O cozinheiro cuzinheiro.

Click to this video!


Quando isso aconteceu, eu já tinha 31 anos e era casada fazia 7 anos.
E como faz só três anos posso dizer que continuo bem parecida com que era na época, quase 1m70 e 50, quase 60 kg, tenho um corpo bem bonito, os seios entre pequenos e médios, firmes, a cintura é fina e até por isso a bunda se destaca, acho meu rosto bem comum, nem bonito, nem feio, cabelos castanhos, nariz pequeno e levemente chato e olhos castanhos claros, como uso sempre maquiagem pareço mais bonita do que sou.
Trabalho em uma loja de móveis de médio padrão em um bairro elegante daqui de São Paulo, às vezes havia um assédio aqui e ali, mas eu sempre descartava sutilmente.
Mas houve uma vez em que fui abordada por um senhor que queria um móvel para montar um home theater e mesmo eu estando com a aliança bem visível na mão esquerda e com minhas roupas bastante discretas o homem não tirava os olhos do meu corpo, eu já estava pronta pra dar uma daquelas sutis escapadas, mesmo que a figura do homem me agradasse.
Era um senhor maduro, moreno quase negro, com mais de 50 anos (aparentes 40 anos), altura média (1m73), em forma física razoável e de ter um rosto bem agradável e um fascinante e hipnotizante, sotaque nordestino (é soteropolitano), além do mais era de um bom humor assombroso, em minutos que conversamos o homem soltou tantas brincadeiras que eu me surpreendia sinceramente e ria à vontade. A venda nem foi tão difícil, tínhamos o móvel do tamanho e jeito que ele queria, era um tanto caro, mas não houve problema por isso, era só terminar a compra.
Tudo saiu como o planejado, o homem recebeu seu móvel e ficou tudo certo.
Só que dias depois de tudo já feito, fui surpreendida com a visita do homem à loja que me disse:
- Gostei muito do móvel, você é uma mulher de muito bom gosto e para agradecer te ofereço um almoço.
- Desculpa Sr. Artur, mas não posso, sigo uma dieta rigorosa, tenho problemas de colesterol alto. – Falei...
Ele, não se dando por vencido:
- Eu também sigo uma dieta rigorosa, aliás, eu moro com uma irmã que tem que seguir uma dieta rígida também. Façamos o seguinte, eu te preparo um jantar bem leve, não recuse por favor, eu ficaria decepcionado. Ah! E para de me chamar de senhor.
- Então tá, quando será? – Respondi, já mais tranquila pela presença da irmã.
- Sexta está bom? – Perguntou Artur.
- Tá ótimo pra mim sim – E estava bom mesmo, era o dia da semana que invariavelmente eu chegava mais tarde em casa, ia tomar cervejas com amigos do serviço.
- Que bom! Você prefere peixe ou frango? – Indagou.
- Por mim tanto faz, gosto tanto de um quanto do outro, mas não sou uma boa conhecedora de peixes, não saio do trivial. Sardinha, atum... – Eu disse.
- Então farei um peixe! – E foi-se Artur com ar de felicidade.
Bem, foi isso, acho que o fato da irmã dele estar junto era uma garantia de nenhum flerte, embora eu ficasse cada vez mais atraída por ele, principalmente o sotaque, aquele jeito de falar todo verbo no imperativo me deixava maravilhada.
E finalmente chegou a sexta-feira, ele ainda ligou durante o dia pra confirmar, me passou o endereço (eu já sabia, afinal fiz a venda pra ele), era próximo de onde eu trabalhava, sete horas eu fui.
Chegando lá fiquei agradavelmente surpresa, a decoração da casa era uma beleza que só, móveis muito bem colocados, sóbrios, o rack para o home theater ficou bonito mesmo, tinha um TV grandona, estava à boa distância dos sofás e coisas assim.
Conhecendo os aposentos da casa pude ver sua irmã, que estava numa cadeira de rodas, era tetraplégica.
Aí ele começou a contar coisas sobre sua vida.
- Minha irmã sofreu um acidente de carro há seis anos, nesse mesmo acidente minha esposa acabou morrendo e ela ficou nesse estado.
- Você foi casado durante quanto tempo? – Perguntei.
- Durante 25 anos – Respondeu Artur.
- Teve filhos? – Indaguei.
- Tenho um filho de 23 anos que está casado e vive em Diadema. – Falou.
E Artur quis saber sobre mim, disse bastante sobre mim, sobre meu casamento, trabalho e coisas assim.
Bem... Fomos ao jantar, era um arroz branco, salada de melancia e anchova grelhada.
Estava uma delícia:
- Nossa Artur, está uma delícia! Você cozinha muito bem.
- Sou um bom cozinheiro, modéstia a parte e vou te provar – Respondeu Artur e deu uma risadinha que eu não entendi muito bem.
Aí ele me disse que queria confessar uma coisa, prestei atenção:
- Bem... Eu já te olhava há muito tempo, nas caminhadas que dou aqui pelo bairro eu já tinha te notado na loja algumas vezes, fiquei absolutamente atraído por você desde a primeira vez que a vi, aí quando eu precisei do rack não titubeei e lá fui te ver mais de perto e pude comprovar que de perto você era melhor ainda.
Surpresa e envaidecida, não esbocei reação alguma quando ele chegou pra perto de mim e me beijou a boca e a coisa foi tão vertiginosa e rápida que quando menos percebi estava sentada no colo do Artur com a saia levantada e ele passando a mão em tudo que era eu: coxas, pernas, peito, bunda, buceta...
Parecia que eu não raciocinava, só correspondia às carícias, aos beijos, estava meio maluca.
De repente estávamos no seu quarto, nesse momento ele arrancava cada peça da minha roupa, dava uma paradinha pra admirar, até me deixar completamente pelada.
O homem tava babando e foi me penetrando direto, eu gostei da situação, numa estive em circunstância parecida. Artur parecia exasperado, meteu bastante no papai e mamãe, depois de frango assado metia cada vez mais rápido, até parou e gozou lá no mundo da minha bucetinha.
E finalmente paramos, deitados lado a lado e começamos a conversar:
- Desculpe! Minha sede por você era tanta que eu perdi o controle. – ele disse.
- Foi ótimo, eu fique até assustada, não esperava nada assim – respondi
- Estou absolutamente feliz, mas daqui a pouco a gente faz mais com leveza, como faria um autentico conterrâneo meu, aliás, ainda tenho que te mostrar que sou bom cozinheiro - E lá veio a risadinha maliciosa de novo.
Fiquei meio assustada, afinal tinha que voltar para casa, já havia um tempo que eu estava com ele e um pouco mais eu passaria da hora de chegar em casa, falei:
- Acho que tenho que voltar pra casa logo, tá passando do meu horário.
Artur argumentou:
- Depois a gente vê o que faz, agora vem cá...
E pegou-me pela mão e levou até o seu banheiro, o quarto era uma suíte e o banheiro era bem amplo, tinha uma banheira daquelas antigas em que cabia perfeitamente duas pessoas. Artur preparou tudo e me chamou pela banheira e lá fui eu, ainda nua dividir a banheira com aquele homem.
Tomamos nosso banho, brincamos muito, lambições, mãos bobas aqui e ali, línguas...
E lá fomos pra cama de novo, aí recomeçamos, Artur começou me beijando, lambendo e chupando meus seios e foi descendo devagar, deteve-se um tantinho no umbigo e senti até cócegas, quando chegou na bucetinha, abriu-a e começou a dar linguadas no clitóris, eu delirava, nunca havia sido chupada daquele jeito, ele chegou a me lamber a entradinha do ânus, voltou ao clitóris enquanto passava o dedo de levinho no meu cuzinho e fez bastante tempo, nem sei quantas vezes devo ter gozado.
Era meu momento de retribuir, passeei com a língua no seu peito, ele retesou-se todo e quando cheguei a seu cacete eu engoli, salivei-o bastante, depois desci ao saco e colocava uma bola de cada vez na boca, depois as duas, num certo momento ele me pediu pra parar e atracou-se comigo, estava tão molhada que entrou tudo bem fácil, só que dessa vez ele fazia devagarinho, agarrava minha bunda e me puxava contra si, depois me deixou de quatro e atracou de novo, aí ele foi devagarinho, entrava e saía, curtia a penetração e passava o dedo de leve na entrada do meu cu.
De repente parou e pediu pra que eu ficasse de bunda pra cima, arqueou um pouco meu corpo e começou a lamber a entrada do ânus, me assustei um pouco com aquilo, quando ele enfiou o dedo temi e avisei:
- Eu nunca fiz nada por aí...
Ele deu uma risadinha cínica e disse:
- Mas agora que eu vou te provar que sou bom cuzinheiro, que sou bom de cuzinho!
Ri nervosa e ele continuou seu passeio com a língua e dedos, quando sentiu que eu estava pronta, ele ajeitou a cabeça do pau na entrada do cu e empurrou, entrou um pedaço do caralho, estava muito desconfortável pra mim, ele só me pediu pra que eu relaxasse que ele faria devagar e foi empurrando, quando fez o primeiro vai e vem, tirou todo o pau e reclamou que doía e que ia tentar depois e ainda disse:
- Mas você é virgem no rabinho de verdade?
Respondi:
- Claro que sou, eu não disse?
Ele:
- Nossa! A mulherada mente muito a respeito disso, pensei que era balela e fui metendo direto, vou tentar de novo, mas mais devagar ainda.
E acomodou o pau na entradinha e foi empurrando mais devagar, deu pra sentir uma leve dor quando entrou a cabecinha, procurei ficar concentrada e calma ao mesmo tempo, aí o caralho foi entrando, entrando, entrando, até que entrou tudo.
Artur só me disse no ouvido que tava tudo dentro, que ele iria fazer os movimentos mais lentos o possível e aceleraria aos poucos e assim foi feito, sei que em certo tempo ele acelerava rapidinho, depois me pôs de quatro e enfiou de novo, os movimentos eram mais rápidos, depois me pôs de joelhos no e o reto do corpo na cama, minha bunda ficou a disposição dele, aí ele começou a ir bastante rápido, doía um pouquinho, mas dava pra aguentar, de repente parou e começou a gozar feito um desesperado e esperou o pau amolecer dentro do meu rabinho.
Só sei que acabei ligando para o meu marido e dei uma desculpa que não estava legal e que dormiria na casa de uma amiga e ficamos fodendo durante a noite inteira, teve momentos que ele ficou socando no meu rabinho mais de uma hora, metemos até que só saísse um caldo fininho do seu pau.
Esse foi só o início, meu marido acabou descobrindo tudo, chorou, resmungou, mas não quis se separar, hoje eu vivo uma vida mais de mulher do Artur que do meu marido e vivo feliz.

Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.





Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


5886 - Banquete de lagostas - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
11157 - A ex do bi e seus pezinhos, suas coxinhas, perninh - Categoria: Fetiches - Votos: 4
11158 - O tiozinho me pegou de jeito - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11159 - Bunda e boca pro cunhado. - Categoria: Heterosexual - Votos: 6
11160 - Cu de mulher de bêbado não tem dono. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
11161 - Um Banquete Requintado - Categoria: Fetiches - Votos: 5
11163 - Solidão nunca mais. - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11164 - Zonzinha - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11166 - A Calipígia' - Categoria: Fetiches - Votos: 3
11170 - Crentinha Virgem - Categoria: Virgens - Votos: 6
11178 - Reencontrando o titio que ja tinha me enrabado. - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11185 - A coisa e o último cabaço. - Categoria: Fetiches - Votos: 5
11192 - Preto na branca por Jasmina - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11206 - Um caso de amor em Miami - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11217 - A Salvação. - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11220 - Pro meu corninho por Elaine - Categoria: Heterosexual - Votos: 7
11222 - Desempregado - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11240 - O pai do namorado por Morena - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11253 - Os Pintores por Elaine - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 8
11257 - Minha primeira trepada - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
11262 - Promovida por Izabelle - Categoria: Traição/Corno - Votos: 7
11273 - Dá pra mim? - Categoria: Fetiches - Votos: 6
11289 - Profundo - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11291 - Tiro pela Culatra. Escrito por Sílvia - Categoria: Traição/Corno - Votos: 9
11303 - Tia Nina. Minha primeira vez. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
11304 - Enrabada e Feliz - Categoria: Traição/Corno - Votos: 10
11307 - Por trás é melhor - Categoria: Fetiches - Votos: 6
11308 - Na Bunda da Priminha Inocente - Categoria: Fetiches - Votos: 10
11309 - Namoro Anal Atrás do Sofá - Categoria: Fetiches - Votos: 6
11319 - Um ex-namorado por Elaine - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11322 - Lembranças... - Categoria: Fetiches - Votos: 4
11324 - Traindo meu noivo - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
11348 - Fantasma por Mel - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11351 - Chamou Até Pela Santa - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
11360 - Uma vizinha reprimida - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
11370 - Alvo Errado - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
11379 - Momento de Loucura - Paula - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11385 - Por trás, dói? - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11387 - Jovem Casada - Categoria: Traição/Corno - Votos: 8
11395 - Um Cunhado Maduro - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
11402 - Rosca sem fim por Teresa Silva - Categoria: Heterosexual - Votos: 6
11404 - Enrabada pelo cunhado - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
11406 - Dê e seu respeitável bumbunzinho. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
11409 - Dominador de fêmea - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11421 - Negócios por Lana - Porto Alegre RS - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11423 - Desvirginado pela vizinha - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11431 - "Judeiei" - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11439 - Madura seduzindo e sendo seduzida por um garoto - Categoria: Fetiches - Votos: 5
11446 - A bunda de Carla - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
11448 - Dani mulher do meu melhor amigo - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11460 - O Rabinho da Crente. - Categoria: Heterosexual - Votos: 6
11461 - Meu tio começou pelo rabinho... por Sara - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11465 - Tara por aquilo preto - escrito por Solange - Categoria: Interrraciais - Votos: 5
11473 - A Pintadinha - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11489 - Seduzindo um coroa por SexyGirl - Categoria: Coroas - Votos: 4
11491 - A primeira namorada - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
11504 - Prazer e remorso por Ângela - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
11518 - Titia tesuda por Helena - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11523 - Motel Sobre Rodas por Praiana - Categoria: Fetiches - Votos: 3
11540 - Samira - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
11548 - Priminho Selvagem - Dandara - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11553 - Não dou... Não dou... - Categoria: Virgens - Votos: 8
11568 - Paixão "bundal" - Categoria: Heterosexual - Votos: 6
11578 - Minha irmã não deu, eu dei... por Rebecca - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11581 - Corneando o namorado doentinho com um homem mais v - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11582 - Viciei no anal - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11593 - Amizade Antiga - Categoria: Fetiches - Votos: 4
11594 - Preferência Nacional - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11600 - A Noivinha - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11603 - Vida de Casada. Escrito por Joana - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
11607 - A colegial que levou pau - Categoria: Fetiches - Votos: 5
11614 - Curso de Férias por Tatiana - Categoria: Virgens - Votos: 5
11618 - Dando o troco e lucrando... Por Apaixonada - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
11624 - Adorável Ruth - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
11632 - A Negra - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11635 - O Ponto C - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11650 - Bom te ver.. "São as águas de março..." - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11661 - A mulher do juiz - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11679 - Férias do Namorado - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
11682 - Um anal inesquecível por Dayane - Categoria: Traição/Corno - Votos: 9
11702 - Só fez o que quis por Mazinho - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
11704 - Livre para voar por Mulher Ardente. - Categoria: Heterosexual - Votos: 6
11729 - Só na frenta não por Mary Lindinha - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11735 - João Jumento - Categoria: Fetiches - Votos: 5
11760 - Só atrás - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11764 - A magrelinha segurou o tranco - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
11771 - Caricatura por Gerson - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
11778 - Casamento em crise por Elaine - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
11783 - A massagem erótica por Paula - Categoria: Virgens - Votos: 4
11794 - Arrombamento e tanto por Márcia - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
11808 - Rosquinha, leite e chocolate por Fabi - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11811 - Os olhos vagos de Maria Rita - Categoria: Fetiches - Votos: 4
11820 - Dívidas de uma vizinha safada - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
11826 - O Dominador - Categoria: Sadomasoquismo - Votos: 4
11850 - O salvador da pátria por Márcia - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11881 - A aposta de Cidinha - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 5
11893 - A Menina do Banheiro do Colégio - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11926 - Comida na fazenda por Mariana Frejat - Categoria: Sadomasoquismo - Votos: 4
11943 - Familiar - Categoria: Fetiches - Votos: 4
11956 - Fazendo o que ele quer por Veridiana - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11981 - Iniciando a prima - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
12012 - Tapas. beijos e muito mais... - Categoria: Fetiches - Votos: 4
12015 - Arrebitada - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
12027 - Tesão no rabinho de Alice. - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
12032 - Santa por fora, diaba por dentro por Rosana - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
12037 - O valor da experiência - Categoria: Coroas - Votos: 4
12060 - Um traseirinho gostoso - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
12079 - Papai e mamãe... E cunhada! - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
12080 - O pai do namorado - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
12092 - Titio por Clarice - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
12103 - Telma e seu maravilhoso rabo. - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
12107 - Escravos do prazer por João - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
12118 - Começou no ônibus por Quel Pastor - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
12135 - Traí meu marido sem querer querendo... por Rita - Categoria: Traição/Corno - Votos: 7
12139 - Fetichismo em alto estilo - Categoria: Fetiches - Votos: 4
12146 - O lobo rural por Leninha - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
12162 - Minhas Férias na Praia por Mariana - Categoria: Fetiches - Votos: 5
12168 - Primeira enrabada por Carol - Categoria: Coroas - Votos: 4
12172 - Mulher do meu amigo - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
12174 - Intimado a virar Ricardão - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
12175 - O velho que satisfaz por Darlene - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
12181 - Anal com Christina por Rogério - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
12190 - O negão me rasgou por Flor - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
12193 - Enrabada pelo inspetor - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
12196 - Garoto mamado - Gil - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
12210 - A Empregada Crente - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
12212 - Gostosa por Maria M. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
12262 - Lúcia, minha amante. - Categoria: Sadomasoquismo - Votos: 3
12268 - Aventuras de uma balzaquiana - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
12288 - Macho negro por Verinha Loura - Categoria: Interrraciais - Votos: 1
12291 - A garotada do prédio por Joyce - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
12293 - Viagem de sexo e prazer por Inês - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
12304 - Reencontro - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
12333 - Chifre a domicílio por Ruiva - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
12382 - Literaturas - Categoria: Virgens - Votos: 3
12487 - Um rasgo de audácia - Categoria: Fetiches - Votos: 1
12490 - Uma vizinha. Uma bundinha... - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
12498 - Seu eu deixo? Deixo sim... por Bundinha Gostosa - Categoria: Virgens - Votos: 3
12513 - Questão de tempo... Cuspinho! - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
12541 - Bundas - O começo do vício - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
12551 - Amante Gostosão por Aninha de São Paulo - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
12605 - Brindadeira de casamento por D., Pirassununga - SP - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
12612 - Mudança radical por Norma - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
12651 - Férias Maravilhosas por Irene - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 4
12659 - Verão Proibido - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
12680 - Enquanto dormia o maridão - Categoria: Traição/Corno - Votos: 7
12846 - Meu sogrão por Gilda - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
13010 - Grupo de estudos sexuais por Louraça - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 4
13326 - Noivinha sacana do meu amigo - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
13358 - Sexo anal é muito bom por Rosa - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
13359 - Cur virgem no puteiro - Categoria: Heterosexual - Votos: 6
13368 - Ao mestre o rabinho - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 4
13400 - Faculdades anais por Melissa - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
13564 - A Lolita da Van - Categoria: Virgens - Votos: 5
13574 - Tesão na dança de salão por Cláudia - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
13971 - Sob o domínio do anal. Quebrando promessa! - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
13996 - Transa no clube por Morena Gostosa - Categoria: Heterosexual - Votos: 1
13997 - Dei a bundinha e adorei, mas o cara... por Julie - Categoria: Heterosexual - Votos: 1
13998 - Finalmente... por Marcela - Categoria: Virgens - Votos: 2
14121 - A baixinha - Categoria: Traição/Corno - Votos: 0
14172 - Se minha cozinha falasse - Categoria: Heterosexual - Votos: 0
15842 - Sustos - Categoria: Heterosexual - Votos: 1
16580 - Putinha - Categoria: Heterosexual - Votos: 0
16778 - O primeiro de uma série. - Categoria: Heterosexual - Votos: 1
23558 - Adoro garotos por Maria - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
38736 - A mandona. - Categoria: Fetiches - Votos: 0
43530 - A bundinha mais bonita da minha vida. Por Biel - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
49669 - O "rabinho" - Categoria: Interrraciais - Votos: 3

Ficha do conto

Foto Perfil rela210223
ni.

Nome do conto:
O cozinheiro cuzinheiro.

Codigo do conto:
38735

Categoria:
Heterosexual

Data da Publicação:
25/11/2013

Quant.de Votos:
1

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


Conto erotico cavalo pequenoconto porno madrinhacontos viu tudo e entrou na putariapics japinha com pimenta na bucetafotonovelaxxx lesbicasConto erotico sogra e sogroContos eroticos dp com o namorado e um negao roludoporno de desenho erodico em quadrinhos de irmãzinha implorando que eu dese o meu pausaoContos eroticos dei a buceta a um.roludoContos lésbica esfregando lutinhaputinha bundinhacontos de uma ninfomaníacarelatos eroticos sogro enxutominha esposa e o meu primo pauzudo contos eróticos e fotosconto erotico de loira gostosa transando de biquini com dois homenscontos de casadas pedindo ao marido pra realizar suas fantasiasMinha esposa fudendo com dois marido brexando historiasConto erotico bucetinhaconto cunhada sheila adora dar a bunda quando marido sai para trabalharultimos contos sadoconto erotico incesto com o avôContos heróicos brasileiro 2horas em HDcontos eroticos escritos lesbicos me dar melzinho.contos esfregandoContos eroticos gay funkeiroporno filhinha padrasto Com peNsamentoS torridosconto gay Ribeira Do Pombalconto erotico humilhando corno de pau pequenominha esposa deu para o amigo viadoxvideocontoeroticoburrocontos eroticos velha gorda negrapequei milha maes fudedo com um negao lopradomeus.dois subrinhos fuderam minha esposa na minha frente conto eoticodei pro meu enteadoconto erotico tirando o atraso da tia e da maecoroatravesti dptadomeu filho atrevido e selvagem historia em quadrinho porno gay 4contos eroticos estupraram minha esposacontos eróticos adoida minha sogra pediu pra mim tira fotos delaconto erotico maconheiro boquetecontos eroticos de incesto com filhinho viadinho com a mamãefilhas gostosas contoscontos eroticos flagrei meu filho fudendo minha amiga travestiporno gay hq diario de um prostitutoporno trasade 10 minutotio tarado pega enteadanuacotos.eroticos.de.novias.com.negaofAmiliA favela porno contAs prA pAgar parte 2quadrinhos inseto hentai violentei imazinhaconto erotico cu marido bissexcumplices de um resgate gay porno o melhor dia no vilarejocontos meu filho me viu peladagaucha tezuda fotos taradasContos de cedezinhas seno encochadasfudendo a sogra contos eróticosconto de sexo sou menino adoro ver minha vizinha gostosabucetas gostozas gozando gostozo na cabesona rombudaquadrinhos eroticos bunduda divorciadacontos pornoconto erotico 18 anosdotado do bate papo contoex espozsa ruiva com os negros contotia pelada gostosaconto erotico de peguei no pau de um homem sem meu marido percebercontos eroticos lesbicas exibicionistasContos com fotos novinha peituda de baby dollcontos eróticos gay comendo o cu do garoto oferecidoconto erotico de padrinhoconto corno viciado em porraContos eroticos de travecos avantajados.contos mia mulhezinha arumou u amate muito bemdotado ela gemi muito na rolona dele contosdei minha bunda para meu irmão gozarcontos eroticos vizinha crentexvideos molequinhas metendo fortalesa cearaconto erotico evangelica peituda