Meu Padrasto minha melhor amiga e Eu


Click to Download this video!


Meu Padrasto minha melhor amiga e eu,

Olá, como disse no conto anterior me chamo Rachel, tenho 22 anos, tenho uma amiga da faculdade que vou chamar de Nanda, ela tem 1,65mts; seios médios e durinhos; cintura fina; uma barriguinha totalmente sarada de dar inveja; cabelos lisos e pretos (fios médios) lindos; olhos vedes e penetrantes; coxas grossas lisinhas; pele bronzeado pelo sol, com as marquinhas brancas do biquíni fio dental, que visão de seu bumbum; a boceta bem delineada e lisinha, o botão do cuzinho rosinha e bem fechadinho e uma amiga para todas as horas.
Contei a ela como seduzi meu padrasto e que não estava mais conseguindo leva-lo para a cama em função de ele estar com remorsos e dor na consciência por ter traído sua mulher e ainda com a filha dela, a Nanda me diz que estava ensopada somente de ouvir minha narrativa e que talvez tivesse um plano para que eu pudesse novamente sentir aquela torra de 25 cm por 8 cm de diâmetro dentro de mim me levando a loucura, desde de que ela também pudesse experimentar a ferramenta, disse a ela conte logo e vamos pôr em pratica, me narrou como faríamos e acertamos tudo para seduzir meu padrasto novamente.
Isto ocorreu em setembro de 2012, minha mãe viajaria a serviço no domingo pela manhã, antes de sair de casa chega Nanda sob o pretexto de que após o almoço faríamos um trabalho para a faculdade, e que também me ajudaria no preparo da refeição dominical e arrumação da casa, minha se despediu de todos nós e meu padrasto foi leva-la ao aeroporto, enquanto isso preparamos a almoço e uma batida de coco (que meu padrasto adora) e claro nos preparamos para seduzi-lo, colocamos mini saias sem calcinhas e um pequeno bustiê somente para cobrir a parte inferior e os biquinhos de nossos seios.
Passada uma hora e meia (mais parecia uma eternidade) meu padrasto chega, ao nos ver na cozinha nos elogiou dizendo que estávamos muito bonitas e foi para sala ver televisão programa de esportes, o almoço estava quase pronto quando levamos para a sala um queijinho e as e copos com a batida de coco, nos sentamos e começamos a conversar e petiscar, quando Nanda abra as pernas e o que se vê é uma linda bocetinha lisinha e rosada, percebo que meu padrasto fica encabulado com a visão tenta disfarçar mas é traído pela visão estonteante que tem de onde está, me levanto e me sento ao lado de Nanda e também abro minhas pernas, ele olha, vira o rosto, fica vermelho e volta a olhar e diz: Vocês estão me seduzindo e me levando a loucura, pois bem se vocês querem vocês vão ter, vocês duas serão a sobremesa do almoço deste domingo.
Mas, antes mesmo de continuar a petiscar, ele se levanta e se ajoelha diante de Nanda, que continua com as pernas abertas, levanta o restinho de mini saia dela e começa a beijar a bocetinha dela e a tirar seu top, segurando o seu seio firmemente com uma das mãos, com a outra alisa minhas coxas e vai subindo até chegar a minha xoxotinha a qual abre os grandes lábios com dois dedos e em seguida deixa a xana de Nanda para afundar a língua em minha buceta desejosa e pulsante de tesão, ficamos assim por um uns 15 minutos, ele chupando ora uma ora outra.
Levanta-se, pega a nos duas pelas mãos, nos conduz para seu quarto, Nanda já com os peitos expostos, chegamos lá ele se senta na cama, pões a nos duas na sua frete, arranca meu top e começa a mamar ora em mim ora na Nanda e com seus dedos explorando a xaninha de ambas, alisa nossa bundas e diz que vai comer ambos os cuzinhos, que iriamos nos arrepender de tê-lo seduzido, nos deita e começa a dar uma banho de língua dos pés e subindo alterando ora em uma ora em outra, quando chega a nossas xaninhas faz com que ambas gozemos em sua boca maravilhosa pelo menos duas vezes cada, minha amiga ainda não havia visto a ferramenta dele, tinha ideia em função da descrição que dei a ela e pelo volume sob a bermuda que ainda estava nele.
Ele se levanta tira a camiseta, a bermuda e a cueca, deixando a mostra um caralhão de 25 cm x 8cm; que arranca de Nanda um Uau!!!, acho que não aguento isso tudo diz ela, ele retruca vai ter aguentar, ajoelhou vai ter que rezar, é por você que vamos começar e enfia o pauzão na boca de Nanda e me ajeita de forma a poder chupar minha bocetinha, Nanda se esforça para abocanhar aquela tora com dificuldade até de respirar, mas vai chupando coloca o máximo que pode em sua boca, ele diz isso minha bezerrinha mana no caralho do pai, isso me dá um tesão enorme e me faz gozar, peço a ele que me penetre com seu mastro pois estou sedenta dele, ele responde que pela provocação vai me castigar e vai comer primeiro Nanda e a chama,
Manda Nanda ficar de 4 e me pede par ficar embaixo de dela e manda eu chupar a boceta dela, lubrifica o cuzinho de Nanda, ela tenta se esquivar dizendo que não vai aguentar dar o cuzinho para aquele mastro monstruoso, ele responde que vai sim, lubrifica om mais óleo de amêndoas, lubrifica seu pinto, eu começo a chupar a boceta de Nanda e ela começa a gemer, ele encosta a cabeça no botão rosado, pressiona, ela tenta escapar ele a segura firme pela cintura, empurra, a cabeça passa para dentro, para um segundo, chupo a sua boceta com mais vontade ela se mexe e ele enterra tudo de uma vez arrancando um grito forte e agudo de Nanda, ele para e a segura firme, passados alguns minutos começa o vai e vem, chupo o saco dele e a boceta de Nanda, ela começa a gemer forte e alto de prazer e ele metendo cada vez mais rápido, chega a quase tirar e torna a atolar a pica no cu dela, ela chora, goza feito louca ele tira do cu dela e enche minha cara de porra.
Tomamos banho e vamos almoçar, todos os três nus, acabamos em poucos minutos, voltamos para o quarto, ele manda que façamos um 69 de forma que Nanda fique exposta para ele, põe seu pauzão na minha boca, fica duro feito pedra, enquanto isso Nanda chupa meu grelhinho, tira seu pau de minha boca se posiciona atrás de Nanda, aponta na boceta dela e começa a penetra-la, ela grita de dor ele não liga, continua a entrar, minha língua passa no seu pau e no grelhinho de Nanda, ela não consegue me chupar, seguro seus seios, ela grita está estourando meu útero, ele pergunta quer que pare ela diz não continua que aguento chorando ele termina de enfiar tudo, suas bolas batem em minha boca para por alguns segundos e começa um vai e vem alucinante, ela grita desta vez de prazer, pede para enfiar mais, enfia tudo me arromba, me estoura, vou.....vou.....vou.....estou gozando enfia tudo veado, mais rápido com mais força, isso assim....assim.......ele dá um estocada e enche a boceta dela de porra, vaza um pouco me obriga a limpar com a língua e eu morta de desejo de possuir aquela pica, cai de lado, fica assim por algum tempo e vai para o chuveiro.
Depois do banho ficamos os três trocando caricias, beijos de língua e nos bolinando, passados uns 40 minutos ele diz é sua vez para mim, pede para Nanda chupar seu pau, ela obedece cegamente, consegue colocar quase metade na boca, chupa com vontade a ferramenta fica dura igual a pedra novamente, ele chupa as nossas bocetas, pede a Nanda para ficar embaixo de mim, me põe de quatro, fico feliz pois receber em minha boceta aquele mastro tão desejado, ele lubrifica seu pau, encosta em meu cuzinho, tento protestar e pronto estoca de uma só vez, vejo estrelas, não tenho voz para gritar, a dor me faz quase desfalecer, ele diz vai aprender que se não aguenta não fica atentando ou se atentar tem aguentar, tira e enfia de uma só vez novamente, sinto menos dor e mais tesão, ele tira novamente e atola tudo sem dó sem piedade, começo a gostar, Nanda chupando minha Xana, ele tirando e enfiando, me enche de tesão e vou a loucura, fode sua filinha, arromba o cuzinho dela, mete com mais força arregaça tudo, vou....estou.....gozandoooooooo, ele me enche com seu leite, sinto aquele cacete inchar e como um esguicho a porra inundar minhas entranhas, caímos de lado, os três exaustos, ele diz agora tenho que terminar o serviço falta comer essa bocetona, vou deixar ela de tal forma que você não vai querer dar por meses, digo vem me fode, me come me arrebenta.
Me pões de quatro, Nanda suga meus seios, ele encosta a cabeça em xana, começa a entrar, ele enfia tudo de uma só vez, sinto meu útero ser arremessado para cima, um prazer enorme toma conta de mim, ele começa um vai e vem quase tirando tudo para fora voltando a atolar lá dentro bem fundo do meu ser, estou totalmente preenchida, ele chama Nanda, manda ela ficar de quatro ao meu lado, começa a socar em mim, sai de mim e soca em Nanda que solta um grito de prazer ao se invadida por sua pica, tira dela soca em mim e ficamos assim por mais de uma hora, até que me pega pela cintura, depois de termos gozado diversas vezes e começa a bombar forte, e diz vou despejar meu leitinho em você sua cadela, mete pai......mete pai com força total, arromba sua filha, come a minha boceta enche ela de porra, vai......vai......gozeiiiiiiii......sinto um jato forte, quente e um carralho quase o dobro de grossura dentro de mim, sai de mim, olho minha boceta esta muito...muito inchada e querendo mais daquele carralho, ele cai desfalecido de lado e adormece somente acordando a noite e nos o esperando para iniciar tudo novamente.
Metemos os três quatro dias da semana que minha mãe esteve, fora. No próximo conto minha mãe descobriu que estou dando para o marido dela........


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario gomes22

gomes22 Comentou em 02/04/2013

muito bom linda

foto perfil usuario c1

c1 Comentou em 30/03/2013

CARA MUITO BOM, PARABÉNS.

foto perfil usuario

Comentou em 28/03/2013

Parabéns,delicia se conto, só faltou as fotos, vou votar e ler o outru

foto perfil usuario pueteiro

pueteiro Comentou em 28/03/2013

excitante, fato fotos suas pra melhorar, deus abençoe

foto perfil usuario abusadinha

abusadinha Comentou em 28/03/2013

Que conto hem... maravilha adorei.espero sua visita

foto perfil usuario terranova

terranova Comentou em 28/03/2013

Excitante ao extremo... delicioso.......

foto perfil usuario orlandjr

orlandjr Comentou em 28/03/2013

Delicioso, muito bom continue contando suas experiencias... até aki esta D++

foto perfil usuario edd

edd Comentou em 28/03/2013

Amei seu perfil... Amei seus contos... Amei vc...

foto perfil usuario gatoreno

gatoreno Comentou em 28/03/2013

q delícia de conto vcs parecem ser bem gostosas gozei gostoso bjs em vc toda




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


27346 - Seduzi meu Padrasto Primeira Vez - Categoria: Incesto - Votos: 13

Ficha do conto

Foto Perfil Conto Erotico blood

Nome do conto:
Meu Padrasto minha melhor amiga e Eu

Codigo do conto:
27406

Categoria:
Incesto

Data da Publicação:
27/03/2013

Quant.de Votos:
13

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


sexo vovóeroticocavaloContoerotico filinha pré adolecentecontos eróticos grátis de traição licaporno casadas dona emily quadrinhosxxvideo alejadinhosConto erotico comi minha filhinhaporno chefe tenta come a estagiariaa casadaContos erotico kell gordinha adora dar o cuquadrinho porno justa causaquadrinhoseroticosrealconto erotico dona sonia velha safadaver video mulher de pernas abertas mostrando fio dental porno fiidofui transformada em escrava sexual conto eroticohem em ativo piroculdonovinhos piroculdos imagenssapekas novinhos na puetaContos eroticos gay o instrutor da auto escola parte 3sexo gay de tapas na cara catarradascontos eroticos mimha mae gostozonatop contos eroticos hetero pag 18engravidei minha tiacontos eroticos adoro leite delesConto homem de pica motruosa fuder dona de casa rabuda no tremcorno de caminhoneiro contosmeus dois machos parte 1 dando pro sobrinhocuzinho+delicioso contosvantade de xixi sadamosquismo conto euroticoContos com fotos novinha peituda de baby dollgay querendo rola em.teresinaconto minha titia comigo no banhoMeu patrao dono da empresa que eu trabalho ele me convidou eu pra eu ir passear na sua lancha conto eroticomulher ficando pelada na fremte do homemo sogro tarado 4travestis mostrando o cu inchado depois de ter dadocuzuda com celulite babadacontos bebi tamto que nao sei quem me arrombocontos eroticos de gay dando caronaConto porno virgem deflorada por traficante pauzudo da favelacomi minha namorada na escola conto eroticocontos a minha sogra cinquentona é uma verdadeira putacontos erótico inlustrado estrupadaslevando uma encoxada no ônibuscontosquadrinhopornoContos erótico enteada desmaiorContos eroticos com coroascontos erotico com irmaomeu pai veio mevizitar e dei pra ele contoxvideis 2017comi a minha tiaSwing curitibanos pornoporno contos eroticos ,apostei meu cu com meu paicorroa safsdaconto erótico comi o minha amiga bicontos mozto.rucontos gang bang inesperado incestofoto.tio.abusa.da.subrinha.dormindo calcinha.com.amiga.netinha pedi pro avo colocar soa cabecinha pornoconto erotico meu amante e cruelcontos eroticos marido liberalfiume porno mae safada nobanhoporno perdendo o cabasoconto erotico amiga da minha mulhercontos eroticos novos secretarias que ficam com chefes para nao prrder o empregoconto sobrinho mamar na tiaconto erotico desabafogosadas inmensa espixadascontos pornoconto erótico gay. meu amigo gamou no meu paicontos eróticos dei o cu para me vingarex marido bonzinho xupou minha bucetaconto erotico coroa do interior