Aconteceu no carnaval.


Click to Download this video!


Neste ultimo carnaval,eu e minha esposa Bete,fomos para o litoral para descansarmos um pouco e levamos nosso sobrinho Glênio conosco.Ele é um rapaz de 18 anos,forte,alto,1,80ms,loiro,labios grossos,bastante sensual.No sábado fomos a um baile na cidade e voltamos lá pelas quatro da madrugada,um tanto quanto já alterados pelas bebidas.Durante o trajeto fizemos algumas brincadeiras com Glênio,tipo assim,se ele já tinha tido sua iniciação sexual,como foi,com quem,etc.Glênio nos disse que era um garanhão,que muitas garotinhas do colégio onde estuda,já tinham sido suas amantes.Rimos muito e falamos que ele era muito cheio de palhas,ou seja,muito fanfarrão.Ao chegarmos em casa,fomos para nosso quarto dormir,enquanto ele foi dormir no sofá da salinha.Eu e Bete ficamos pelados e tratamos de começar sessão de sexo.Comecei a chupar a bucetinha dela,enquanto Bete chupava meu cacete.Depois de algum tempo,me deitei sobre ela e a beijei com uma tara louca,enquanto meu pau roçava sua bucetinha sem que ele a penetrasse,deixando-a louquinha de prazer e vontade.Foi então que Bete me disse:Sabe,quando voltávamos para casa,senti um tesão louco pelo Glênio,quando ele disse que comia as menininhas do colégio.Fiquei com vontade de ser enrabada por ele.E porque não tenta?falei.Você topa?Claro,respondi.Bete se levantou e foi até a salinha onde Glênio estava vendo tv.Ao vê-la toda nua,o rapaz se assustou,mas Bete o acalmou e convidou-o para vir até nossa cama.Ele veio meio sem jeito.Ao me ver todo nú na cama disse:O que voces vão aprontar?Fica calmo,você vai ver e gostar eu disse.Bete tirou a bermuda e a cueca dele e ao ver seu cacete duro feito uma tora caiu de boca nele.Glênio ficou louco,gemia e apertava a cabeça de sua tia.Não demorou muito e ele encheu a boquinha dela de porra quente e viscosa,que Bete engoliu todinha,chegando a passar a lingua pelos seus lábios.Bete se deitou sobre mim e ajeitou meu cacete em sua bucetinha,que foi totalmente preenchida,enquanto nosso sobrinho enfiava seu pau no cuzinho dela,que gemia de dor e prazer.Bete tinha dois mastros dentro dela.Quando gozamos,Bete ficou entre nós e nos punhetou algum tempo.Quando já estavamos em ponto de bala de novo,ela se deitou e me mandou meter meu cacete em seu cuzinho,enquanto ela voltava a chupar a pica de Glênio.Quando meu pau se acomodou todinho em seu cuzinho,Bete falou para nosso sobrinho se ajeitar sobre mim,ela queria que ele metesse seu mastro em meu cú.Tentei rejeitar,mas ela me apertou e disse:Benzinho,faz isto por mim,vai.Glênio lambeu meu cú,deixando-o cheio de saliva e começou a tentar a penetraçào.Quando a cabeça de seu cacete se alojou na entrada de meu cú,senti uma dor forte e recuei,mas ele forçou,e pela primeira vez,senti uma pica dentro de mim.Glênio foi introduzindo lentamente sua vara em meu cú,até que senti suas bolas baterem em minhas nádegas.Estava doendo,mas o prazer era tão grande que eu comecei a rebolar minha bunda para sentir as estocadas com mais tesão.Neste momento,meu pau estava todo dentro de Bete e meu cú estava sendo arrombado pela vara de meu sobrinho.Quando Glênio gozou,ao sentir sua porra quente no meu cú,gozei loucamente no cuzinho de Bete.Quando o cacete dele saiu de dentro de mim,senti um alívio,mas eu queria mais,agora me sentia uma puta.Fui até o banheiro e trouxe uma toalha úmida para nos limparmos.Limpei com carinho o cacete de Glênio e comecei a chupa-lo.Seu mastro chegava até minha garganta.Ele e Bete se beijavam na cama.Glênio gozou pouquinho em minha boca,uma porra quentinha e fina,com gosto salgado e adocicado.Engoli tudinho.Nos deitamos juntos,com o pau de Glênio atolado no meu cú e o meu no cuzinho de Bete.Quando acordei,lá pelas onze horas da manhã,Bete e Glênio estavam na salinha se beijando e se mordendo.Tomei um belo banho e um café reforçado,pois eles já haviam feito tudo isto antes.Embora ainda sentisse meu cú ardendo,eu queria mais e chamei Glênio para minha cama.Ele me atendeu e veio.Me deitei de costas para ele e pedi que lambesse meu cuzinho.Glênio começou a passar sua lingua pelo meu cú,enfiando a pontinha dentro.Eu delirava de prazer.De repente,ele começou a lamber meu saco e pegou meu cacete, alisando com carinho.Não aguentei mais e me virei para fazer um 69 com ele.Bete assistia tudo ao lado da cama,enfiando seus dedos dentro de sua xana.Comecei a lamber o cuzinho de nosso sobrinho,que por sua vez me lambia e metia sua lingua no meu cú.Quando abocanhei o pau dele,Glênio também meteu sua boca em meu cacete e começou a chupar com vontade.Quando não aguentei mais,enchi a boca dele com meu esperma,no mesmo tempo que ele gozou loucamente na minha.Sua porra escorreu pelos meus lábios.Agora eu queria comer seu cuzinho.Glênio concordou e se virou de costas para mim.Meti meu mastro levemente em seu cuzinho,até que o penetrei todinho.Tirei meu cacete e pedi que ele se virasse de frente pra mim.Coloquei suas pernas em meu peito e de novo enfiei minha vara em seu cuzinho.Bete ficou com a buceta sobre sua boca para que ele a chupasse.Glênio enfiava sua lingua todinha na xaninha de sua tia,ao mesmo tempo em que era fodido no cuzinho.Gozei pouco desta vez.Estavamos extenuados.Me deitei no tapete do quarto e adormeci,enquanto eles ficaram metendo,não sei quanto tempo aguentaram.Dormi muito tempo.Acordei a tardinha.Os dois estavam dormindo agarradinhos.Nesta noite,fizemos uma festa.Gozamos de todas maneiras.Ao voltarmos para nossa cidade,combinamos de continuar nossa relação sempre em finais de semana,coisa que acontece até hoje.Se voces gostaram deste relato verídico,votem nele,e também experimentem,com certeza vão gostar.

Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.





Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


1276 - MEU PADRASTO QUERIDO. - Categoria: Incesto - Votos: 7
1330 - Um curso inesquecivel. - Categoria: Gays - Votos: 6
1377 - EU E MARIANA,QUE ENTEADA! - Categoria: Incesto - Votos: 8
1613 - O paraiba bem dotado. - Categoria: Gays - Votos: 13

Ficha do conto

Foto Perfil Conto Erotico vasco

Nome do conto:
Aconteceu no carnaval.

Codigo do conto:
1316

Categoria:
Incesto

Data da Publicação:
24/05/2003

Quant.de Votos:
4

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


pornô+contos+eróticoscontos punheta pro morador de ruameu padrasto comeu minha bucetinha careca contoscontos eroticos de sub 24/7contos de pirocudominha mulher é puta contos e relatosContos eroticos seios judiadospau na busetaconto erotico sobre gordinhakaçador35ultimos contos sadominhas amigas travestis contos eróticosconto compartilhei minha esposaContos gay com malhadoContos eróticos picantes de gays com fotos ilustrativasengravidei de novo conto eroticovizinha chantagem anal contoultimos contos sadomazoquistaconto erotico luciene crentecontos eróticos comento a viuva evangélicaporno levei papai em casa xxvideosdormindofilhabundudaconto erotico com 15aninhos levei pica como gente grandeconto erótico provocando sogroporno mae e filha transformadas em putas contogordos pirocudos batendo punhetathiago tirou foto do pau duroconto bunda gigante carnudapunheteiro conto erpticosconto erotico estupradoEu e minha Amiga fomos fudidas pur um colega do meu irmo conto erotic corno do genro contosconto eurotico gay comi o bombadocontos eroticos bebirabuda. contoereticocontos gays tio e sobrinhoconto gay marginal fortalezaEu sempre eu levo minha irma no meu carro pro motel ela sempre ela raspa sua buceta pra eu fuder ela conto eroticoconto erotico de irma e irmao transando escondido do maridoquadrinho erótico sexo entre irmãosquadrinhos eroticos levando mandiocaDei o cu primeira vez e chorei conto gay com fotopapai me obrigo mamar nele contos inocenteconto erótico com fotos dei a bundinha só pro meu filhocontos eroticos de garotos arrombados pelo tioarrombou meu cu contocontos eroticos fui comida por meu esposo,cunhado e sogri.conto eurotico amigo pouzano junto com casalprofessora porn maenegao conto erotico pedreiroconto erotico minha/cunhadacontoeroticodfContos eroticos festa desenhocontos eroticos - minha esposa na saunaconto eroticoesposa com dotadoscontos porno com animaisConto pai lambendo xoxotacontos eroticos de Aribjrporno conto erotico virei putinha do chefequadrinhosporn mamãexvideo lesbico iniciaçao lesbicoconto erotico dei em cima do meu alunoquadrinho erotico filhaConto erotico feriadesobri que sou menina conto gaynivinhas rabudas gosando os pulos etremendocontos lesbico 2017conto porno com obcontos erticos irmã de 14 transa com o irmão de 15 e a mãe pega eles no flagra na hora que ele gozava dentro dela e discobre que ela esta gravida delevovozinha safadihaContos Eróticos MEU BUNDAOfotos mesturbaçao na praiaConto erotico bucetinhaConto erotico padre de 60 anos comendo uma freira de 59 anosxvideos.incesto.pauzudo.arrebentandocontos erótico com fotos a bunda da costureira