Menage surpresa na pescaria


Click to Download this video!


De uns tempos para cá eu vinha pensando em umas fantasias que gostaria de fazer com minha mulher, mas sempre que era para por em pratica algumas coisas, não dava certo pois onde moramos é muito difícil confiar em alguém, então para que isso desse certo tinha que ser com uma pessoa de outro lugar e que fosse de confiança, uns tempos a traz tinha um amigo que vinha em nossa casa para fazer menage, mais ele foi embora e nunca mais veio para o Pará, então tive que procurar uma outra pessoa que pudesse fazer isso conosco.
Tenho um amigo da época que servimos o exército que mora em uma cidade vizinha, que aqui chamarei de Neto, nome de guerra quando militar e por um acaso acabei descobrindo que ele e a mulher gostava dessas aventuras assim como nós, então convidei ele para fazermos algumas brincadeiras juntos com nossas esposas, mais antes dessas aventuras a 4, lancei uma proposta de uma surpresa para minha esposa, que até então não sabia que meu amigo fazia essas coisas, ele aceitou na hora, e combinamos tudo.
Com os planos em mente, foi só colocar em ação, como minha esposa adora pescarias assim como eu, essa fantasia seria em uma dessas pescadas, no dia combinado Neto veio para minha casa como se nada de diferente fosse acontecer, pois realmente íamos pescar, ele chegou um dia antes de irmos para o rio, para podermos organizar tudo, tralha de pescaria cabana e outras coisas mais, pois passaríamos dois dias no rio.
Conversamos muito sobre a pescaria, mas nem uma palavra que desse a entender sobre as segundas intenções que tínhamos com ela, minha esposa estava empolgadíssima com a pescaria, pois a muito tempo não tínhamos saído para pescar.
Quando fomos deitar para descansar para o dia seguinte ainda perguntei para minha esposa o que ela tinha achado do Neto, pois era a primeira vez que ela o via. Ela respondeu que ele parecia ser um cara legal, e ainda teve a cara de pau de me dizer que meu amigo parecia ser bem gostozinho, depois que ela disse eu rir e a chamei de safada, demos uma transadinha básica para relaxar e fomos dormir, logo porque eu não queria cansá-la e nem me cansar para o dia seguinte.
No dia seguinte acordamos cedo, merendamos, arrumamos as coisas no carro e fomos para o rio, demorou um pouco para chegarmos lá pois era um pouco distante, logo por que eu queria ter certeza que ninguém mais iria aparecer, ao chegarmos, armamos as barracas, pegamos a canoa e fomos armar as malhadeiras, que no caso eram só duas, enquanto minha esposa ficava dando os últimos retoques no acampamento, votamos para o local das barracas, preparamos nossas varas de pescar e fomos para beira do rio pescar. Era ali que tudo iria começar!
Pedi para ele que toda vez que eu me afastasse um pouco de forma que só ela o visse e eu não, para ele se exibir para ele de forma bem natural, como se ele não fazendo intencionalmente, como por exemplo: coçar o saco, passar a mão no pau, enfiar a mão dentro da cueca, essas coisas, só pra ver como seria a reação dela, e assim ele fez, que claro acabou chamando a atenção dela.
Logo percebi que ela o olhava com outros olhos, nada passou disso no momento, depois de uma boa pescaria o chamei para irmos despesca as malhadeiras, onde trouxemos alguns peixes para o almoço, tratamos os peixes enquanto ela prepara os outros alimentos, estrategicamente nós já tínhamos combinado o que faríamos para limpar os peixes, e assim fizemos, tiramos nossas roupas e ficamos só de cueca, quando ela viu como estávamos, não parava de olhar, de forma disfarçada mais olhava, principalmente para a cueca do Neto.
Dava para perceber que ela já estava a fim de transar com ele, pois não tinha como não ser provocante, mais eu sabia que ela não ia pedir para fazermos algo com ele, pois não tínhamos levado camisinha, claro! Fiz isso de propósito, pois queria que fosse tudo sem camisinha, pois ele tinha trazido consigo os exames que comprovava que nem ele e nem sua esposa tinham qualquer doença, e eu já tinha mostrado os nossos.
Depois de tudo pronto, fomos tomar um banho antes de almoçar, do jeito que estávamos de cueca entramos na água, tomamos um banho e quando saímos dava para perceber que a cueca do Neto era um pouco transparente e dava para ver os detalhes de seu pênis, nessa hora minha esposa involuntariamente deu uma mordida nos lábios, parecia que ela não agüentava mais. Entro na água deu um mergulho e foi se trocar na barraca e eu a acompanhei, a dentro ela me disse o quanto estava com vontade de uma boa sacanagem, e também acabou me perguntando se eu não tinha percebido o jeito desinibido do Neto, eu disse que vi sim, e com cara de quem não sabia de nada, perguntei se ela não tinha coragem de transar com nós dois ali naquela pescaria. Ela respondeu que sim e que tava com muita vontade por conta das provocações, mas não saberia como seria a reação dele e também disse que não poderíamos fazer nada, pois não trouxemos camisinha, eu concordei com ela, e depois disso saímos da barraca para ir almoçar.
Depois que almoçamos ficamos batendo um papo, onde sempre puxávamos umas conversas sacanas para apimentar o dia, com isso fomos nos soltando e minha esposa começou a perceber qual seria nossa intenção, demoramos um pouco ali com aquelas conversas e resolvemos tomar um banho antes de ir pescar com caniços na margem do rio.
Durante o banho minha esposa estava usando um biquíni bem chamativo e começou a fazer umas brincadeiras para chamar a atenção de meu amigo, como por exemplo: saia da água com a bunda empinada, às vezes se esfregava em mim, outra vezes ia passar protetor e ficava passando no bumbum e nos seios de forma que ele notasse.
Passando algum tempo resolvemos ir pescar, pegamos as varas de pescar e saímos para um lugar bem bacana, nesse momento nos estávamos só de caução, mas sem cueca, durante a pescaria eu pedi para que minha esposa fosse pegar um pouco de isca com Neto,pois a nossa na tinha acabado, o que ela não sabia é que ele já sabia que ela iria La para pedir isca, nisso ele já estava esperando fingindo que estava urinando só para ela ver seu pênis a mostra, e assim aconteceu, quando ela ia chegando perto, ele estava com seu caução no meio das pernas e com seu pênis a mostra, nesse momento eu já a tinha me escondido próximo a eles para ver no que ia dar, ela ficou um pouco paralisada só olhando para ele naquela situação.
Ele se vira para ela e continua com o pênis de fora, somente pediu desculpa pela cena e se defende dizendo que não sabia que ela estava ali, ela disse que não tinha problema e ate tava gostando do que tava vendo, depois de falar isso ela chegou mas para perto dele sem tirar os olhos de seu pinto, já tinha ate esquecido do que tinha ido buscar, sem perguntar nada para ele, minha esposa segurou seu pau com a mão e começou a alisar, e eu ali só olhando aquela situação, não demorou nem 30 segundos para ela esta chupando o cacete de Neto, como se estivesse chupando um picolé, nesse momento resolvi aparecer, e como ela já tinha percebido que tudo aquilo ali tinha sido provocado por mim, nem ligou e continuo chupando o rapaz, quando cheguei mais perto ela meteu a mão dentro de meu caução tirou meu pênis para fora e começou a me chupar também, isso foi muito bom, ficamos ali alguns minutos, ai resolvemos parar com a pescaria e ir para o acampamento nos divertir.
Ao chegarmos, fomos tomar outro banho, mais dessa vez, ficamos todos pelados e dava para perceber que a xana de minha esposa estava toda encharcada, de forma que escorria pela perna, e antes de entrarmos na água ela me perguntou como faríamos pois nós não tínhamos trazido camisinha e ela queria dar pra ele, pois estava com muita vontade, eu falei que não precisava se preocupar pois já tinha resolvido isso, entramos na água e começamos a brincar de passar a mão na xana dela e ela em nossos cacetes, a maior sacanagem.
Saímos da água e fomos para perto de uma grande arvore caída que tinha ali próximo, posicionei minha esposa escorada na arvore, abri suas pernas e comecei a chupá-la enquanto o meu amigo subiu em uma pedra que tinha próximo de nós, de forma que ela pudesse chupá-lo, depois de alguns minutos mudamos de lugar, ela passou a me chupar e ele ficou chupando ela, nossa! Ela ficava se contorcendo e gemendo alto, acredito que ela gozou na boca dele naquela hora.
Depois desses gemidos ela quis chupá-lo novamente e disse que queria ser fudida, pois não estava agüentando mais de tanta vontade, coloquei ela de costa para mim e de frente para a árvore, Neto já estava escorado de costa na Árvore e minha esposa ficou de cara para seu cacete para poder ficar chupando, enquanto isso eu passava a mão em sua xana que já estava escorrendo de tanta vontade, comecei a esfregar meu pau na abertura de sua buceta melada, ela gemia feito uma vadia no cio, pedindo para eu enfiar, respondendo seu pedido, enfiei de uma vez, com isso ela deu um grito de desejo e pedindo para enfiar mais, comecei a fudê-la com vontade e quando eu esta para gozar tirei o pau de dentro e controlei.
Perguntei se ela queria sentir o pau de Neto em sua buceta, ela disse que sim mas como faríamos sem camisinha, perguntei se ela confiava em mim, ela disse que sim, então falei para relaxar e curtir, quando disse isso ela se escorou na árvore, abriu as pernas e pediu para ele enfiar pois queria ver o pênis dele entrando e saindo, ele encostou e começou a passar seu pau na sua buceta para frente e para traz, fazendo com que ela implorasse para que ele enfiasse de uma vez o pau na sua buceta, ele começou a enfiar e a chamá-la de vadia safada, ela ia ao delírio com isso, eu fiquei ali curtindo tudo o que estava acontecendo e ficando cada vez mais excitado.
Ele levantou uma das pernas dela e continuou enfiando, dessa forma dava para ver o pau dele entrando e saindo e abrindo ao máximo sua buceta, ficaram naquela posição por alguns minutos, ate que avisa que esta para gozar, ela me olhou com uma cara de indecisão, e eu disse em voz baixinha para que ela deixasse, ele começou a bomba mais forte e os dois juntos anunciaram o gozo, foi uma gemedeira até o final, ela gozou junto com ele, pela primeira vez outro homem goza dentro dela alem de mim, ela foi a loucura com isso, quando ele tirou o pau, sai tanto esperma de dentro que escorria pela perna, ela disse que queria mais, então eu coloquei ela de costa, abri suas pernas e enfiei o meu pau em sua buceta toda melada do esperma de Neto, comecei a enfiar e ela gemia feito uma cadela, bombei freneticamente durante uns cinco minutos e veio o gozo, despejei tudo dentro dela misturando meu esperma com o de meu amigo.
Quando paramos, ela foi para dentro d’água com a xana escorrendo e as pernas toda melada com uma cara de quem tinha gostado muito de sentir outro pau enfiando e gozando dentro dela sem o uso de camisinha, em seguida fomos acompanhá-la no banho. Quando terminamos de banhar, Neto e eu fomos ver novamente as malhadeiras e retornamos com mais peixes, tratamos e fomos prepara para o jantar, nesse meio termo ele sempre comentava que tinha gostado muito de transar com minha mulher e principalmente de ter gozado dentro dela e que queria me retribuir a mesma gentileza com sua esposa.
Depois do jantar começamos uma brincadeira de que perdesse tinha que tirar uma peça de roupa, quando todos estávamos pelados, continuamos brincando, mas dessa vez quem perdesse tinha que executar tarefas que o ganhador mandasse, como por exemplo: se ela perdesse tinha que chupara o pau de um dos dois, ou um de nós tinha que chupara sua xana, as vezes ela tinha que sentar no cacete de um de nós e por aí ia, ficamos naquela sacanagem por um bom tempo, ate que começamos a suruba pra valer, pedi que ela sentasse no pau dele ate entrar todinho, deixando sua bundinha livre para eu invadir, nisso fizemos um 69 maravilhoso, ela pedia para que nós enfiássemos para valer pois ela estava adorando tudo, revezamos um pouco, as vezes ele ia na xana as vezes eu, mas na verdade eu queria que ele gozasse dentro da xana dela novamente, pois eu achei muito excitante ver outro pau encher ela de esperma.
Quando ele esta para gozar pedi que ela ficasse de costa para ele, deixando sua buceta a mostra para mim, ele enfiava aquele pau grosso no meio da xanhinha dela que faltava entrar as bolas, nisso ela gemia alto que se tivesse alguém ali perto escutaria tudo, ele enfiava enquanto eu massageava seu clitóris para dar mais prazer pra ela, não demorou muito para eles anunciarem que ia gozar novamente, e com poucas estocadas eu vejo ela contrair a buceta e ele dava pequenas paralisadas nas estocadas, indicando que estava gozando dentro dela novamente, nesse momento ela disse que sentia a quentura e a preção que os jatos de espermas proporcionava, eles pararam de se movimentar, ficando ainda na mesma posição por uns dois minutos, enquanto o pau dele ia amolecendo, pedi que ela tirasse o pênis dele de dentro bem devagar para eu ver o esperma escorrendo e assim ela fez, quando ela tirou saiu tanto que parecia que não ia parar mais, quando ela terminou de sair de cima dele disse que queria que eu gozasse dentro dela também, sem contar conversa, coloquei ela de quatro e enfiei meu pau em sua xana toda melada com o esperma do Neto,dava cada estocada que ela gemia alto, dizendo que estava muito gostoso, depois de algum tempo bombeando forte, gozamos juntos, deixando sua xana mais melada ainda, terminando fomos tomar um banho, conversamos mais um pouco e fomos dormir.
Quando amanheceu o dia, percebi que minha esposa se levantou caladinha, escovou os dentes e se direcionou ate o Neto que estava sentado na árvore, fiquei olhando quando ela começou a passar a mão no corpo dele até chegar na cueca, e eu só observando, ela passava a mão dando pra ver o pinto dele aumentar de tamanho ficando bem duro, enquanto isso vi ele tirando a blusa dela passando a mão por todo o corpo, começou a chupar seu seios dela e enfiando a mão por dentro da calcinha, não demorou, para ela tirar o pau dele de dentro das calças e começar a chupá-lo, enquanto isso ele tentava se livrar das roupas dele e as dela, não demorou muito para que os dois estivesse totalmente pelados, de longe dava pra ver que ela estava toda melada só se excitação.
Ele pegou ela e virou-a de costa para ele, segurou em seu quadril e posicionou o pau bem no meio da xana e começou a enfiar, foi enfiando ate encostar os ovos na bunda dela, nisso eu já estava com o pau totalmente duro, eu queria sair para participar mas quis da mais um tempinho para ver até onde iam, ele enfiava com tanta força que fazia os seios dela balançarem, não demorou nada ele tirou o pau da xana e enfio no cuzinho dela, fazendo com que ela se contorcesse de prazer, nessa hora resolvi sai da barraca, quando ela me viu ficou um pouco nervosa, pois achava que eu ia acha ruim, quando ela percebeu que eu não liguei, continuou trepando com ele só que agora dava gemidos altos só pra me provocar, como Neto esta enfiando no cuzinho dela, fiz com que ela se deitasse sobre o corpo dele deixando a bucetinha livre para eu enfiar, nisso fizemos outra DP maravilhosa nela, não demorou nada Neto estava anunciando o gozo pedi pra ela deixar que ele gozasse dentro do cuzinho dela, ela deixou, ele deu umas estocadas fortes que dava para sentir o pau dele com o meu, ele gozou e muito em seu cuzinho, que quando ele tirou escorreu esperma ate sua buceta melando a xana e meu pau, tirei meu pau de dentro da xana passei ele ao redor lambuzando mais ainda com o esperma dele e empurrei para dentro de novo, fiquei dando estocadas fundas durante algum tempo até vir a vontade de gozar, dessa vez ela gozou um pouco antes que eu, onde dava para sentir ela apertando meu pau com a xanhinha, fazendo com que eu gozasse mais rápido.
Quando tirei o meu pau de dentro dela escorreu esperma por toda a sua perna, e enquanto descansávamos ela ficou punhetando os dois pau até irmos banhar, banhamos tomamos café, fomos recolher os materiais de pesca e desarmar o acampamento para podermos ir embora.
Fizemos outras aventuras com ele e a esposa dele, mais isso fica para outro conto!
Espero que tenham gostado do conto pois foi verdadeiro!



Foto 1 do Conto erotico: Menage surpresa na pescaria

Foto 2 do Conto erotico: Menage surpresa na pescaria

Foto 3 do Conto erotico: Menage surpresa na pescaria


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario terranova

terranova Comentou em 20/12/2013

Muito bem redigido parabéns....

foto perfil usuario casadasafadinh@

[email protected] Comentou em 15/12/2013

Muito excitante seu conto, fiquei molhadinha. Quem sabe uma aventura com vcs.

foto perfil usuario barcellos

barcellos Comentou em 20/11/2013

Delicia de conto,minha fantasia.

foto perfil usuario ronald43

ronald43 Comentou em 27/10/2013

Delicia de conto... Mas se eu estivesse ae, nao dispensaria seu cacete tbm... Ele é delicioso...

foto perfil usuario richad negao

richad negao Comentou em 24/07/2013

valeu casal,nota 10, achei otimo, parabéns. Robert de fortaleza ceará.

foto perfil usuario linsar

linsar Comentou em 05/11/2012

Muito bom. Leia meus contos vote se gostar?

foto perfil usuario junikit

junikit Comentou em 05/11/2012

muito bom !!

foto perfil usuario ordau

ordau Comentou em 05/11/2012

Muito bem contado!!! Conta mais!

foto perfil usuario cecy

cecy Comentou em 04/11/2012

rs, deliciaaaaaaaaaaaaaa..

foto perfil usuario bnove

bnove Comentou em 04/11/2012

Sensacional essa pescaria. Parabéns pela narrativa, realmente dá tesão. E sua esposa é gostosa pra caralho. Me informe outros relatos de vcs. Abs. Luiz - Curitiba - Pr.

foto perfil usuario

Comentou em 04/11/2012

Bom de mais, votei Leia meus contos e comente, vote se gostar




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


14106 - Comendo minha aluna, na minha casa! - Categoria: Traição/Corno - Votos: 12
36551 - UMA AVENTURA COM MINHA SOGRA - Categoria: Fantasias - Votos: 13

Ficha do conto

Foto Perfil francisco
francisco

Nome do conto:
Menage surpresa na pescaria

Codigo do conto:
21804

Categoria:
Fantasias

Data da Publicação:
02/11/2012

Quant.de Votos:
28

Quant.de Fotos:
3


Online porn video at mobile phone


esposa tioo contoporno pauContos eróticos:meu querido professorvelho tarado contox videos loiraporno beti toparoaconto erotico mama dos priminhosContos eroticos .meu filho me comeu no sofa da salaContos so gosto roludoConto erotico gay garotos bundudos fazendo troca-trocamoztravestiComto erotico pinheta amigosvovo gay goza cu dr gaznovinha deixar sua buceta enchada com um boba e depois e fudidapunheteirahentalcontos eróticos sou corno do meu sogro2017contos eroticos rabao escandalosa incestcontos chifrei ele na baladacontos eroticos de incesto filha casada rabuda chora no cacete do pai de 27cmsContos eroticos aniversario de uma sissiecontos pra relaxar gostoso bucetadesabafos de incestocontfo xota cu filhinho choraContos gay pau pequenoler contos de homens estrupando garotos a forçascontos eroticos como fode a ben novinhacontos novos esposa fodendo com negaocontos putaria encoxadas na infancia gay em onibuscontos etoticos fui comido na marra vestido de mulhercadelascontoeroticosconto erotico transwi no tremcontos eroticos a madrasta e enteada rebeldehentai simpsonsquadrinho em porno na praiaheterosexuais sografotos gays de homens soltando muito leitinho da cabeça de suas piroconasconto erotico mae carenteconto porno velho roludoeu e minha sogra coroa conto eroticocontos eróticos se continuar vou te fuder aqui mesmo contra sua vontadecontos eroticos gay de chacreiro comendo filhinho do patraocontos eróticos em quadrinhos lésbicocontos eróticos Casada foi na despedida de solteira de amigo e acabou levando rolano escuro comedo a mae por engano a mae filho incesto travesti comedo a maequadrinhos eroticos a cu invocante 1contos sogro e norahttp://comtos eroticos de estuproizabele bem novinha gordinha nem pentelho temContos eroticos bem dotado com madrasta fechadinhamae e filha de fio dental na praia e do padrasto contocomi a minha enteada contosPadre com pauduro mas coroinhavídeo pornô de cachorrocontos de fio terraconto erotico dei o cu pro meu filhoconto eroticl com com a titiameus dois machos parte 1 dando pro sobrinhoconto eroticos fodadosexoconto erotico mae safadacontos eroticos dopadasconto aventura no onibusconto erotico bisex 2017 curitibacoroa roludo 27 cm de rola fudeu o novinho conto eroticoContosToda fudidaconto erotico de enteada novinha safadaconterotico irmãsvide erotico visao do paraisoconto porno meu marido levou amigos pra jogar baralho em casavideos esposa ajuda marido enrabarar sua maekasada_japconto erotico vendo mamae enfiar consolo no cu de papaicontos podolatria com minha irmahistórias em quadrinhos acampando com o vizinho safadoistoria ti mulher transando com entiadaQuadrinhos eróticos meu padrasto pausudo me comeuconto erótico casado boa vista roraimaporno gay em quadrinho piratasConto erótico gay Cúmplices de um resgatecontos ele mandou tirar meu penis eu virei fêmea do pauzudoMendinga fudendo na borracharia searchmastubei meu cu pela primeira vez conto eroticoporno amador novinha tendo orgasmo prolongadoconto erótico cafuçu gaycontos gay meu irmao me defendeuultimos contos sadosquadrinhos eroticos meu sogro me comeuincesto 6 em nome do pai e da filha phnovinha desafiando roludo contorabuda filho quadrilhos