pra admirar lesbicas contosvizinha sozinha carente so de biquiniscontosporno de filha filmou pai professor conto eróticofudi minha priminha novinha contochupando cachorro conto[email protected]samba porno cornos chupador de picaconto erotico acunhada do meu amigo rabuda mete aiiivelho com mau hálito beijando neta pornocontoeroticobebeContos eroticos de avo e netaContos eróticos de incesto ai mamae que chupetinha mais gostosa é essaMe comeram na praça contos eroticosconto erotico perdi mulher em jogoCunete frances gay arrombo no cucarinhos e posicões que travestis adorambanho conto erotgozou na minha garganta contoconto erótico fui chantageada e tive que dar e gosteiConto cdzinha cinemas centro spconto erotico minha esposa adora conta as foda dela e eu flaguei elapadrinhocontoeroticoporno gay josman meu selvagem e atrevido filhotesaodemulhersexocontos enganei e xupei minha netinhacomendo a vizinha bebada so cuzinhoconto erticohisoriaa porno em quafrinhosConto erótico dando a buceta e o chifrudo ligandoconto erotico gay cara do hornetcontos eroticos encoxada no onibusconto erotico gay dupla penetraçãover vidios porno mae putascuquadrinhos eroticos minha esposa servindo meus amigosConto Erótico travestri Dotadabuceta gibi as mais excitantesenrabeiporno conto bandido e a donatrepeo com irmanzinha contoscontos eroticos sou casada minha amiga scat deliciosoque buceta apertadatinhacontos enrabei um cuzinho gostosowww.contos erotico em quadradradinhoconto erotico com mae,filha e animalconto erotico com foto isso que e gosta de ser cornocontos eroticos com vendedora de cocada baianadormi bebado perdi as pregasentiadacontoeroicocontos eróticos comento a viuva evangélicaconto erotico negaconto erotico perfil lcsFotos incesto com nora brazilgostosas do bundao de vestidocontos eroticos de mulheres evangelicas fuderam com sobrinhoParte 2 conto erotico comi o cu da minha prima porque ela nao aguentou meu pau fundendo sua bucetascatvedeoDei o cu ao peãofilhaputacontoconto erotico de gravidaPorno contos incesto mamaes ensinam tudo as ninfetinhas inicio orgiasconto de encesto filho drogadovideos esposa ajuda marido enrabarar sua maewww.entiadacontoeroticoporno empregadacomendo o barbeiro bundudo de minasfinalmente ela me apresentou o cornocontos eróticos de punhetaPrimo comendo esposa do primoperdi as preguinhas do cu quando era pequenaindio tarado por grelo grandecasa dos contos meu padrasto safadaocontos eroticos banheiro incestocontos sou uma sobrinha safadinha e putinhafrozem desenho pornocontos eroticos de sogras 2017conto de me rebentaram o meu cu na obracontos eroticos minha cunhada me deu o cu de presentecontos eroticos peguei meu cunhado virgem me espiandocasa do conto erotico meu imao mulhe delicontos eróticos sobre cunhada bucetuda