Aprontando no mato


Click to Download this video!


Confesso que dentre as taras que tenho, uma delas é andar sozinho no mato, ou com alguém. Tenho 27 anos, sou bi, 1,76, branco, rola cabeçuda com alguns pentelhos.

Na adolescência tinha um terreno baldio perto de casa, com algumas árvores ainda. Adorava ir pra lá escondido, tirar a camiseta, botar o pau pra fora, e ficar tocando várias punhetas até gozar no tronco das árvores. Me sentia um animal excitado, louco pra enterrar a pica em qualquer buraco quente e úmido. O barulho das folhas roçando com o tênis ou chinelo que eu usava me deixava ainda mais excitado. Nos dias mais empolgados, chegava a ficar completamente nu, sentindo aquele vento gostoso batendo no meu cú, no meu peito ofegante e nas minhas bolas. Saia de lá com o braço duro, a cabeça do pau avermelhada, e deixava a porra escorrendo nos troncos (tinha época que de tão viciado, tocava outra depois imaginando a reação de alguém que encontrasse esses troncos melados). Cheguei também a tocar com alguns amigos e amigas ali, mas era tudo quando era moleque. Eu cresci, e o terreno acabou virando casa.

Foi então que há alguns meses comecei a reparar perto do lugar onde trabalhava que existia uma fabrica abandonada, onde atrás da construção tinha uma pequena mata. Passava ali sozinho, e nostálgico, me lembrava das putarias que fazia no mato.

Mas, tem dia que o nosso pau invoca com uma vontade, enche o saco e faz você perder a noção do perigo. E num dia que estava sozinho e já fora do expediente, decidi entrar lá e dar uma olhada como era. Era finalzinho de tarde, dali a meia hora certamente já começaria a escurecer. Construção fechada com muros, cerca derrubada, chão cheio de folhas e árvores amontoadas que formavam um canto legal pra aprontar. Aquele cheiro de verde, o silêncio, tudo aquilo me convidava para por a minha rola pra fora e me masturbar como aquele animal selvagem que meu me sentia quando adolescente, apenas pra matar a saudade.

Nessa, tomei um puta susto. Vi um vulto e folhas se mexendo. Fechei o punho e de barraca armada, dei uma volta para ver quem era. Pensei se não era algum usuário de drogas ou um cão abandonado. Caminhei devagar para não fazer muito barulho. Foi então que tomei outro puta susto. Me agarraram por trás e tamparam a minha boca pra não gritar. Quando me virei, outra surpresa. Era um carinha que trabalhava comigo, pardo, 30 anos, que eu vou chamar de Rodrigo.

- Como você me descobriu aqui?

- Relaxa, cara. – eu respondi, olhado pro corpo dele – Eu não vou contar nada, mas você...

Eu tinha um contato apenas profissional com ele, mal sabia da sua vida sexual. Mas sempre achei ele bonito. Olhei pra aquele peito nu ofegante, já suado, a pica pulada pra fora da cueca, duraça como a minha.

- To tocando uma, cara. – respondeu ele. – To na seca, preciso tirar um pouco de porra do pau. Tá de boa? Me acompanha ae.

Abri um sorriso. Sentei no chão junto com ele, arreganhei as pernas e passei a acompanha-lo na punheta. Deitamos na grama seminus, e batemos um papo. O cara era bi também, tinha fetiche por policiais. Logo virei pro lado, elogiei a sua pica e peguei nela. Toquei pra ele. O putinho já não contia mais os gemidos. Quis sentir o gosto. Soquei na minha boca. Rola suada, já babando, apertei a cabeça com o céu da boca. Empolgado, retribuiu acariciando a minha rola depois. Minutos depois já rolávamos no mato, beijando ardentemente. Mordi sua orelha, a bunda macia, prensei seu corpo no tronco de uma árvore e explorei seu peitoral com a língua, enquanto esfregava brutamente o meu pau na sua virilha. Não demorou muito pra que ele se virasse e me desse o rabo suado. O barulho dos meus tênis forçando as folhas competia com o barulho da força das minhas bolas batendo na bunda dele. O cheiro de verde deixava aquilo ainda mais selvagem. Gozei na entrada do cú. Safado, ficou alguns minutos de quatro deixando que eu visse a porra pingar no mato. Em seguida, violento, me agarrou por trás e também me encaixou. Normalmente não costumo dar tanto o cu, mas empolgado como estávamos, deixei que ele explorasse o meu buraco com a sua língua molhada e quente, vindo em seguida com a sua tora. Tomei vara até sentir o meu pau prensado no tronco com a força que ele fazia. Na hora de gozar me botou de joelhos e mandou jatos na minha cara. Delicia!

E exaustos, caímos sentados no chão de novo. E como já estava quase de noite, ficamos olhando as estrelas, batendo a papo, e ainda alisando nossos paus cheios de porra. Fora a mistura do cheiro de mato com o cheiro de esperma. Ficavamos até por vários minutos cheirando nossas mãos meladas como se fosse uma droga. Gozei perto do umbigo e limpei com a boca. Ele, na hora de gozar, se virou e subiu em cima de mim, fazendo questão de esporrar bem no meu peito. Depois senti aquela língua firme lamber cada centímetro do meu peito ofegante. Demais!

Prometemos guardar segredo sobre aquilo, e sempre que os horários batiam, a gente corria para aquele matagal e mandava ver na foda. Em alguns dias até cheguei a ir sozinho pra tocar, mas não era a mesma coisa. Com Rodrigo era muito melhor. Chegamos até a deixar nossas porras marcadas em alguns troncos de lá.

Até mais!

Foto 1 do Conto erotico: Aprontando no mato

Foto 2 do Conto erotico: Aprontando no mato

Foto 3 do Conto erotico: Aprontando no mato

Foto 4 do Conto erotico: Aprontando no mato

Foto 5 do Conto erotico: Aprontando no mato


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario kzdopass48es

kzdopass48es Comentou em 26/04/2016

Que delícia de relato é que fotos deliciosas! BETTO

foto perfil usuario kakaminhashistorias

kakaminhashistorias Comentou em 01/10/2015

VOTADO TESÃO DE CONTO

foto perfil usuario sweet boy

sweet boy Comentou em 09/05/2013

A cada dia que se passa me surpreendo mais com os fetiches do pessoal aqui. Achei seu fetiche naturalista bem excitante, hahaha Bom conto e lindas fotos ^^

foto perfil usuario carlosandre89

carlosandre89 Comentou em 09/05/2013

Que relato gostoso... Simples e cheio de tesão GOZEI MUITO COM VOCÊS




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


19128 - Da seca para o beco - Categoria: Gays - Votos: 20
19129 - O aluno que queria surpreender - Categoria: Gays - Votos: 9
19231 - Pagando por punheta - Categoria: Gays - Votos: 10
19396 - Cala a boca, porra! - Categoria: Gays - Votos: 14
19687 - Picas pra fora, no meio da rua - Categoria: Gays - Votos: 13
19847 - Revólver com porra - Categoria: Gays - Votos: 10
20325 - Calor de macho - Categoria: Gays - Votos: 9
20986 - Chupa, novinho! - Categoria: Gays - Votos: 11
21346 - Zíper aberto dentro do ônibus - Categoria: Gays - Votos: 32
21821 - Olhadas do professor - Categoria: Gays - Votos: 21
21865 - Brigando de pau duro - Categoria: Gays - Votos: 10
22495 - Metendo o pinto onde não é chamado - Categoria: Gays - Votos: 18
22624 - Metendo o pinto onde não é chamado – A vingança - Categoria: Gays - Votos: 19
23330 - Uma surpresa na cama - Categoria: Gays - Votos: 7
23541 - Encaixando sem pedir - Categoria: Gays - Votos: 12
23882 - E toooma porra! - Categoria: Gays - Votos: 33
24088 - Couro e porra: motociclistas tarados - Categoria: Gays - Votos: 13
24422 - Dando um jeito no moleque punheteiro - Categoria: Gays - Votos: 19
25100 - Experiências com o cú do novinho - Categoria: Gays - Votos: 9
25587 - Salvando o amigo - Categoria: Gays - Votos: 6
25840 - Rapidinha no muro - Categoria: Gays - Votos: 17
26328 - Boqueteiro particular - Categoria: Gays - Votos: 21
26881 - Dando o cú como esmola - Categoria: Gays - Votos: 19
27116 - Sinfonia de punhetas - Categoria: Gays - Votos: 9
27469 - Uma tarde com o amigo - Categoria: Gays - Votos: 16
28057 - Pica solta na bermuda - Categoria: Gays - Votos: 24
28418 - Porra no sapato do chefe - Categoria: Gays - Votos: 6
29857 - A leitada - Categoria: Gays - Votos: 13
30419 - Metendo no técnico de informática - Categoria: Gays - Votos: 22
31043 - O pedreiro queria gozar... - Categoria: Gays - Votos: 27
31633 - Barraca armada no ônibus - Categoria: Gays - Votos: 19
32576 - Bandido de pau duro - Categoria: Gays - Votos: 27
32715 - O moleque safado e suas luvas de couro - Categoria: Gays - Votos: 9
33582 - Esqueceu a porta aberta... - Categoria: Gays - Votos: 25
34282 - E toooma MAIS porra! - Categoria: Gays - Votos: 22
35177 - Catei uma siririca, meti o serviço completo - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
35807 - Ele dá no couro - Categoria: Gays - Votos: 15
36065 - O caralho fotogênico do amigo - Categoria: Gays - Votos: 16
37133 - Chuva de porra - Categoria: Gays - Votos: 11
40008 - O pau gostoso do gerente - Categoria: Gays - Votos: 15
41228 - Caralhos à vontade - Categoria: Gays - Votos: 7
42554 - O punheteiro da madrugada - Categoria: Gays - Votos: 3
44768 - Descobrindo o punheteiro da madrugada - Categoria: Gays - Votos: 3
46614 - O maludo que não reparava em mim - Categoria: Gays - Votos: 16
47068 - Vizinho pervertido - Categoria: Gays - Votos: 8
47822 - Comendo o amigo da facul - Categoria: Gays - Votos: 8
48294 - O caralho do negão - Categoria: Gays - Votos: 11
49033 - O caralho do negão - parte 2 (final) - Categoria: Gays - Votos: 15
49836 - Minha primeira vez num cinema pornô - Categoria: Gays - Votos: 14
51214 - Punhetando um desconhecido na rua - Categoria: Gays - Votos: 6
53365 - Gozando por aí - Categoria: Gays - Votos: 4
56651 - Traçando o punheteiro do terreno baldio - Categoria: Gays - Votos: 7
59353 - Roubando as pregas do malandro - Categoria: Gays - Votos: 12
60087 - Flagrando o estagiário na punheta - Categoria: Gays - Votos: 23
62246 - Mão amiga no banheiro - Categoria: Gays - Votos: 10
66753 - Brincadeira de moleque safado - Categoria: Gays - Votos: 14
71682 - Esquema no mato - Categoria: Gays - Votos: 12
76296 - Pagando pau para o motociclista - Categoria: Gays - Votos: 8
79693 - Mão amiga no banheiro (2) - Categoria: Gays - Votos: 6
82983 - Me come! Isso é uma ordem! - Categoria: Gays - Votos: 4
86208 - Revistado de pau duro - Categoria: Gays - Votos: 9
88827 - Deixando a viagem mais interessante... - Categoria: Gays - Votos: 5
92473 - Maratona de boquete - Categoria: Gays - Votos: 6
93363 - Minha primeira vez numa festa fetichista - Categoria: Gays - Votos: 2
96295 - Batendo uma pro cara na balada - Categoria: Gays - Votos: 9
98638 - O mamador da festa - Categoria: Gays - Votos: 5
101018 - O mamador da festa – Parte II (FINAL) - Categoria: Gays - Votos: 4
104863 - Bate pra mim! - Categoria: Gays - Votos: 10
111833 - Skatista de programa - Categoria: Gays - Votos: 10
115124 - Catou na bronha matinal - Categoria: Gays - Votos: 9

Ficha do conto

Foto Perfil o libertino
olibertino

Nome do conto:
Aprontando no mato

Codigo do conto:
29000

Categoria:
Gays

Data da Publicação:
08/05/2013

Quant.de Votos:
12

Quant.de Fotos:
5


Online porn video at mobile phone


Porno orgias incestuosas iniciando com masturbacao coletiva contoscontos eroticos minha mulher doente comi minha sogra na areavídeo de sexo cazeiro com novinha tranzando co padrasto. e ele fala pra rla fica quieta para mae não ouvirperdi as preguinhas do cu quando era pequenaa princesa do poder pornocontos fiquei bebada e meu frouxopagode porno grelo gosadoconto erotico carnaval calcinhaconto erotico eu e minha irmã com meu filhogay peludo pauzudo 27cmComto erotico pinheta amigosMinha esposa fudendo com dois marido brexando historiasa cunhada pastora evangélica contoscontos filhanao aguenta a geba d pai no cumulhe fudeno com travesrisContos eroticos de padres e de pastores com seus (as) fieisviciada em porra contosexo zoofilia com mulheres do Uruguaividiu meninas qui viumara iscomdido sexocontos porno de coroa com meniminhasquadrinhos eróticos novela erotica futuro sogroquadrinho MEUS 2 MACHOS sobrinho coemdo titiacomi minha mãe e a engravideicontos eróticos padrasto e vizinhosconto para excitar uma mulhergozou na minha garganta contoContos erotico velhas dando pra novinhoprima gostosa contos eroticoConto erotico de menininhasA bucetona da minha cunhada contoscontosquadrinhopornotravestis com maridos em praia de nudismocontos arrombando a filhacotoseróticosde mulherese travestiscom fotosarregaçando conto heterocontos eróticos gay meus amigos mi levaro para matocontos eroticos de sogras 2017primeira vez contoseroticos gayincestquadrinhogostosas capixabas contos eroticos fotoscontos eroticos virei meninacontos eroticos pensa nim pau gostosoContos eroticos coroa rabuda casadamarido quer ser corno contobuceta azedafilhaputacontogrelao 3cm entrava contoscontoerotico gay estupradoContos eroticos dei a buceta para o vizinhoconto erotico meu filhoultimos contos sadoconto erotico kawaiiConto erotico comendo a sobrinha novinha de minha esposagueinho da bundinha lizinha dando gostozowww.alyamirantinane.comquadrinho porno gay tedycomendo o cu do namor contosadovideo de sexo peito grandes e buceta inchada incestoEu e minha esposa e meu sobrinho e minha sobrinha em casa eu disse pra minha esposa fuder com meu sobrinho que eu ia fuder minha sobrinha conto eroticocontos gay novinho bebadocorno bêbado contos eróticoscontos erótico comendo a japonecinha de onze anosvovo rabudasquadrinhos eroticos mae gravidahistorias eroticas arebentei com a novinha chorou na varaconto minha mae rabuda e os.....contos-gays me caguei todo no pauzao grosso do amigo da faculdadecontos eroticos meu padrasto me comeu com seu pauzaotres negoes piroculdos na piscina video porno gayo pai ordem Elisa buceta da filhacontoeroticoburroporno contos eroticos mamai no meu afilhadocontos eroticos gay putinhaconto arebentei cu traveste novinhameu filho me fudeu gostoso com fotosContos eróticos carnaval com marido dei muitocontos negao comeu meu cuxxx minha irmã deitada de sainha curta provocandocontos a menina crente puta por acasocontos erótico fingi que dormia e comi minha filhapeituda de conchinha (contos).contos cdzinha fodida analconto erótico gay negros bananaConto ertico espanking pai educando gaycontos meu pai mandava eu xupa seus amigostransei com um amigo do meu marido e ele contou para outro amigo que também me comeu contos eróticosconto porno meu marido e eu minha filha e o mendigoprima damo chota pro primocontos erotico a cu invocante 6 parte IIcontos erótico paizão enrabou filinho gaycontos erótico glauciacontos eróticos dando o cu no coletivoConto eroutico espora come maridocontoerotico sobrinha cabacinhaContos eroticos com coroas