o negão do presidio e minha mãe rabuda piriguet


Click to Download this video!


Olá, meu nome é david tenho 18 anos e vou contar como descobri que minha mãe fica dando pra um negao que ex-presidiario amigo do meu pai esse cara chamado dede que tambem e chamado TAMBEM DE dudu ele fica no quarto da parte de trás de nossa casa.
antes Vou esclareçer bem, pra vocês terem nenhuma duvida: esse cara e o conheçido do meu pai de quando meu pai ainda era criança ele e um daqueles caras que batem em voçê e voçê sempre fica com medo dele pro resto da vida que no casso esse fracote da historia foi meu pai ate hoje ele e ainda molenga,voltando : esse cara se tranformou em um bandido quando cresceu ele foi presso por muito tempo e quando ele se soltou quis ficar na nossa casa ja que niguem aceitava mais ele em lugar nenhum ja que ele sabia que meu pai era um molenga ele pensou vou pra casa daquele molenga acho que ele pensou na hora, ja que ele não tem escolha kkk mais ai e que minha familia entra numa fria,o nome dele e dedé um cara alto forte negro com a cara de mal mais até que ele tem um bom animo, e gosta muito de brincar com as pessoas
minha Mamãe se chama thais é ela e uma daquelas morenas com corpão que você olha e logo pensa que precisa de um taco de beisebol no meio das pernas pra satisfazer ela,ela tem 38 anos, ela é um mulherão,rabuda com um bocão carnudo que só usa roupa sexy(tenho fotos).
minha mãe sempre usava shortinho em casa como de costume,certo dia ela estava usando um shortinho de lycra com a metade da bunda de fora o shortinho marcava o bucetao dela e ficava todo enfiado naquela bunda perfeita dela e uma calcinha vermelha dudu quando viu eu ouvi ele susurrar baixinho que mulher gostosa minha mãe e ele ficava mais amigos a cada minuto que passava minha mãe achou ele muito legal, ele sempre brincava com ela ele sempre dava abraços nela e meu pai ficava só olhando dede tentando se aproveita dela sempre que podia,certo dia meu pai eu e o dede estava sentando no sofá assistindo jogo de futebol então minha mãe saiu da cozinha de shortinho curto com uma bandeja de suco,e se abaixou pra colocar no centro da sala o negão ficou de pau duro na mesma hora dai quando ela tava saindo da sala minha mae pergutou dudu quer comer alguma coisa?,dai ele falou em voz baixa (so o seu rabo)dai ele respondeu que não;so quem escultou isso que ele falou foi eu,no outro dia ele ja estava mais intimo com minha mãe com umas brincadeirinhas de ficar dando tapinhas um no outro dedé estava ficando cada vez mais louco com minha mae por conta das roupas provocantes dela,pois ela so se vestia roupas minusculas,uma vez dudu estava na sala a noite e disse que ia dormi ele se levantou e pediu um abraço a minha mãe ela deu então e ele deu um tapinha de leve no bundao dela ela deu um gritinho e riu chamou ele de safado cada vez ia piorando as coisas. dudu ficava com minha mãe e eu todos os dias ja que meu pai ia trabalhar,certa vez dudu nos chamou para ir ate um forro com ele nos fomos minha mae estava muito gostosa colocou uma sainha daquelas levinhas que qualquer brisa levanta e um salto alto quando apareceu na sala ela perguntou como estou e ele respondeu de cara gostosa demais ela riu e falou rindo com meu pai viu so amor o que o dedé tarado falou e começou a rir meu pai ficava calado, fomos no forró sentamos nos quatro em uma mesa e ficamos eu e meu pai sentado e minha mãe como não bebe ficou tomando suco até que o dedé chamou ela pra dançar ela perguntou se podia ao meu pai dai meu pai ia responder que não ate por que eu conheço meu pai mais como ele tinha medo do dedé que e o negão bem forte ele disse que sim eu já tava sentindo pena de meu pai então ficamos so olhando ele e minha mãe.dedé então pegou ela pela mão e começaram a dançar eu via eles dançando e o dede descaradamente se esfregando na minha mae ela dançava e ria depois quando voltaram pra mesa dedé com a rola dura igual pedra marcando na calça e minha mãe rindo do dede dizendo que ele dançava bem foi ai que o dedé falou thais você com essa sainha ai rodando todo mundo viu sua calcinha e minha mãe apenas riu.minha mãe parecia que provocava ele pois so vestia roupas minusculas na sua presença meu pai queria reclama mais não podia fazer nada, na hora de domri novamente ele disse que ia embora deitar dai ele deu um abraço na minha mãe e deu um tapinha no bundao dela ela deu um gritinho e ficou rindo ao longo dos dias ficou dificil controla eles dudu sempre andava com o calçao folgado pela casa mostrando o volume do pau, minha mãe de shortinho ele sempre apertava as coxas minha mãe sempre dava abraços nele minha mãe ja sentava no colo dele mesmo na presença de papai.Uma vez eu estava no quarto dele conversando, ele era muito engraçado e até fiquei impressionado porque ele me falou de varias histórias que passou na vida, quando estava saindo vi umas meias rosas no chão que eu sabia que eram da minha mãe, mas nem falei nada,não consegui pensa em nada na hora, foi tudo muito rapido.
Fiquei algumas horas pensando porque aquelas meias estavam lá, dai pensei melhor por que já tinha percebido que nessa semana minha mãe estava agindo diferente,até não falava nada quando eu chegava em casa tarde.
Passaram-se uns dias e cheguei em casa mais cedo da escola quando notei que não tinha ninguém em casa,notei um barulho vindo do quarto de dede de gente transando na cama ( sabia o que queria dizer ).
Fiquei só ouvindo por quê não tinha como espiar, no final lembro dela dizendo que tinha que fazer a janta pois logo meu pai e eu chegariamos.
Depois desse dia, fiquei meio chatiado meu pai era trabalhador e tava levando chifre de um valentão.
Enfim, alguns dias depois, acabei tendo a sorte de chegar mais cedo, antes que eles tivessem transando, sabia que eles faziam isso quase todo dia praticamente no mesmo horário, que era lá pelas 18h.
Eram 19h de uma sexta feira, meu pai teve que trabalhar ate mais tarde nesse dia, eu estava em casa louco pra ver a cena, inventei uma desculpa dizendo que ia jogar videogame no quarto e acabei me escondendo no armário do dedé que dava pra espiar tudo pela frestinha sem ser pego.
Não demorou muito pra mamãe chegar no quarto de Dedé que já estava de pau duro, juro que o cara devia ter uns 22 cm pra mais, realmente senti muita raiva na hora pelo fdp estar botando aquilo na minha mãe, mas eu também senti um tesão incrível em espiar pessoas tão próximas de mim transando assim.
Ele ficou em pé e mandou ela se ajoelhar pra mamar ele, ela ficou uns 10 min chupando ele e nada do negão gozar, mamãe tinha um bocao e é meio dentuça ( agora sei por quê kkkk ), não demorou muito e mandou ela cavalgar nele, foi ai que ele deitou na cama e ela foi sentando devagarzinho, nessa hora, eu tava batendo uma punheta e quase gozando tive até que parar um pouco de tanta tesao.
Mamãe ficou mais uns minutos rebolando, sentando e gemendo até que ela começou a se remexer mais que o normal, acho que ela estava tendo um orgasmo, foi ai que ele fez ela terminar o serviço com um boquete e mandou ela engolir tudo.
Ele ficou na beirada da cama sentado e ela novamente se ajoelhou pra chupar, ficou uns 3 min chupando, nesse meio tempo gozei muito e acabei deixando escapar um gemido de prazer, quase me caguei todo pensando que ia ser pego, mas por sorte eles tinham botado um som pra disfarçar...
Por fim, percebi que ele estava gemendo e despejou tudo na boca dela, que acabou engolindo tudo.
Ela rapidamente saiu do quarto e pediu que ele saísse também para disfarçar, mas por sorte só ela saiu e ele foi tomar um banho, foi nesse meio tempo que sai do guarda-roupa e fui para a sala rapidinho.
Mamãe ja estava com seu vestido e estava meio suada, perguntei o que ela tinha feito, e ela na hora falou que estava com calor mesmo.
Logo depois, papai chegou e minha mãe fingiu que nada tinha acontecido e eu não podia falar nada né.
Passada essa noite, tentei espiar mais vezes, porém era difícil, mas teve mais um dia que tive êxito, acabei ficando acordado até mais tarde, fui espiar o quarto dos meus pais e a porta estava meio aberta sem a mamãe na cama, provavelmente meu pai estava muito cansado.
Vi uma luz e barulho de TV ligada que era da sala, então notei umas respirações ofegantes, foi então que fiquei espiando eles fodendo no sofá.
Mamãe estava de saia como de costume sentando no colo de Dedé, ela estava com os pés na perna dela e fazendo aquele vai e vem rápido, foi o dia que mais deu tesão, por quê ao mesmo tempo que eles gemia de prazer, ela falava umas coisas muito sexys para ele, pedia pra ele arrebentar a buceta dela, ele chamava ela de cachorra ela dizia mete cachorrão ( nessa hora percebi que os 2 não estavam usando camisinha ) e coisas do tipo.
Eu meio que tava quase gozando e percebi que eles estavam animados de mais, fiquei de cara por quê eles estavam num ritmo frenético e ninguém gozava, isso já tinha passado uns 15 min, até que eles mudaram de posição, mamãe ficou de 4 e ele começou a botar aquele taco de 22 cm inteiro na bucetinha dela.
Não demorou muito para ela soltar uns gemidos meio altos, o que era meio arriscado, dai ele começou a abafar com a mão, nessa hora ele aumentou o ritmo das bombadas, e mamãe não aguentava mais de tanto prazer ( e eu também ), foi quando os 2 começaram a gozar quase que ao mesmo tempo.
Esperei passar uns 30 minutos, e vi que eles tavam de roupa novamente e estavam conversando no sofá,com minha mãe deitada com a cabeça no colo de dedé. dai cheguei e falei que não conseguia dormir.
Minha mamãe estava muito suada,perguntei por que a senhora esta assim novamente muito suada ela ficou meio sem jeito, então ela disse pra mim ir dormir eu disse que agora não dai o negão olhou pra mim e disse vá pra sua cama agora e me empurrou com o pe dai minha mae ficou sorrindo de mim e eu fui calado para meu quarto.
ela com Dedé ficou assistindo um pouco de tv e depois ela ainda pagou um boquete pra ele chupando o pau dele no sofá e depois que ele gozou novamente mais dessa vez em sua boca cada um seguiu para seu rumo.
Depois desse dia eu sabia praticamente todas as vezes que eles trepavam, mas fiquei impressionado com a ousadia de dedé, teve um dia que papai estava em casa cuidano do jardim e mamãe estava chupando Dedé no sofá, nesse dia achei que dedé queria ser pego no flagra.
No mesmo dia vi Dedé massageando os pés da mamãe no sofá,dessa vez na ausência do meu pai que sempre estava em outro mundo.
No fim de semana depois disso, papai estava doente no quarto principal,então fui espiar no quarto de dedé e mamãe estava cavalgando nele de novo, ficaram um tempão como sempre nisso e dedé gozou dentro dela, o que deixou ela meio brava e preocupada.
Logo depois ele disse pra ela calar a boca e deu um tapa na cara dela falou pra ela encontrar ele no sofá as 22h.
Quando esperei chegar 22h, os 2 estavam trepando mais uma vez, ela de quatro e ele bombando na buceta dela, foi ai que mais uma vez ele gozou na buceta dela.meu pai estava ficando mais doente dedé então colocou uma norma em nossa casa que aparti daquele diz mamãe tinha que dormi com ele pra ela tambem não ficar doente.ja que nossa casa tinha so 3 quartos meu pai tinha que ficar no 1 quarto o segundo e o meu ja que e cama de solteiro.do lado do meu o de dedé que acabou dormindo la ele e minha mãe dedé estava mais xato comigo a cada dia que passava e meu pai mais doente e minha mãe e dedé sempre quase nu pela casa e transava todas as noites eu sempre ouvia os gemidos do meu quarto.no outro dia de TARDE dedé CHEGA em meu quarto e me manda ir com ele compras umas roupas pra minhas mãe com ele (acho que ele resrou todar ate por que outro dia encontrei shorts e vestidos e calcinhas da minha mãe rasgada no lixo.quando chegamos em uma loja o vendedor pergunta diga senhor dedé responde preciso de peças de roupas sexy pra uma cavalona então o vendedor rir e dedé rir tambem o vendedor vem com UNS MICRO SHORTINHOS DAQUELES QUE A MULHER MELANCIA USA PERGUNTEI por que voçê esta fazendo isso. ELE rir e FALa QUE APARTIR DE HOJE ERA PRA MINHA Mãe USAR aqueles shrtinhos EM CASA ENTREI EM DESESPERO MAIS ELE NOVAMENTE ME DEU UM TAPA NA cabeça E ME MANDOU OBEDECER TUDO QUE ELE MANDASSE,ALGUNS MINUTOS DEPOIS chegamos em casa e minha perguntao que voçês compraram dai eu dou EMBRULHO A ELA ELA OLHA E ME DIZ QUE SÃO LINDOS FUI PRA SALA E FIQUEI CONVERSANDO COM ELE QUANDO minha mãe ENTRA NA SALA COM O SHORTINHO EU PUDE VER QUE MINHA mãe ERA MAIS GOSTOSA DO QUE EU IMAGINAVA ELA ESTAVA UMA VERDADEIRA POTRANCA O SHORTINHO FICAVA ENFIADINHO NA BUNDONA DELA QUE FICAVA METADE APARECENDO dedé QUANDO A VIU QUASE INFARTOU ELA COM UM BUCETÃO VOLUMOSO NO SHORTINHO PARECIA UM CAPU DE FUSCA dedé DISSE QUE ELA TINHA UM CORPO LINDO E QUE eu era um filho de uma rabuda muito linda FIQUEI CHEIO DE raiva ELA FOI PREPARAR O ALMOÇO E SAIU TODA REBOLANDO dedé ME CHAMOU PARA FICAR NO QUINTAL EU FUI COM ELE E ELE DISSE QUE GOSTOU DE VER A MINHA mãe assim e que agora em diante ele ia mandar na minha mãe e em nossa casa e quem comandava tudo era ele agora e que era melhor eu obedece ele e se eu visse a minha mãe fazendo alguma coisa ou falando que eu ficasse calado, dai ele me empurrou e entrou na casa novamente TENTEI ARGUMENTAR MAIS ELE ESTAVA foi embora de noite ela estava com um SHORTINHO SÓ QUE ESSE ERA DE ALGODÃO E BEM FININHO FICAMOS dedé E EU NO QUINTAL NOS MOLHANDO COM A MANGUEIRA POIS O CALOR ESTAVA INSUPORTAVEL E O AR ESTAVA QUEBRADO MINHA mãe APARECEU NO QUINTAL RECLAMANDO DO CALOR E COM O SHORTINHO DAVA PRA VER A BUCETONA DELA DIVIDIDA NO SHORTINHO dedé ENTAÕ COMEÇOU A JOGAR AGUA NELA ELA TENTOU CORRER MAIS NÃO TEVE JEITO ELE MOLHOU ELA TODINHA E SEU SHORTINHO FICOU COLADO NO CORPO TRANSPARENTE DAVA PRA VER NITIDAMENTE OS PELOS DA BUCETA BEM APARADOS DELA ATRAVES DO SHORTINHO ja tava ficando normal ver minha mãe com ele agarrados com brincadeiras NA MESMA NOITE EU FIQUEI ESCULTANDO ELES TRANSANDO NO QAURTO E ELE CHAMANDO MINHA MÃE DE CABRITONA no DIA SEGUINTE ESTAVAMOS EU dudú NA COZINHA TOMANDO CAFÉ QUANDO minha mãe saiu do quarto de dudú COM UMA BLUSA COMPRIDA (dele)E FOI PEGAR ALGO NO ARMARIO NA PARTE DE CIMA QAQUANDO BLUSA LEVANTOU E ELA FICOU COM A BUNDA TODA DE FORA COM UMA CALCINHA ENFIADA NAQUELA BUNDONA GOSTOSA DEDÉ ME OLHOU E APENAS SE LEVANTOU E DEU UM TAPINHA NA BUNDA DELA ELA RIU E DISSE JA CEDO SEU TARADO ELE ENTÃO RESPONDEU E A HORA QUE EU QUISER SUA CABRITONA,MINHA MÃE OLHOU PRA MIM E DISSE VAI QUERER COMER O QUE ENTÃO EU RESPONDI PÃO COM QUEIJO.ENTÃO ELA DISSE DEDÉ VAI QUERER COMER O QUE ENTÃO ELE DISSE PRIMIRO VAMOS LA NO MEU QUARTO COMIGO PRA MIM TE AMOSTRA UM NEGOÇIO ENTÃO MINHA MÃE DESCONFIADA FOI NA FRENTE BALANDO AQUELE RABÃO E DUDU FOI ATRAIS ELE FECHOU A PORTA EU ENTÃO RAPIDAMENTE ME LEVANTEI E FIQUEI COM MEU OUVIDO NA PORTA TENTANDO ESCULTA ALGUMA COISA EU SO ESCULTEI ELE DIZENDO ASSIM´´ E ISSO AQUI QUE EU QUERO COMER. ESSA HISTORIA CONTINUA....

Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario zeze

zeze Comentou em 13/10/2016

Belo conto amigo, muito excitante, continue, escreva mais sobre sua mãe.

foto perfil usuario camps

camps Comentou em 09/10/2014

Delícia de conto! Adorei e votei!

foto perfil usuario souto

souto Comentou em 31/08/2014

nao tem mais contos da sua mae?ja bati muitas pra ela

foto perfil usuario gatoperverso1

gatoperverso1 Comentou em 22/08/2014

Nossa q delicia qro neter na sua mae ela deve ser Um tesao de mulher q delicia ual deu muito tesao O conto bkbtDe louca de fude essa nae gostosa e rBuda fyde o cu dela a bycta gostosa E giza muito nessa bica carn huta ela e um tesao ate bati uma pensando nela nossa Q delicia parabens pelo conto sorte desse dede q fodia ela Sempre q qria ne pois q mae cachorra e safada e essa hummm Qro neter tbm

foto perfil usuario eu21

eu21 Comentou em 19/08/2014

Cara que tesão de conto. Li batendo punheta pra tua mãe, deixa ela fuder a vontade, com um corpão lindo e tesudo tem que levar muita rola grande.

foto perfil usuario safadoarcanjo

safadoarcanjo Comentou em 19/08/2014

Parabens Continuaaa e manda fotos ......

foto perfil usuario LINGUADOXUPADO

LINGUADOXUPADO Comentou em 19/08/2014

cara e o teu pai aceitou tudo isto virou corno mansso mesmo cade as fotos desta sua me putona

foto perfil usuario denisafado

denisafado Comentou em 19/08/2014

Tua historia me deu muito tesao e vendoo as fotos sei pq este cara quer comer tua mae tidis diaa a toda hora .

foto perfil usuario denisafado

denisafado Comentou em 19/08/2014

Tua historia me deu muito tesao e vendoo as fotos sei pq este cara quer comer tua mae tidis diaa a toda hora .

foto perfil usuario rodrigoalemao

rodrigoalemao Comentou em 18/08/2014

me apresenta esse dede... elevai te comer no proximo né??? bah conto bem grande

foto perfil usuario jeguinho

jeguinho Comentou em 18/08/2014

hummm muito bom que delicia.

foto perfil usuario adorolokuraspro

adorolokuraspro Comentou em 18/08/2014

mt bm amigo

foto perfil usuario cripton

cripton Comentou em 18/08/2014

Kd as fotos q vc diz ter da sua mamãe gostosa?? Me passa o numero dela para eu add ela nowhatsapp.

foto perfil usuario ordinario

ordinario Comentou em 18/08/2014

Cara to no maior tesão pela sua mãe, põe as fotos dela, voce tem skype o meu e jroberto6400 e vmaos nos falar abs.

foto perfil usuario

Comentou em 18/08/2014

Delicia de conto David, votei e tambem vi as fotos do rabão gostoso da sua mãe que merece muita rola no cú e na buceta, agora se voce não tomar cuidado o negão vai te arrombar tambem, vc vai acabar levando rola em seu fiofó, e ainda vai ter que mamar na geba de 22 cm, toma cuidado hein...

foto perfil usuario henriqueadvsp

henriqueadvsp Comentou em 18/08/2014

Você é tão calhorda, escroto como a sua mãe




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


52048 - o negão do presidio e minha mãe rabuda piriguet 2 - Categoria: Traição/Corno - Votos: 17
52074 - o negão do presidio e minha mãe rabuda piriguet 3 - Categoria: Traição/Corno - Votos: 26
82270 - minha mãe e os dois negros fortões em nossa casa 4 - Categoria: Coroas - Votos: 5

Ficha do conto

Foto Perfil david
mamerabudaeeusofrendoolando

Nome do conto:
o negão do presidio e minha mãe rabuda piriguet

Codigo do conto:
52012

Categoria:
Traição/Corno

Data da Publicação:
18/08/2014

Quant.de Votos:
27

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


Contos eroticos adolecente espiando trvavesticontos eroticos o mecanico.da minha esposaFOTOS CANTOS DE SEXO DE ENCANADOR PIROCUDO COM MADAMESquadrinhos eróticos de gays o amigo negro do meu filho parte 1conto erotico ele me,comeufoto de pornô negra caçando arreganhada de saiaencoxando a nora 2017estrupando a eteadaconto eroticos de infânciacasa dos contos eróticos novinha com filhos pequenos louca por NegrãoPorno mae gravida e sogrodei para 3negos contosEroticotoconto tia e prima casadacontos eroticos gozada e fala no telefoneConto de incestos de filha e pai pasto e maecontos porno: titioe eu gayContos eroticos com coroasenfermeiro abusou gay contoconto erótico calcinha obraconto erotico gay barrigudocontos eróticos de gay fui dormir na casa do meu amigo de colégiocontos eróticos a menininha quis mim da o cubuceta arrobadinhasfricanas porno mulhe aguenta 30centimetro de rolaBuceta gozada conto virgemcorno plug submisso contoconto erotico pai roludocontos provocandoConto erotico travestiQuadrinhos porno engravidando mae 2mozto.ru inversaoConto porno putinha do velho desde de novinhaultimos contos sadocontos eroticos transei com meu sogroContoeroticoevangelicaconto erotico trai meu marido com um moreno dotadocontoseroticosdpvaginalContos meu cu mordei o pal enormewww.conto camionero meteno .com.brmundo erótico o peludo me pegou e fudeu meu rabogatas de chotinho fudenocontos eróticos de gay comi o meu colega de trabalhome usa contospego a enteada estudando de sorti curto e frocho pornosexo contos eroticos minha esposa me traiuRabudas bunda grandeContos eroticos mamae gulosa mamando no pauzao do seus cinco filhos bem dotados em uma orgia em cadadupla penetração meu filho e o meu maridoroludo descabacandonovinhaloirinha de sainha curta e assediada e estuprada no onibuscontos eroticos gay putinhacontos eroticos de sexo com pai da amigasexo em quadradinho de pokemoncontos eroticos esposa e o andarilhoConto erotico de cavalocontoeroticocarnavalcontos eroticos pensa nim pau gostosofotos de buceta negra molhadazoofiliacantoquadrinhos eroticosConto porno desdi pequena pai e mae me comefudendo o cuzinho das mais gostosas novinhassexo no mato hentai canssando frutasexoconto insesto devirgemContos eroticos com fotos cheirando calcinhas de meninas na academiaconto meu marido mereceu ser xingadohentai gay porno meu filho atrevidoconto real meu vizinho me estuproumae icestuosa conto fotoAi ai meu cu conto incestoConto d esposa safadinha fico d pau duro