Dia da caça e da caçadora


Click to Download this video!


Olá,
É a primeira vez que escrevo e publico alguma coisa sobre a minha intimidade sexual e só estou fazendo por essa incrível mulher que me apresentou esse site. De certa forma é uma homenagem a ela. Chamarei-a de Diana, pelos motivos óbvios da discrição.
Não vou relatar como nos conhecemos, e o que aconteceu até o nosso encontro. Isso farei em outro momento, quem sabe.
Cheguei ao local na hora marcada. Ansioso, tenso. Parecia um adolescente que vai para o seu primeiro encontro com medo de colocar tudo a perder.
Não sou um marinheiro de primeira viagem, tenho 41 anos, já tive alguns relacionamentos e uma vida sexual bastante ativa e satisfatória. Não me queixo. Não me considero bonito, tenho bom senso crítico, mas acho que tenho uma figura imponente, charmosa, e que no conjunto pelas minhas atitudes me sobressaio. Minha altura é 1,90m, peso 88 Kg, divertido, inteligente e educado.
Mas isso tudo não era nada, estava eu lá já sentado a pelo menos 40 minutos e nada de Diana aparecer. Ainda assim, creio que esperaria até a última luz ser apagada. Com um pouco mais de uma hora e quinze. Diana chega. Nossa como ela é linda.
Pernas fortes, mas nada masculinizadas. Cintura torneada, uma bunda linda. Usava um salto que evidenciava ainda mais aquele monumento. Seios grandes, mas sem serem desproporcionais, barriga e braços malhados, mas também sem exagero algum. Creio que ela deva medir 1,76m e ter o peso proporcional para o mulherão que é. Olhos penetrantes e curiosos, castanhos escuros, tragavam minha atenção como Xerez no fundo de um copo. Uma boca desenhada a lápis, perfeita, emoldura um sorriso branco e brilhante. Toda essa formosura, era ornada por lindos e bem tratados cabelos. Uma voz rouca, charmosa e excitante e um perfume inebriante completam a descrição dessa deusa.
Nos cumprimentamos, o primeiro beijo (uma onda de calor me invadiu e tive que desviar o pensamento para não coloca-la sentada na mesa, subir sua saia e chupar com voracidade, que era meu pensamento naquele instante). Começamos a conversar sobre trivialidades, o que fazíamos, como foi o carnaval, preferências sexuais, se já havia saído com outras pessoas do site que nos conhecemos. Tudo isso com alguns chopes e alguns aperitivos.
O papo foi ótimo, tínhamos coisas em comum, descobrimos um pouco mais sobre as nossas fantasias e nos elogiamos. Como ela havia ido no seu carro e eu no meu, sugeri ir com ela até a sua casa, deixar o carro lá e ela me acompanhar. Feito isso, fomos a mais um barzinho, onde a temperatura do papo subiu e o nosso tesão também.
Saímos dali e fomos a um motel. Chegando lá, ela me disse que tomaria um banho e ao vê-la nua, fiquei de pau duro na hora. Uma xaninha linda, os peitos que puta que pariu, poderia ficar chupando dias, a bunda agora sem as amarras das roupas mostrava-se ainda mais gostosa.
Depois da ducha, foi a minha vez no banho. Já sai direto pra cama, colocando o meu corpo ao lado do seu e nos beijamos. Nossas línguas se enroscavam freneticamente. Chupei aqueles peitos, pernas, barriga, e me detive com atenção naquela buceta quente e cheirosa. Minha pica latejava e eu só pensava em sentir aquela fêmea gozando na minha boca.
Em algum momento, mudamos de posição e ela pegou na minha pica e colocou na sua boca macia e molhada, chupava com gosto, da cabeça ao saco, não deixando nada escapar. Eu nesse momento olhava para aquela cena e já me extasiava por isso.
Mudei de posição coloquei ela deitava de frente para mim, queria aquela mulher me olhando, eu vendo aqueles peitos e podendo beijar aquela boca. Posicionei meu pau na buceta molhada e meti devagar para sentir e deslizar direitinho e se acomodar la dentro. Comecei a meter com vontade. Estava no céu. Que buceta gostosa.
Meti naquela potranca de todas as formas, de lado, de quatro, ela sentada e todas as vezes sem exceção foram espetaculares. Ela gozou gostoso umas duas vezes. Porém, ainda queria muito mais e ela também. Quando estava comendo aquela gostosa de lado, ela começou a lubrificar o cuzinho e a massagear com um ou dois dedos a portinha e me pediu para comê-la. Ouvir aquelas palavras, daquela deusa, me deixou louco. Não tive dúvidas comecei aos poucos a introduzir todo o meu pau naquela bunda linda. Meti muito, com carinho e vigor, ela rebolava com gosto e gozou. Aquele cú mordia meu pau.
Tirei meu pau daquela deusa e disse a ela para me chupar. Ela começou nova chupada, bem babada. Até um momento que pedi que chupasse o meu cú. Ela veio com vontade, dava chicotadas com a língua, praticamente me comendo com a boca. Que delícia, puta que pariu.
Não demorou muito e gozei forte. Ela engoliu tudo, não deixando uma só gota. Nos beijamos e abraçamos satisfeitos. Pena que ela tinha compromissos cedo no dia seguinte e tivemos que ir, mas combinamos de fazer muitas novas estripulias.
A energia e a troca foi boa. Ainda temos muito o que descobrirmos juntos. Menáges, travestis, bi, casais e etc. Mas depois dessa gozada gostosa, vou deixar ela me comer e escolher alguém para me comer e comer a ela também, para juntos darmos um banho de porra que ela adora.
Diana, a caçadora é voce.
Beijos da sua caça favorita.

Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario

Comentou em 15/03/2013

Amigo, não importa se foi o 1° conto que escreveu, importa que ficou muito bom! Parabéns... Claro que vale voto! Mas poxa, vc poderia ter nos contado como conheceu essa deusa maravilhosa...




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


Ficha do conto

Foto Perfil Conto Erotico xxxpepper

Nome do conto:
Dia da caça e da caçadora

Codigo do conto:
26937

Categoria:
Fetiches

Data da Publicação:
09/03/2013

Quant.de Votos:
1

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


foda tarada e gostosa arrancanfo o cabaçi incstoconto erotico puta se apaixonofudendo cadela de frango assado zoofiliaxvidio rascanto o cucontos erotico buceta de julianamadame peao negro conto eróticocontos lesbicas conteacoes incestorabuda filho quadrilhosptimrira sirica contosua vizinha traveco emrabado a negona coroa casada fotoscontos eroticos em guadrinhos de joão cavaloconto eroticquadrinho erotico prostitute parte 5mae dando pro filho no banheiro, contos e fotosgravidas tarada traindo maridocomendo a esposa quadrinho eroticoporno de marrentas violentadasconto amigo heteroContos eroticos fiz da minha,sogra minha putana lua de mel outro engravidou ela me fazendo cornoporno gay quadrinho mozto rucontos erotico cavalgando o cacetao do negaoconto gay sozinho em casa pepinoCapatazdotadoesposa puta quadrinhosconto erótico hetero seduzidoconto erotico minha filha um cu maravilhosotravesti e minha esposa contocontos de grelos enormes gozando encaixadinhos num sabao gostosopeguei meu marido comedo a prpria irm deleconto erotico esposa fielcontos eroticos shortinho com metade da bunda de foracontos eroticos aluno novobaba e negao quadrinhogatas de chotinho fudenocontos eroticos. dando carona para uma senhoracorno fica me esperando pra chupar a cona gozadaboafoda egravidadocontos eroticos titia o cu começou a pisca no pau na hora de gozaconto erotico ponta grossa prcontos eroticos de melar a bucetameu padrasto me flagroua tia cuidando da fimose do sobrinho contos eroticoscontos eroticos cabaninhapodolatria coroa 2017 contosconto erotico gay o jardineiro gostosominha mãe me surpreendeu contos de incestoconto fraguei minha cunhada dandocoroa suplica rola do negaotitio metendo com sobrinhacontos eroticos eu minha mulher e nosso amigo na praia de nudismocontos eronticos baba taradanifeta de chotinhocontos eróticos minha cunhada medrosae******** a sapequinha na prima novinha inocente contos eróticoscontos arrombado o cu pelo padrinhoconto+com+foto+madrasta+fudendo+com+enteadocontos / traindo o marido com o vizinho negao parte finalBucetao da egua no ciocontos eroticos gay cheiro de rolaconto gay espalhouAlyamirantinanecontoseroticosporno en quadrinho condo a mamaiultimos conto sadoconto eroticos de corno marido chupando buceta gozadacom foto da traiçao contos meninos bobinhos meti a rola sem dò.sexo quente na xoxota roçandocontos eroticos estupraram minha esposaquero ver o conto erótico do garoto bombadão na academia da rola de jumentoxvideos.incesto.pauzudo.arrebentandoconto erotico em quadrinho de vagabundacontos eroticos de negao fudeu eu e minha namoradacontos veridico mulher casada fode com um deficienteconto erotico no banho da academiacontos eroticos come meu filhocontos eroticos exibicionismoContoa Heroticos gay fodendo meu primo bundudo na adolecensia