fazendo a felicidade do corno outra vez.


Click to Download this video!


Num sábado à noite, eu e meu marido estávamos numa festa de um amigo dele, mas não conhecíamos ninguém. Eu me divertia muito mais, pois ele não gostava muito de festas. Tinha que dançar sozinha o tempo todo e isso me incomodava. Sentei-me à mesa emburrada porque queria que ele dançasse comigo, mas ele não queria mesmo. Disse até que se eu quisesse podia dançar com outro que ele deixava, mas eu não aceitei. Respondi que se não fosse com ele não seria com nenhum outro (mentira, rs), e ele insistindo no assunto, me mostrou um homem que segundo ele me paquerava desde o início da festa. Estranhei seu comentário, mas ao me virar para ver quem era o tal cara, vi um negro enorme, muito gostoso, que ele sorria com um ar malicioso, me despindo com o olhar. Meu marido fez um sinal para ele, chamando-o para que ele se aproximasse, e ele veio lentamente em nossa direção. Ao chegar perto, meu marido sorriu para ele e disse:

"Essa é a minha esposa, quero que você dance com ela para que vocês se conheçam melhor."

Eu não estava entendendo nada. Eles falavam como já se conhecessem. Aceitei dançar com ele pra ver no que ia dar aquilo e começamos a dançar com certa distância. Mas ele, muito safado, tentava cada vez mais colar seu corpo no meu. Eu tentava evitar, mas ele era mais forte e quando me dei conta, estávamos roçando nossos corpos de uma forma incrivelmente sensual. Meu corpo queimava! Aquele homem estava me excitando muito e eu sentia o pau duro dele esfregando em mim.
Eu usava um vestido turquesa com um profundo decote nas costas, e ele para me provocar mais ainda, passava as mãos lentamente nas minhas costas.

De repente, me ocorreu: "Meu Deus ! O que meu marido vai dizer se notar o que está acontecendo aqui ?!" Foi aí que olhei para ele e ao contrário do que eu imaginava, ele parecia estar gostando do que via. E isso me excitou mais ainda. As mãos daquele macho negro percorriam minhas costas, desciam até minha bunda, meus seios colavam no peito dele, o pau dele roçava em mim... Uma loucura !

Eu quase sem fôlego pedi para voltarmos para a mesa, e ao sentarmos meu marido perguntou se eu estava gostando. Com certa timidez no olhar, disse que sim.
Foi quando ele olhou bem nos olhos do negro e disse: "Eu quero que você coma minha esposa, na minha frente!"

Olhei assustada, mas não disse nada, eu não podia negar que essa situação me excitava muito. Fomos para o carro e meu marido ia dirigindo, enquanto eu e o negro íamos juntos no banco de trás. Não deu outra: ele ia me bolinando o caminho todo, e após tirar minha calcinha, colocava os dedos dentro da minha buceta meladinha e depois lambia. Eu estava enlouquecida com tudo aquilo. Abri a calça dele, meti a mão naquela rola deliciosa que estava explodindo de tão dura. Meu marido olhava tudo pelo retrovisor e eu sorria pra ele segurando firme no pau do negro.
Era só questão de achar um motel. Estávamos todos muito excitados. Logo encontramos um hotel bem simplezinho, e ao entrar no quarto meu marido tirou a roupa, sentou numa cadeira e disse:

"Agora enquanto você fode ela bem gostoso, eu fico batendo punheta."

O homem se aproximou de mim como um louco, me pegando no colo e me levando para a cama. Tirou toda a roupa e em seguida tirou a minha também. Ele me beijava, me cheirava, me lambia, me mordiscava o corpo todo. Meu corpo tremia todo sentindo aquela pela macia roçando na minha.

Meu marido ia dizendo tudo que queria ver: "Quero ver você chupando a rola dele !"

Segurei aquele pau duro e coloquei o máximo que podia dentro da minha boca. Sugava com força e sempre olhando para o meu marido com olhar de deboche, porque foi inevitável a comparação do tamanho do pau dos dois: meu marido tem um pau pequeno e o do negro era enorme...rs.

Eu chupava, lambia o saco dele, tentando saciar toda a minha vontade de ter realmente aquele macho todo meu. Meu marido batia a punheta dele e continuava ordenando: “ Agora mete esse pau na buceta peludinha dela." Mais do que depressa, ele me colocou de quatro na cama e meteu de uma vez aquela rola enorme dentro de mim.

“UUUUHHHHHHHHHHHHHH!”, eu gemia submissa...

Eu delirava com aquilo. Minha buceta nunca tinha recebido um pau tão grande e gostoso.

"Soca nela, mete mais, fode com mais força, come direitinho a minha esposa!", pedia meu corno.

Virada pra ele, eu fazia questão de sentir o negro me comendo e ficava olhando meu marido bater sua punheta, se excitando com aquilo enquanto eu sorria pra ele. Os movimentos ficavam cada vez mais rápidos, mais fortes e eu gritava:

"Isso tesão, mete essa rola dura em mim, goza comigo, derrama essa tua porra quente dentro da minha buceta!"

Delírio total! Gozamos juntos freneticamente num êxtase animal. Eu sentia o pau dele pulsando dentro de mim e meu marido adorando ver tudo aquilo queria mais:

"Agora come o cuzinho dela, arregaça tudo, quero ver ele bem larguinho!"

O cara então me pôs de pé contra a parede e mandou que eu abrisse meu cuzinho com as mãos. Depois de encaixar na portinha, meteu de uma vez só... Claro que foi inevitável que eu gritasse de dor, afinal eu nunca tinha dado meu cuzinho antes pro maridinho (ele não gostava!).

Ele me segurava pela cintura, me puxando com força, me rasgando toda, e meu marido continuava pedindo:

"Isso, tira as preguinhas do cuzinho dela, abre ele todinho que depois quero ver como ficou."

Ele me estocava aquela rola dura e grande com tudo. Eu sentia meu cuzinho arder, sentia queimar, mas gostava daquilo. Gostava tanto que sentia o gozo chegando...Uma coisa inexplicável. Nunca achei que um dia fosse gozar pelo cu, mas gozei e foi ótimo!

Meu marido, enquanto gozava na punheta, gritava: "Assim, vai amigão, goza também, enche o cuzinho dela de porra, goza que depois quero ver a porra saindo."

Eu sentia ele me inundando, jorrando dentro de mim, que sensação maravilhosa !!!

Antes que ele tirasse, meu marido se aproximou, colocou a mão por baixo, e pediu para que o macho tirasse o pau de dentro de mim, para que a porra caísse na mão dele. Assim que a rola saiu por completo, escorreu meio copo de porra grossa !

Os olhos do meu marido brilhavam com aquela visão. Ele aparou o líquido quente com as mãos e lambeu, colocando em seguida o dedo dentro do meu cuzinho para conferir como ficou. Ainda com a porra do amigo nas mãos, finalmente meu corninho gozou também.
Sorrindo, disse para o negro: "Você comeu direitinho, deixou esse cuzinho bem larguinho, meus parabéns, amigão."

Combinamos de fazer isso mais vezes e meu marido se nega até hoje a comer meu cu. Diz que é só de negro...E eu, é claro, aceito isso com o maior prazer...rsrs.

gostaria de deixar bem claro, que NÃO vamos aceitar amigos SEM FOTO, se vc não tempo nem pra postar uma fOtinha então vc nem terá tempo de dar uma lambidinha na minha xaninha, pro corninho tirar FOTO NOSSA.

Foto 1 do Conto erotico: fazendo a felicidade do corno outra vez.

Foto 2 do Conto erotico: fazendo a felicidade do corno outra vez.

Foto 3 do Conto erotico: fazendo a felicidade do corno outra vez.

Foto 4 do Conto erotico: fazendo a felicidade do corno outra vez.

Foto 5 do Conto erotico: fazendo a felicidade do corno outra vez.


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario boqueteholic

boqueteholic Comentou em 16/01/2015

Valeu casal gostoso, vou arrumar foto pra mostrar pra vcs...

foto perfil usuario negromaduro

negromaduro Comentou em 30/12/2014

HUMMMMMMM SAFADA GOSTOSA, DELICIA, VEM NI MIM

foto perfil usuario

Comentou em 02/12/2014

Delícia de conto excitante e bem escrito, uma deusa de luxúria em todo seu explendor,vendo suas fotos dei um banho de beleza e sensualidade em meus olhos,quero conhecer o casal e fazer amor com você delicinha. Beijos,

foto perfil usuario silva e silva

silva e silva Comentou em 29/10/2014

também sou corno e adorei, abraços ao casal

foto perfil usuario afroman zl sp

afroman zl sp Comentou em 28/10/2014

hummm quero ser o prximo




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


47770 - CORNO NA CAMA DO CASAL - Categoria: Traição/Corno - Votos: 39
50295 - o compadre quer comer ela de novo. comeu. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 16
50404 - OUTRO NEGÃO PEGANDO ELA - Categoria: Traição/Corno - Votos: 27
53155 - COMO TRANSFORMEI MINHA ESPOSA PURA EM UMA ESPOSA P - Categoria: Traição/Corno - Votos: 17
55243 - CORNO NO DIA DO ANIVERSARIO. - Categoria: Interrraciais - Votos: 23
58349 - corno mais feliz.... - Categoria: Traição/Corno - Votos: 14
69648 - perdeu corno - Categoria: Traição/Corno - Votos: 8

Ficha do conto

Foto Perfil vander/anita
soleluaourinhos

Nome do conto:
fazendo a felicidade do corno outra vez.

Codigo do conto:
55482

Categoria:
Traição/Corno

Data da Publicação:
27/10/2014

Quant.de Votos:
17

Quant.de Fotos:
5


Online porn video at mobile phone


contos eroticos quatro cu forçadacontos evangelicas sendo abusadas em coletivosaudio de incesto conto para ouvirsexi com moleques de Ruaconto eróticoContos eroticos mae gravida do proprio filhoDei minha buseta pro meu irmao conto pornocontos velho da rola grande arregacou a novinha minha esoosacontos de incestosconto erotico fraguei minha irma dando pro seu esposorelatos gay afeminado usando calcinha com fotoQuadradinho erotico conto 2006enchi a bucetinha da minha cadela de porra/contoscomfotosminha esposa me fez sua escrava e puta conto eroticocontos saunas velhos chubbys gaysbanda desenhada em pornotio tarado pega enteadanuarevistas em quadrinho porno a sexologa taradafamília ea sim hentai contos sexo dando cabacinho para padrinhoconto erotico gay chantagemContos eroticos com fotos de podolatria chupando pes de primas novinhas e acordadasAsemana do saco cheio 3 quadrinho eroticoconto erotico gay moto taxifrancinecross crossdresscontos eroticos gays bonitos afeminados namorando com beijosContos eróticos com fotos virei empregada do meu vizinho pauzudoo dia que meu padrasto me comeu junto com os amigos delemeu marido me enbebedou e me enrabou contoscontos papai comeu meu cu com vontadeconto erotico esgotando o peito da mae879056 vidio porno23cm de cachorradaFoto picudo fudenos as casadacontos putaria encoxadas na infancia gay em onibusporno novinha rica se oferece pra negao da pica gigante ela nao sabia mas gemiaconto erotico com foto dividindo a esposa com amigo dotado[email protected]eu e a evangelica casada da minha esposa conto eroticowww conto erotico gay de irmao com irmao com brcontos eroticos meu marido e minha amigafotos buceta velhas suja menstruação.hentai padrinhos magicospapai pelado contosgrampinhos nos mamiloscontos eróticos em quadrinhos lésbicocontos erótico comendo a japonecinha de onze anoscontos que beijo gregomeu irmao casou com uma negra eu chantagiei ela contosConto reas rasgaran ucuzinho virgem da minha mulher na minha frentecontos eroticos zoofilia:tesao por cavalosContos eroticos submissao e inversaocontos eróticos professor sendo enrabado e gostandofrancinecross crossdressvanessinha.net familia incestuosaContos eróticos quase flagradosconto erotico corno patraoconto eu arrombei a buceta da minha sograconto erotico irmaconto erotico conhecwndo meinha mylhermeu primo me estrupou emgravidei delecontos eroticos dei boa cinderela pra minha nene e comi elaContos eroticos duas irmas em apurosliga da justiça quadrinho porno gayconto erotico gay apaixonadoamadoras chorou quando pediu pro namorado enfiar so a cabecinha na boca dela mas ele enfiou a rola na garganta e ela engasgouhentai gay pt brconto erotico arrombei o velhomeu marido peladomaegravidafilhocontoporno gay bundudo doi dormi no colega popular pegador de menina e teve que da pra leleconto erotico ajudando minha mãe a malharcontos eroticos cunete gays pai e filhoconto erotico novinho passando protetor solaresposa da buceta lindaultimos contos sado professora submissa 35contos eroticos mulher que da pro marido e amigo aconteceu sem planejameu padrasto me iniciou na zoofiliaConto erótico de coroa com bigodinho na bucetacontos eroticos taxistas com passageiras novinhastraficante pirocudo contos e fotosconto erotico coroacontos de corno na baladacontos-gays me caguei todo no pauzao grosso do amigo da faculdade