Confusão no Motel.


Click to Download this video!


Algumas pessoas vão achar um absurdo o que eu vou narrar neste conto. Poderia ser cômico se não fosse trágico. Eu era uma menina muito metida e me sentia a rainha do pedaço. Diariamente gostava de ficar me admirando no espelho me achando a mais gostosa de todas... Sonhava em ser modelo um dia. Apesar de ter apenas 18 anos, tinha um corpão de uma mulher de um pouco mais de idade. Meu pai engenheiro agrônomo e trabalhando pro governo estadual fomos morar em uma cidade rural com pouco mais de cinco mil habitantes... Era o fim do mundo. Para estudar, tinha que ir pra uma cidade maior que ficava a +- 40 km. Era constantemente assediada por homens de várias idades: era um absurdo como muitos homens casados daquele lugarejo viviam me jogando cantadas. Mas naquela cidade eu achava que não tinha nenhum rapaz com capacidade física, moral e nem financeira pra me namorar... Queria o melhor pra mim. Passei a ter alguns namoricos no colégio só pra poder dar alguns agarros... Adorava beijar na boca. Como no colégio tinha alguns filhos de fazendeiros, passei a ser mais seletiva pra arrumar namorado e a escolher aquele que tinha carro. E foi dentro de carro e em estradas desertas que comecei a deixar o namorado ir avançando cada vez mais. Mas só com praticamente dezoito anos que fui perder minha virgindade. Sempre quando eu ia e voltava do colégio, de dentro do ônibus, no meio da estrada, ficava reparando no motel (o único naquela redondeza) que parecia ser até bem luxuoso... Passei a ter uma vontade louca de conhecer aquele motel por dentro. Custei a convencer meu namorado Júlio (ele era rico, mas um pouco abobalhado) pra me levar naquele motel. Assim que tiramos nossas roupas e íamos começar o rala e rola em cima daquela cama redonda e olhando para as paredes todas espelhadas, alguém arrombou a porta que dava pro corredor do motel aparecendo um homem negro com uma arma na mão gritando que era pra levantarmos e sair do quarto... Não permitiu que pegássemos nada dos nossos pertences (consegui pegar minha calcinha, mas não pude nem vesti-la) e nos fez acompanhá-lo sempre aos gritos... Eu estava quase tendo um ataque cardíaco e chorava copiosamente. Trêmulos, fomos levamos para um cômodo que parecia ser um escritório onde tinha mais três casais e mais três mulheres que pareciam ser funcionárias do motel tirando seus uniformes a mando de outro homem também armado (todas as mulheres choravam). Todos pelados e querendo esconder suas partes íntimas, logo reconheci um vereador da cidade junto com a mulher de outro vereador; o outro casal era o dono do armazém com a mulher do delegado, e o terceiro casal desconhecido. Estava simplesmente apavorada e chorando muito, quando olhei e um terceiro bandido trazia o quarto e último casal que estava no motel naquele horário. Mesmo com os olhos cheios de água reconheci também aquele casal. Minha vontade foi de atravessar a parede onde eu estava encostada junto com os outros. Aquele homem de quase dois metros e também totalmente pelado era simplesmente meu pai com a sua secretária (casada e feia pra cacete) igualmente pelada... Rapidamente levei minha calcinha pra tapar meu rosto. Meu pai veio justamente ficar do meu lado me deixando apavoradíssima mais ainda que sentia que minhas pernas não iam aguentar e eu ia desmaiar. Justamente quando meu pai olhou pro lado e arregalou os olhos me reconhecendo é que começou a reboliço. O barulho de sirenes fez aqueles bandidos (tinha outros dentro do motel) começarem um corre-corre saindo da sala pro corredor. Começou barulho de tiros e ninguém naquela sala ousou sair com medo de levar uma bala perdida... Foi quando meu pai me puxou pra deitarmos no chão me protegendo com seu corpo.
- Calma Denise, vai ficar tudo bem!...
Em poucos minutos apareceu um policial e o delegado que fingiu não reconhecer sua esposa, mandando que fossemos todos pros quartos se vestir e voltar pra aquela mesma sala. Só a mulher do delegado e seu acompanhante não retornaram. Meu pai foi conversar a sós com o delegado e num instante foi nos dado permissão pra sairmos do motel... Vimos outras viaturas no local com vários policiais (todos da outra cidade) e vários bandidos sendo presos. Meu pai me fez sair no seu carro junto com sua secretária e Júlio foi embora sozinho (nunca mais o vi, nem no colégio). Calados, meu pai dirigiu até próximo onde ele tinha o seu escritório e sua secretária desceu. Voltou a dirigir até encostar ao lado da praça bem antes da nossa casa, e ele olhando pra mim.
- Nossa! Que susto hein?
Eu calada, ele fez carinho nos meus cabelos.
- Oh! vamos ter que esquecer esse dia, tá bom?
- E agora? Todo mundo vai ficar sabendo.
- Não vai não, o delegado vai abafar o caso. E pode ficar tranquila que ninguém vai falar nada sobre o acontecido... Todo mundo tem culpa de alguma coisa, nem é?
- Tô com muita vergonha pai!
- Por minha causa, não precisa!
Ainda bem que minha mãe não estava em casa, pois do jeito trêmula que eu ainda estava ela ia desconfiar de alguma coisa. Mas horas depois deitada no meu quarto comecei a analisar tudo o que aconteceu e veio na minha mente meu pai peladão do meu lado... Consegui lembrar do seu pinto que mesmo mole parecia ser enorme igual uma salsicha grossa. No dia seguinte, sábado, meu pai me chamou pra irmos fazer um lanche de carrocinha lá na praça. Com o cachorro quente em uma mão e um refrigerante na outra, procuramos um banco um pouco afastado pra sentarmos.
- E ai filha, já passou o susto?
- Acho que ainda não... Quase não dormi direito!
Meu pai me cutucou pra que eu olhasse o delegado andando de mãozinha dada com sua esposa como se nada tivesse acontecido. Olhei também pro armazém aberto e parecia que lá estava tudo normal.
- Caramba pai... Como pode isso?
- Ainda bem né? Melhor de que uma tragédia na cidade.
Consegui dar uma risada.
- É por isso que ele quis abafar o caso e nem quis o nosso depoimento. - Disse meu pai.
- Já pensou se todo mundo na cidade ficasse sabendo? - comentei.
- Sua mãe ia me matar!
- Pô pai! Acho que nem ia valer a pena morrer por causa de uma mulher feia como a Janete (a secretária).
- Mas é o que eu consegui aqui nesse fim de mundo, ué!... Mas dá pro gasto!
- Mas ela tá com os peitos caídos, bunda despencando e toda pelancuda... A mãe dá de dez a zero nela.
Ele me olhou e bastante sério.
- Só que a sua mãe já não liga mais pra sexo; você entende?
- É??? Por isso que você anda saindo com a Janete?
- Fazer o quê, né filha? Quem não tem cão caça com o gato... Hehehehehe!
E completou.
- Mas o cara que estava com você, também era bem fraquinho, hein?
No embalo da nossa conversa acabei contando pra ele que tinha sido a minha primeira ida em um motel, e que nem aconteceu nada naquele dia... Apenas tiramos as roupas pra tudo começar a acontecer.
- Mas que azar filha, logo na sua primeira vez em um motel?
- É... Tava doida pra conhecer um por dentro.
- Vai voltar lá?
- Não sei ainda... Acho que estou traumatizada com tudo o que aconteceu.
- Lá na Rodovia Norte tem um motel bem melhor e com muito mais segurança; pois fica ao lado a polícia rodoviária.
- Você já levou a Janete lá?
- Algumas vezes!
- Sem vergonha!...
- Pô filha! Eu não posso ficar sem sexo por causa da sua mãe, compreende?
Passou a ser constante, quando vinha a lembrança da figura do meu pai nú do meu lado naquele dia com seu pintão mole balançando, de ficar imaginando eu e ele pelados sobre uma cama redonda só conversando e rindo. Eu e ele sozinhos em casa, saí do banho enrolada em uma toalha pra ir pro meu quarto quando trombei com ele na curva do corredor quase caindo ao chão... Ele me segurando pelos ombros.
- Perdão filha... Estava distraído!
Eu ajeitando a toalha direito no meu corpo, pois ela quase se soltou.
- Hahahaha... Quase que você me deixa pelada!
- Até que seria ótimo... Vivo lembrando aquele dia que vi todo seu corpo.
- É pai? Eu também lembro direitinho de você pelado.
- Teria coragem de abrir a toalha pra me deixar te ver de novo?
Meu corpo tremeu da cabeça aos pés.
- Mas pai???
- Desculpa ter te pedido isso filha; não sei onde estou com a cabeça.
- Eu deixo pai... Olha!
Abri a tolha deixando que ele me visse nua por inteira.
- Oh Denise, Denise... Como você é linda!
Não sei o que meu deu na hora que deixei a toalha cair e pedi pra que ele me abraçasse. Nos seus braços, com ele fazendo carinho nas minhas costas logo senti que ele estava excitado com algo duro e nitidamente roliço esbarrando quase na altura do meu umbigo.
- Oh pai... Como é gostoso ter o seu carinho.
Uma das suas mãos desceu pra minha bunda e subindo rapidamente.
- Perdão filha, foi sem querer!
Eu recostando minha cabeça do seu peito, seu olhá-lo.
- Bobo! Não tem problema nenhum não!
Ele desceu a mão novamente e alisou e apalpou minhas nádegas por um bom tempo. Acho que até perdi a noção do perigo que estávamos correndo daquele jeito ali no corredor de tão gostoso... Vá que minha mãe aparecesse em casa de repente.
- É melhor a gente parar pai... A mãe pode chegar!
E ele me largando fui rapidamente pro meu quarto. Lá me dei conta de como tinha ficado excitada... Minha xoxota estava inundada. Preparava-me pra vestir a calcinha quando ouvi baterem na porta... Achei até que fosse minha mãe. Mas quando abri só um pouquinho, era meu pai.
- Liguei pra sua mãe e ela ainda está lá na vila e só volta no ônibus das 6 da tarde.
Era ainda mais ou menos 3 horas da tarde. Liberei a porta e meu pai entrou no meu quarto voltando a me abraçar e acariciar meu corpo.
- Pai, não faça isso, eu não vou aguentar!
- Eu é que não estou aguentando Denise... Seu corpo está me deixando louco!
Delicadamente foi me fazendo afastar até encostar na cama e deitar de costas. Mamou gostoso nos meus peitos, depois me beijou na boca e passou a alisar minha bocetinha.
- Ai pai! Que loucura gostosa!
Jamais imaginaria meu próprio pai me beijando na boca... Que delícia.
- Tira sua roupa pai, tira!
E ele levantou da cama pra rapidamente ficar completamente pelado com aquele seu trabuco duro, enorme e grosso. Descaradamente abri minhas pernas.
- Vem pai, vem!!!!!
E ele veio, e em pouco segundos estava forçando seu pau roliço na minha bocetinha que foi alargada ao máximo pra poder engolir aquilo tudo.
- Aaaaiiii! Aaaaaiiii! enfia pai... enfia tudo!...
Quando senti sua virilha cabeluda encostando na minha boceta eu já estava quase gozando. Deu umas cinco bombadas e eu gritei.
- Tô gooozando pai! Maaaaiiiiis... Maaaaiiiiissss!...
E ele continuou socando enquanto eu ia tendo o melhor e mais gostoso orgasmo da minha vida, até tirar da minha boceta e gozar muito sobre meu umbigo. Eu limpando sua porra com a toalha e ele deitado ao meu lado.
- Nossa pai... O que nós fizemos?
Ele voltando a me beijar na boca.
- Fiz o que estava com vontade de fazer desde aquele dia em que a vi nua... Você se arrependeu?
- De jeito nenhum pai... Foi o melhor sexo que já fiz.
E ficamos ali na cama nos beijando muito: ele fazendo carinhos nos meus peitos e alternando pra bunda, e eu, de vez em quando levava a mão no seu pau e o acariciava torcendo pra ele ficar em posição novamente... Até.
- Nossa pai... Tá ficando duro de novo?
- Tá quase bom... É só você continuar fazendo carinho.
Com seu trabuco bastante duro novamente, ele me fez ficar de quatro pra atolar novamente na minha boceta e socar por vários minutos me fazendo ter um novo e maravilhoso orgasmo... Gritei como uma verdadeira putinha.
Na segunda-feira, estava ainda em sala de aula quase terminando, quando percebi uma mensagem no meu celular. Era meu pai dizendo que estava me esperando na saída... Maior novidade pra mim. Ao encontrá-lo, me disse que estava ali perto e sabendo do meu horário resolveu me esperar. Logo que ele ligou o carro me perguntou se eu gostaria de conhecer o motel que ele tinha me falado.
- Lá não tem perigo mesmo não?
- Não! Pode confiar em mim.
Rodamos por uns vinte minutos pra entrar em um motel que mais parecia um castelo. O que era apenas minha imaginação estava acontecendo de verdade; estava pelada com meu pai em uma cama redonda de motel que ainda por cima girava permitindo nos vermos pelos vários espelhos espalhados pelo quarto... Até no teto. Ficamos apenas uma hora, em que meu pai me comeu em várias posições: de lado, de frente, ele por cima, eu por cima... Tava adorando ser a putinha do meu pai. Na volta do motel, resolvi perguntar.
- Você tem levado a Janete no motel?
- Depois daquele dia, ainda não!...
- Ainda não fez sexo com ela, até hoje?
- Ah filha, isso eu tive que fazer lá no escritório mesmo!
- É? Mas eu não entendo o que você vê naquela mulher horrível!
- Quer saber mesmo?
- Ué... Lógico!
- Ela como amante, faz coisas que a mulher da gente não faz... Entende?
Fui pedir pra ele explicar, e me falou com todas as letras que ela fazia sexo oral nele, e deixava ele também colocar na bunda.
- Caraca pai... Até sexo anal?
- Pois é filha... Toda amante faz!...
- Eu também sou sua amante, pai?...
- Ué filha... Fizemos sexo apenas duas vezes; o que você acha?
- Não sei... Mas estou gostando de ser sua mulher!
- Quer ser minha amante?
Acabei que falei sem ter um pingo de constrangimento.
- Eu quero! Mas atrás eu só deixei uma vez e nunca fiz sexo oral.
- Só vou fazer aquilo que você deixar, combinado?
Três dias depois ele me pegou novamente no colégio e fomos pro motel. Depois de muito rala e rola na cama, fomos tomar um banho pra voltarmos pra casa. Beijo vai, beijo vem, mão aqui, mão ali, até que com a mão nele senti iniciando uma nova ereção.
- Posso tentar chupar pai?
- Quer mesmo filha?
E ali mesmo, me agachei até começar a beijar seu pau, lamber e colocar só a ponta na boca e sugar fazendo pressão com os lábios.
- Isso filha... Iiiiiiiiiiissso! Chupa o papai, chupa!...
Fui tomando gosto pela coisa que rapidamente eu estava mamando o pau do meu pai como uma profissional do sexo... Só tirei quando senti a primeira leva de porra dentro da minha boca.
- Fiz direito pai?
- Melhor do que qualquer outra mulher!...
- Então, estou sendo uma boa amante?
Ele me abraçando a passando a mão nas minhas nádegas.
- Uma excelente amante... Agora só falta deixar aqui atrás.
- Só tenho medo do tamanho e da grossura do seu pinto, pai!...
- Mas quer tentar?
- Da próxima vez eu deixo!
Na semana seguinte, já dentro do quarto do motel, após as preliminares: muito beijo na boca e muito carinho por todo o corpo, ele pegando uma bisnaga de um produto que ele trouxe.
- Olha aqui filha... Isso é pra ajudar no sexo anal!
Ele me explicando que aquilo era um gel lubrificante pra ajudar na penetração foi passando no seu pinto e me mandando ficar de quatro passou aquilo no meu ânus introduzindo um pouco até o seu dedo... Já fui ficando arrepiada. Quando senti aquela tora roliça começando a entrar no meu buraquinho traseiro foi como sentir um enfiando um braço. Berrei, rebolei, xinguei e até fiquei com os olhos lacrimejando quando depois de enfiar tudo começou a puxar pra trás e socar tudo pra dentro novamente. O pior que deve ter sido umas trinta socadas que ele deu antes de ficar com tudo enfiado e gozando lá dentro. Naquele dia voltei com o rabo todo ardido que vim sentada no carro até meio de lado... Mas adorei ter sido uma amante completa pro meu pai. Fiquei muito tempo sem arrumar um namorado... Só queria ser a amante. Um ano mais tarde mudamos novamente para a cidade de Belo Horizonte, e, meu pai passou a ter só uma amante que era eu. Estou casada a dois anos e continuo sendo a amante do meu pai, pois meu marido só gosta de fazer o sexo tradicional.
Foto 1 do Conto erotico: Confusão no Motel.

Foto 2 do Conto erotico: Confusão no Motel.

Foto 3 do Conto erotico: Confusão no Motel.

Foto 4 do Conto erotico: Confusão no Motel.

Foto 5 do Conto erotico: Confusão no Motel.


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario

Comentou em 14/09/2015

Como você é gostosa! Também quero te comer.

foto perfil usuario oseuprazer2015

oseuprazer2015 Comentou em 05/09/2015

Delicia de Conto.

foto perfil usuario aventura.ctba

aventura.ctba Comentou em 20/05/2015

Amei seu conto minha amiga, me deixou com muito tesão enquanto lia, parabéns, teve meu voto com louvor. Quando puder dá uma passadinha na minha página irei adorar sua visita. Beijos. Ângela: Casal aventura.ctba

foto perfil usuario jovemkasalbnu

jovemkasalbnu Comentou em 16/05/2015

que delia de mulher...

foto perfil usuario

Comentou em 23/04/2015

Belo conto excitante e envolvente parabéns votei

foto perfil usuario gege

gege Comentou em 20/04/2015

Adorei seu conto putinha nota 1000

foto perfil usuario vnrio1

vnrio1 Comentou em 20/04/2015

Gozei vendo esse cuzinho, belo conto!

foto perfil usuario grisal

grisal Comentou em 19/04/2015

muito gostoso tanto você quanto sua historia............ muito excitante

foto perfil usuario apeduardo

apeduardo Comentou em 19/04/2015

delicia de conto, parabens

foto perfil usuario PapaFlh

PapaFlh Comentou em 18/04/2015

Ótimo conto !! Delícia. Votado.

foto perfil usuario fudedordecu

fudedordecu Comentou em 17/04/2015

que mulher deliciosa que vc e

foto perfil usuario salinas-vamp

salinas-vamp Comentou em 17/04/2015

Valeu por mais esse conto delicioso. Acabei de dar o meu voto.

foto perfil usuario baudoscontos

baudoscontos Comentou em 17/04/2015

Adorei o conto, muito bem escrito, e também as fotos.

foto perfil usuario andre.lino

andre.lino Comentou em 17/04/2015

Um história muito bem narradea. Ganhou meu voto.




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


14466 - Estudando pro vestibular, na casa dos meus avós. - Categoria: Incesto - Votos: 147
14575 - Meu cachorro Rex, papai e mamãe. - Categoria: Incesto - Votos: 103
15260 - Papai me viu pelada num vídeo caseiro. - Categoria: Incesto - Votos: 162
15821 - Meu namorado era gay. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 75
16285 - Entreguei meu cabaço pro meu irmãozinho. - Categoria: Incesto - Votos: 58
16691 - Passei a ter tesão pelo meu pai. - Categoria: Incesto - Votos: 72
16745 - Três homens da família transaram comigo. - Categoria: Incesto - Votos: 56
17055 - Sou a protegida e amante do meu irmão. - Categoria: Incesto - Votos: 48
17157 - Papai me comeu gostoso... - Categoria: Incesto - Votos: 57
17333 - NA PICA DURA DO PAPAI. - Categoria: Incesto - Votos: 44
17678 - Meu pai ficou de mal comigo. - Categoria: Incesto - Votos: 46
17850 - Meu pai descobriu que gosto de dar a bundinha. - Categoria: Incesto - Votos: 68
18031 - Eu e minha irmã na cama com papai. - Categoria: Incesto - Votos: 99
18664 - Mesmo depois de casada, ainda trepo com meu pai. - Categoria: Incesto - Votos: 53
18800 - Dando gostoso pro meu tio. - Categoria: Incesto - Votos: 39
19692 - Aprendendo a dirigir com meu tio. - Categoria: Incesto - Votos: 55
19942 - Substituindo minha mãe na cama. - Categoria: Incesto - Votos: 86
20000 - Sozinha na casa de praia com meu pai. - Categoria: Incesto - Votos: 50
20450 - Fazendo barba, cabelo e bigode com meu pai. - Categoria: Incesto - Votos: 49
21844 - Papai me pegou dando a bundinha. - Categoria: Incesto - Votos: 64
23351 - Dormindo com papai. - Categoria: Incesto - Votos: 54
23862 - Meu marido gosta que eu seja uma puta. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 102
25785 - Aprendi a ser uma boa amante, com meu pai. - Categoria: Incesto - Votos: 44
27978 - Eu e me padrasto. - Categoria: Incesto - Votos: 60
28548 - Um irmão muito especial. - Categoria: Incesto - Votos: 36
29424 - Meu pai me flagrou assistindo filme pornô. - Categoria: Incesto - Votos: 72
29851 - Acostumei trair meu marido. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 58
30121 - Papai me desejava como mulher. - Categoria: Incesto - Votos: 27
30490 - A filhinha que virou a putinha do paizinho. - Categoria: Incesto - Votos: 54
32601 - Sempre gostou de ser corno. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 67
33618 - Vovô é muito bonzinho. - Categoria: Incesto - Votos: 64
33857 - ABRINDO MEU CORAÇÃO PRO PAPAI. - Categoria: Incesto - Votos: 54
35145 - PAPAI VIU MINHAS FOTOS. - Categoria: Incesto - Votos: 73
36486 - Enfeitando a cabecinha do maridinho. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 60
37066 - Dois pais & duas filhas. - Categoria: Incesto - Votos: 78
37088 - Comecei com o vizinho, e fui virando uma puta. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 60
38238 - Eu e meu pai no hotel fazenda. - Categoria: Incesto - Votos: 56
39631 - Me beija pai! Me beija! - Categoria: Incesto - Votos: 49
40486 - O pedreiro na minha casa. - Categoria: Coroas - Votos: 75
42271 - Quando vi o pau do meu pai, acabei deixando... - Categoria: Incesto - Votos: 82
42979 - Me exibindo pro papai. - Categoria: Incesto - Votos: 51
45581 - Virando a mulher do próprio filho. - Categoria: Incesto - Votos: 147
46793 - Ciúmes do meu pai. - Categoria: Incesto - Votos: 38
47629 - Virei a putinha do meu padrasto. - Categoria: Incesto - Votos: 49
49613 - Dando gostoso pro padrasto. - Categoria: Incesto - Votos: 62
51122 - Chantageada pelo filho. - Categoria: Incesto - Votos: 71
51812 - Acabei ficando no lugar da minha mãe. - Categoria: Incesto - Votos: 67
55283 - VIAJANDO COM PAPAI. - Categoria: Incesto - Votos: 41
56528 - Sou a namorada secreta do meu irmão. - Categoria: Incesto - Votos: 24
57056 - Tio Ricardo me fez mulher. - Categoria: Incesto - Votos: 27
59073 - Na banheira com papai... - Categoria: Incesto - Votos: 44
59512 - O CORNO SE DÁ BEM COM OS MEUS AMANTES. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 57
62670 - Virei a outra do meu pai. - Categoria: Incesto - Votos: 41
63390 - Era meu pai no whatsapp. - Categoria: Incesto - Votos: 78
65299 - Papai passou a vara em mim. - Categoria: Incesto - Votos: 45
68823 - Brincando com papai. - Categoria: Incesto - Votos: 42
72267 - Meu padrasto descobriu... - Categoria: Incesto - Votos: 41
72603 - Transformei meu filho no meu amante. - Categoria: Incesto - Votos: 52
74567 - Vovô, minha mãe, minhas tias e eu. - Categoria: Incesto - Votos: 69
75092 - Fui quase uma drogada... Meu pai me salvou. - Categoria: Incesto - Votos: 51
77270 - Meu irmão foi o primeiro em tudo. - Categoria: Incesto - Votos: 39
78026 - Bundinha só pro papai. - Categoria: Incesto - Votos: 39
81388 - Virei a putinha do meu filho. - Categoria: Incesto - Votos: 73
82033 - Meu pai me fez mulher. - Categoria: Incesto - Votos: 31
85849 - Eu, meu pai e minha mãe. - Categoria: Incesto - Votos: 55
87074 - Minha mãe sabe de tudo... - Categoria: Incesto - Votos: 43
88271 - Papai me fez sua putinha. - Categoria: Incesto - Votos: 26
88539 - Virei mulher do padre. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 36
88675 - Eu e minha mãe, somos amantes do meu tio. - Categoria: Incesto - Votos: 46
88843 - Pai com 36 anos e filha com 18. - Categoria: Incesto - Votos: 51
88929 - Vovô tirou meu cabaçinho... - Categoria: Incesto - Votos: 40
89142 - Fiquei apaixonada pelo meu tio. - Categoria: Incesto - Votos: 25
89638 - Com meu irmão e com meu pai. - Categoria: Incesto - Votos: 29
89813 - Papai batendo na minha bundinha... - Categoria: Incesto - Votos: 29
90038 - Flagrando meu pai com minha irmã. - Categoria: Incesto - Votos: 72
90447 - Depois que meu filho viu seu pai me fodendo... - Categoria: Incesto - Votos: 66
90773 - Desejando papai... - Categoria: Incesto - Votos: 52
91112 - Papai, meu massagista... - Categoria: Incesto - Votos: 38
91724 - Primeiro vovô, depois papai. - Categoria: Incesto - Votos: 39
92022 - Minha mãe me fez trepar com meu pai... - Categoria: Incesto - Votos: 61
92131 - Meu pai, meu amante. - Categoria: Incesto - Votos: 24
92137 - Meu pai sentia ciumes de mim com meu noivo. - Categoria: Incesto - Votos: 31
92775 - Quando minha mãe viajou. - Categoria: Incesto - Votos: 25
93196 - Gostava só de homens maduros, e meu pai me comeu. - Categoria: Incesto - Votos: 32
93412 - É gostoso demais ser fodida pelo meu pai. - Categoria: Incesto - Votos: 26
95803 - Loucuras com papai. - Categoria: Incesto - Votos: 26
97504 - Papai dava conta de nós duas. - Categoria: Incesto - Votos: 40
98392 - Meu pai me espiava namorando no quintal. - Categoria: Incesto - Votos: 24
98712 - Uma mãe é capaz de tudo por um filho. - Categoria: Incesto - Votos: 31
99075 - Adoro trepar com meu pai. - Categoria: Incesto - Votos: 19
99691 - Vovô e papai... Tudo por dinheiro. - Categoria: Incesto - Votos: 32
100353 - Flagrada pelo meu pai me masturbando. - Categoria: Incesto - Votos: 40
100612 - Querendo mais intimidade com meu pai, ele me comeu gostoso. - Categoria: Incesto - Votos: 20
101431 - Meu sogro me seduziu, e acho que meu marido sabe. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 38
102542 - Faço qualquer coisa pelo meu filho. - Categoria: Incesto - Votos: 37
102791 - Por causa da minha amiga, acabei transando com meu pai. - Categoria: Incesto - Votos: 22
102880 - Em Porto Seguro - Bahia, com meu pai. - Categoria: Incesto - Votos: 24
103762 - Na praia de nudismo com meus pais. - Categoria: Incesto - Votos: 59
104160 - Logo que comecei a namorar, fui confessar meus pecados. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 32
104520 - HELENA - Trepando com o namorado da minha mãe. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 29
104770 - HELENA - Na cama com meu próprio pai. - Categoria: Incesto - Votos: 32
105394 - Meu namorado filmava nossas trepadas, e tive que mostrar pro meu pai. - Categoria: Incesto - Votos: 47
105956 - FIQUEI COM VONTADE DE DAR PRO MEU PAI... E DEI. - Categoria: Incesto - Votos: 41
106174 - EU, MEU IRMÃO E TIA LAURA. - Categoria: Incesto - Votos: 32
106674 - NO SÍTIO COM MEUS IRMÃOS... - Categoria: Incesto - Votos: 38
107804 - PUTINHA SAFADINHA DO PAPAI... - Categoria: Incesto - Votos: 51
109598 - PARTICIPANDO DE UM DELICIOSO INCESTO. - Categoria: Incesto - Votos: 38
110389 - SABENDO QUE MEU PAI ERA CORNO... ACABEI TREPANDO COM ELE. - Categoria: Incesto - Votos: 27
111480 - COM PAPAI, SOU UMA VERDADEIRA PUTINHA. - Categoria: Incesto - Votos: 32
113994 - MORANDO SOZINHA COM MEU PAI. - Categoria: Incesto - Votos: 64
114435 - COMECEI TRAINDO MEU MARIDO COM UM PAPAI NOEL. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 35
114818 - NO CARNAVAL, ACABEI TRANSANDO COM MEU PAI. - Categoria: Incesto - Votos: 31
115330 - MEU NOIVO ME FEZ VIRAR UMA PUTA. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 40
115533 - ADORO DAR A BUNDA PRO MEU FILHO. - Categoria: Incesto - Votos: 75
115894 - MEU PAI É UM EXCELENTE AVÔ PRO MEU FILHO. - Categoria: Incesto - Votos: 63
116016 - MEU SOBRINHO CHEIRAVA MINHAS CALCINHAS. - Categoria: Incesto - Votos: 43
116843 - MEU PAI ME COMEU NA FAZENDO DO MEU AVÔ. - Categoria: Incesto - Votos: 41
119389 - MEU PAI QUERIA TREPAR COM MINHA AMIGA E ACABOU ME LEVANDO PRA CAMA. - Categoria: Incesto - Votos: 50
120526 - DESCOBRI QUE MEU FILHO ESTAVA TREPANDO COM MINHA MÃE... - Categoria: Incesto - Votos: 65
124126 - OFERECI A BUNDINHA PRO MEU PAI. - Categoria: Incesto - Votos: 53
124979 - SEXO SELVAGEM COM MEU AVÔ. - Categoria: Incesto - Votos: 42
125905 - EU E MEU PAI... - Categoria: Incesto - Votos: 47
126632 - MEU PRIMEIRO HOMEM FOI MEU PAI. - Categoria: Incesto - Votos: 46
127472 - CONSOLO, VIBRADOR E UM FILHO BEM SAFADINHO. - Categoria: Incesto - Votos: 44
127864 - MEU FILHO ABUSOU DE MIM... - Categoria: Incesto - Votos: 44
128533 - ACABEI DEIXANDO MEU PAI ME VER NUA. - Categoria: Incesto - Votos: 45
130933 - HOJE, COM 19 ANOS CONTINUO SENDO A PUTINHA DO PAPAI. - Categoria: Incesto - Votos: 54
131808 - MEU PAI ME FLAGROU PRATICAMENTE PELADA... - Categoria: Incesto - Votos: 66

Ficha do conto

Foto Perfil angelrj6
asangelrj6

Nome do conto:
Confusão no Motel.

Codigo do conto:
63689

Categoria:
Incesto

Data da Publicação:
16/04/2015

Quant.de Votos:
39

Quant.de Fotos:
5


Online porn video at mobile phone


adorei dar a buceta pro meu filho contos com fotocontos eróticos comeu a minha esposa e a mim tambémconto herotico incesto papai me chupoubuceta da angelica do huckmulher encocha pelo vizinho no ônibus em conto eróticoco,m fotos conto erotico mae do meu melhor amigo do trabalho trai o pai dele comigo. ele descobriu ai nos saimos na torrada na casa dela qConto erotico meninasimagem frases liberdades por irmaolzinhoslevei minha mulher na casa de swing contoscontos de flagrasnoiada conto eroticocontos eroticos de meninas que sua tia mais sua mae ensinou a se prostituir bem novinhaopegou domestica dopada e estrupou o cu delacontos eroticos fotos coroas e novinhoporno goza ate dismaiarrabudas nao contocontos eroticos de incesto filha casada rabuda chora no cacete do pai de 27cms"comido pelo meu pai"porno gay de dragon ballsedutoras e marrentas parte dozeconto erotico dando carona para uma senhoraas vadias feiosas fudendochantagiei a negra contonovinha e velho na piscina conto eroticoContos erotico uma suruba regada a pepinocontos minha filha dando cuconto erotico capo de fuscasarrando a bundinha da minha filinhatias do bucetaoconto dei a bucetinha para o tioconto estourei o cuconto erotico sofri nas mais de dois dotadosincestocontogayfilhaputacontonovinhas e seus contosbranca dos cabelos pretos e longos melando o pau do amigo de bosta xvideosseu madruga comeu chiquinha enqunto ela dormia historias eroticasmorena boa semana com amizade com entregador ele come ele a forca pornoMeu avo me arebendou contostaxista e seus amigos conto gayCadeirante pauzudocontos erotico de gay de hetero com avôcontos eroticos amante bem.maiorcanto erotico pagando aposta com papaicontos eroticos de incesto ladroes pegando a novinha.mulebuctagordinha pelada comiporno gay transando grudadinhos na camanovinha fudeu no reforço com vizinho - contos[email protected]conto corno passivocontos erotico estrupo loira esculturalConto piazinho pauzudo insestoContos eroticos com coroasXXvídeos tirou a calcinha dela de lado e fodeu sua bucetinha apertadinhaimagnes de sacanages de sexocontos eroticos de filho viadinho e mãe puta comendo o cu do viadinho com Pinto de borrachacoroas bebadas sendo fudidas grosas e taduereroticos veridicoscontos com fotos contos eroticosContos eroticos com gays e travestis negros dotadosZoofilia franco e belinhaquadrinho porno simpsonsvi o pau do meu paiconto eroctico banda desenhada neto com avoContos gays de fio dental na obrawww.contos eroticos mae fude com filho novenho pauzodo dando cuhentais eroticos quadris com o sogroContos de gang bang com dotados novinhaa chamada cadela incestoLactofilia com tia pornleres casada nuas