Grupo de estudos sexuais por Louraça


Click to Download this video!


Eu cursava a faculdade de Comunicação e fazia parte de um grupo de cinco alunos que se reunia para elaborar os trabalhos. Éramos eu, Mário, Sandro, Aldo e Tânia. Os três rapazes eram saudáveis, atléticos, bonitos e cobiçados na faculdade. A Tânia, ao contrário de mim, era a mais recatada e não tinha as mesmas idéias e o humor dos demais. Às vezes, parece uma velha, toda conservadora, bastante tímida.
Sou completamente diferente. Tenho seios médios e firmes, quadris largos, enfim, sou uma louraça. Sempre gostei de usar roupas justas e ousadas, o que permitia deixar minhas formas à mostra. Adoro provocar, ouriçar os rapazes que me olham gulosamente. As cantadas são inevitáveis, mas só gosto de homens bonitos, criativos e bons amantes.
Nós conversávamos mais do que estudávamos e nos entendíamos bem. Os rapazes quase sempre direcionavam o assunto para sexo e Tânia sempre desconversava, dando mostras de reprovação e resolvia se afastar. Já eu percebia o efeito que causava nos rapazes e, então, demonstrava ser bem moderna e liberal, falando naturalmente sobre tudo e dando inclusive detalhes picantes. Quase sempre eu podia notar a excitação sob as calças deles, quando nos despedíamos com beijinhos. Isso me arrepiava também e ficava imaginando os comentários que eles deviam fazer entre si a meu respeito. Imaginava-os até se masturbando pensando em mim. Às vezes, eu mesma me masturbava imaginando situações eróticas, cada hora com um deles. Meus amigos sempre tinham receio de ultrapassar os limites e nunca me passavam uma cantada ou alguma outra insinuação. Talvez por causa do clima de colegas de classe que havia entre nós. Num desses nossos papos, percebi que eles insistiam em falar de sexo grupal. Tânia, naturalmente, já tinha ido embora. Eles queriam saber a minha opinião.
Mantendo a imagem de liberal, disse acreditar no amor total, sem reservas e limites, sempre se importando com o prazer, o gozo. Pude perceber a satisfação nos olhos deles. Ficaram até meio tontos, sem jeito. Despedi-me com beijos mais demorados e carinhosos do que de costume, imaginando com certeza que, mais tarde, cada um deles tocaria uma punheta pensando em tudo que tínhamos conversado. Não resisti e, em casa, me masturbei deliciosamente no banheiro, com o anatômico cabo da escova de cabelos.
Naquele período, estávamos preparando um ensaio jornalístico para uma das disciplinas e apresentaríamos em seminário da faculdade. Naquela semana, Mário me telefonou dizendo que o grupo ia se reunir a noite no apartamento de Aldo. Nos mostraria um material em vídeo e aproveitaríamos para comemorar o fato dele finalmente ter conseguido comprar todos os móveis.
É claro que fui. Caprichei no visual e vesti uma saia bem curta e justa por cima de uma minúscula tanguinha branca. Coloquei uma blusa leve, quase transparente, para facilitar a visão de meus seios sem sutiã. Passei um perfume gostoso. Cheguei por volta das oito da noite e notei que chamei a atenção logo de cara. Perguntei pela Tânia e o Sandro me disse que não tinha conseguido avisá-la. Dei de ombros.
Sentei-me no sofá em frente aos rapazes, de propósito. Assim, eles tinham uma vista privilegiada do meu visual. I
Aldo colocou a fita de vídeo e começamos a assistir. Apesar de o assunto ser interessante, percebia a todo o momento os olhares desviados em direção ás minhas pernas e seios quase à mostra. Isso me excitava, mas fingia não perceber, continuava aparentando interesse pelo documentário.
Terminado tudo, Aldo trouxe petiscos, um balde com gelo e uma garrafa de uísque importado. Entre um olhar e outro, íamos ficando mais relaxados por causa das doses da bebida. Como se podia esperar, o tema da conversa agora era sexo.
Trocávamos idéias, relembrávamos conversas anteriores e arriscávamos palpites sobre a sexualidade de alguns professores, rindo bastante. Eu aproveitava e, a cada seqüência de risos, expunha um pouco mais meus seios, inclinando-me à frente. Abria as pernas num movimento aparentemente normal, deixando minha tanguinha à mostra.
Foi quando Aldo levantou-se num salto e disse que tinha algo interessante a nos mostrar, mas pediu que não me ofendesse. Mesmo sem saber do que se tratava, afirmei que nada poderia me ofender: “Não tenho essas frescuras.” E, aquela altura, embalada pelo álcool, provavelmente era verdade. Ele então colocou outra fita no vídeo.
Era um filme pornográfico e começava com a cena de uma bonita loura com um corpo bem sexy e um moreno atlético e bem dotado. Ela sugava com maestria aquela tora que mal cabia na boca, passeando com a língua pela glande, descia até o saco e mamava as bolas do homem. Em seguida, o carinha chupava a boceta, passando a língua no clitóris e descia até enfiá-la no cuzinho rosado.
Depois, ele penetrou-a gostosamente, segurando as pernas acima dos ombros. Percebi que os rapazes dividiam a atenção entre mim e o filme.
Além de meu corpo, eles queriam observar minha reação. Eu tentava demonstrar naturalidade, como se estivesse vendo novela, mas estava excitadíssima. Observava as molduras rijas sob as calças de todos três e isso me deixava ainda mais descontrolada. Facilitava ao máximo a visão de minha tanguinha úmida, fazendo subir de propósito um pouco a minissaia. Sentia um calor imenso, sobretudo entre as pernas.
Na tela, o rapaz dava outro banho de língua na fêmea. Em seguida, ele a colocou de quatro e enfiou o pau molhado vagarosamente no cuzinho da moça, que soltava gemidos de prazer. Após várias estocadas, ele gozou na boca e ela lambeu tudo satisfeita. Já estava achando que ia ter um treco!
Na cena seguinte, não contive um sonoro suspiro. Uma garota linda, de belo rosto e corpo perfeito, começa a chupar outro rapaz. Em seguida, vão entrando em cena mais dois rapazes. Ela vai revezando entre um e outro, mas sem descuidar de nenhum. Nosso jogo silencioso tornava-se mais explicito e declarado. Procurei deixar transparecer os bicos duríssimos dos meus seios e abri bem as pernas, deixando completamente à vista minha tanga, que já estava ensopada.
De repente, percebi Aldo bem na minha frente, ofegando e olhando para mim. Fiquei também imóvel por alguns segundos. Ele colocou a mão em meus cabelos e delicadamente encostou minha cabeça naquele tesouro. Perdi a razão e comecei a sugar e a lamber por cima da roupa. Ele abriu a calça e lambi a enorme cabeça já levemente molhada, colocando-a inteira na boca, me sentindo em outra dimensão. Mário e Sandro imitaram o amigo e mal acreditei na visão maravilhosa que se apresentava: três cacetes avantajados e duríssimos para mim. Mário esfregou a pica em meu rosto, pedindo carinho que não neguei, procurando dar tratamento imparcial para ambos, chupando um e outro, tentando por os dois na boca ao mesmo tempo, mas não conseguia.
Sandro me acariciava com as mãos e língua, meus ouvidos, pescoço e seios com comprovada prática.
Desceu lentamente por minha barriga, escorregou nas minhas coxas. Já estava com a saia totalmente levantada e minha boceta, de tão molhada, fez escorrer o liquido pelas pernas e pelo rego de minha bunda; Era um tesão que jamais havia sentido ou sequer imaginado possível. Sandro demonstrava conhecer bem os caminhos e alojava a boca em minha tanguinha encharcada, enfiando com afinco a língua em minha gruta alagada. Fui ás nuvens e gozei desgovernadamente na boca de Sandro, sugando com força os cacetes de Aldo e Mário. Enquanto Aldo o substituiu na deliciosa tarefa entre minhas pernas, Sandro levantou-se, me beijou com a boca molhada de meu mel e me ofereceu a enorme pica para engolir.
Perdi a noção de tempo e meus gemidos pareciam urros. Eles me, viraram, despiram e carregaram para o sofá maior. Pude ver a moça do vídeo sendo agora fodida na boceta e no cu e chupando o terceiro cacete.
Desejei ardentemente viver aquela situação. Estava alucinada Foi gratificante quando Sandro me penetrou lentamente, deslizando e abrindo minhas pernas até entrar tudo. Já tinha perdido a conta de quantos orgasmos tinha tido. Ele me abraçou e me puxou para bem junto, deixando dessa forma minha bunda bem arreganhada. Percebia a intenção e me sentia dominada e feliz.
Mário, de joelhos no sofá ao nosso lado, encostou a rola em minha boca e não hesitei em engolir tudo, saboreando-a.
Pude ver Aldo passando a língua em meu cuzinho, tentando penetrá-lo e não há como descrever o que senti.
Meu buraquinho relaxava cada vez mais. Percebi que ele passava algum tipo de óleo, enfiando devagar um dedo e depois dois, lubrificando meu anus carinhosamente. Senti um forte desejo de ser penetrada ali inteiramente.
Foi Mário quem me desmamou e foi para trás, numa troca combinada com Aldo, que enfiou o mastro em minha boca. Mário esfregou o pinto na entrada proibida algumas vezes, enquanto eu ajudava, arreganhando mais ainda a bunda com as mãos, implorando para ser arrombada. Como eu queria aquilo! Ele enfiou com cuidado e foi entrando com facilidade no orifício relaxado e lubrificado, mesmo assim parecia que eu estava recebendo um poste. Sentia-me totalmente dominada.
A idéia e sensação de estar sendo comida no cu e na boceta ao mesmo tempo é inigualável. Podia sentir os pintos próximos um do outro, separados somente pelas minhas paredes internas. Tinha espasmos de gozo desenfreados.
Eles resolveram se revezar para aproveitar das mesmas delicias. Permaneci na mesma posição enquanto Mário me penetrava a bucetinha. Aldo colocava em meu deflorado cuzinho e Sandro dava-me na boca o vermelho e molhado caralho. Como era gostoso! Eu era toda deles. Inteira para eles.
A TV estava chiando. O filme já tinha acabado e, apesar de não ter visto todo, imaginava que havia muitas semelhanças entre as cenas da tela e as que tinha acabado de experimentar. Era a vida imitando a arte.
Os rapazes planejaram tudo muito bem, seguiram o roteiro e felizmente fiz parte do elenco. Adormecemos os quatro na sala. Lembro-me de que no meio da noite um deles ainda me fodeu, gozando em minha boceta molhada e escorregadia, mas não sei quem foi, nem achei importante saber. Acordei cedo, antes deles. Dei um leve beijo em cada um para não despertá-los e fui embora deixando um bilhetinho na mesa: “Foi ótimo. Adoro vocês três.” Depois daquilo, ficamos bem íntimos e não havia intrigas entre nós. Era demais! Numa das vezes, os três resolveram gozar ao mesmo tempo em minha boca.
Nunca vi tanta porra junta, quase me afoguei.
Tempos depois mudei de cidade e me formei em outra faculdade, e nunca mais tivemos contato. Soube, após alguns anos, que Aldo havia se tornado produtor de cinema. De que gênero será que são seus filmes?

Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.





Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


5886 - Banquete de lagostas - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
11157 - A ex do bi e seus pezinhos, suas coxinhas, perninh - Categoria: Fetiches - Votos: 4
11158 - O tiozinho me pegou de jeito - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11159 - Bunda e boca pro cunhado. - Categoria: Heterosexual - Votos: 6
11160 - Cu de mulher de bêbado não tem dono. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 7
11161 - Um Banquete Requintado - Categoria: Fetiches - Votos: 5
11163 - Solidão nunca mais. - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11164 - Zonzinha - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11166 - A Calipígia' - Categoria: Fetiches - Votos: 3
11170 - Crentinha Virgem - Categoria: Virgens - Votos: 6
11178 - Reencontrando o titio que ja tinha me enrabado. - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11185 - A coisa e o último cabaço. - Categoria: Fetiches - Votos: 5
11192 - Preto na branca por Jasmina - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11206 - Um caso de amor em Miami - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11217 - A Salvação. - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11220 - Pro meu corninho por Elaine - Categoria: Heterosexual - Votos: 7
11222 - Desempregado - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11240 - O pai do namorado por Morena - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11253 - Os Pintores por Elaine - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 8
11257 - Minha primeira trepada - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
11262 - Promovida por Izabelle - Categoria: Traição/Corno - Votos: 7
11273 - Dá pra mim? - Categoria: Fetiches - Votos: 6
11289 - Profundo - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11291 - Tiro pela Culatra. Escrito por Sílvia - Categoria: Traição/Corno - Votos: 9
11303 - Tia Nina. Minha primeira vez. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
11304 - Enrabada e Feliz - Categoria: Traição/Corno - Votos: 10
11307 - Por trás é melhor - Categoria: Fetiches - Votos: 6
11308 - Na Bunda da Priminha Inocente - Categoria: Fetiches - Votos: 10
11309 - Namoro Anal Atrás do Sofá - Categoria: Fetiches - Votos: 6
11319 - Um ex-namorado por Elaine - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11322 - Lembranças... - Categoria: Fetiches - Votos: 4
11324 - Traindo meu noivo - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
11348 - Fantasma por Mel - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11351 - Chamou Até Pela Santa - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
11360 - Uma vizinha reprimida - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
11370 - Alvo Errado - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
11379 - Momento de Loucura - Paula - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11385 - Por trás, dói? - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11387 - Jovem Casada - Categoria: Traição/Corno - Votos: 8
11395 - Um Cunhado Maduro - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
11402 - Rosca sem fim por Teresa Silva - Categoria: Heterosexual - Votos: 6
11404 - Enrabada pelo cunhado - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
11406 - Dê e seu respeitável bumbunzinho. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 7
11409 - Dominador de fêmea - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11421 - Negócios por Lana - Porto Alegre RS - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11423 - Desvirginado pela vizinha - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11431 - "Judeiei" - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11439 - Madura seduzindo e sendo seduzida por um garoto - Categoria: Fetiches - Votos: 5
11446 - A bunda de Carla - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
11448 - Dani mulher do meu melhor amigo - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11460 - O Rabinho da Crente. - Categoria: Heterosexual - Votos: 6
11461 - Meu tio começou pelo rabinho... por Sara - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11465 - Tara por aquilo preto - escrito por Solange - Categoria: Interrraciais - Votos: 5
11473 - A Pintadinha - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11489 - Seduzindo um coroa por SexyGirl - Categoria: Coroas - Votos: 4
11491 - A primeira namorada - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
11504 - Prazer e remorso por Ângela - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
11518 - Titia tesuda por Helena - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11523 - Motel Sobre Rodas por Praiana - Categoria: Fetiches - Votos: 3
11540 - Samira - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
11548 - Priminho Selvagem - Dandara - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11553 - Não dou... Não dou... - Categoria: Virgens - Votos: 8
11568 - Paixão "bundal" - Categoria: Heterosexual - Votos: 6
11578 - Minha irmã não deu, eu dei... por Rebecca - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11581 - Corneando o namorado doentinho com um homem mais v - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11582 - Viciei no anal - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11593 - Amizade Antiga - Categoria: Fetiches - Votos: 4
11594 - Preferência Nacional - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11600 - A Noivinha - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11603 - Vida de Casada. Escrito por Joana - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
11607 - A colegial que levou pau - Categoria: Fetiches - Votos: 5
11614 - Curso de Férias por Tatiana - Categoria: Virgens - Votos: 5
11618 - Dando o troco e lucrando... Por Apaixonada - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
11624 - Adorável Ruth - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
11632 - A Negra - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11635 - O Ponto C - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11650 - Bom te ver.. "São as águas de março..." - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11661 - A mulher do juiz - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11679 - Férias do Namorado - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
11682 - Um anal inesquecível por Dayane - Categoria: Traição/Corno - Votos: 9
11702 - Só fez o que quis por Mazinho - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
11704 - Livre para voar por Mulher Ardente. - Categoria: Heterosexual - Votos: 6
11729 - Só na frenta não por Mary Lindinha - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11735 - João Jumento - Categoria: Fetiches - Votos: 5
11760 - Só atrás - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
11764 - A magrelinha segurou o tranco - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
11771 - Caricatura por Gerson - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
11778 - Casamento em crise por Elaine - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
11783 - A massagem erótica por Paula - Categoria: Virgens - Votos: 4
11794 - Arrombamento e tanto por Márcia - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
11808 - Rosquinha, leite e chocolate por Fabi - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11811 - Os olhos vagos de Maria Rita - Categoria: Fetiches - Votos: 4
11820 - Dívidas de uma vizinha safada - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
11826 - O Dominador - Categoria: Sadomasoquismo - Votos: 4
11850 - O salvador da pátria por Márcia - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11881 - A aposta de Cidinha - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 5
11893 - A Menina do Banheiro do Colégio - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
11926 - Comida na fazenda por Mariana Frejat - Categoria: Sadomasoquismo - Votos: 4
11943 - Familiar - Categoria: Fetiches - Votos: 4
11956 - Fazendo o que ele quer por Veridiana - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
11981 - Iniciando a prima - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
12012 - Tapas. beijos e muito mais... - Categoria: Fetiches - Votos: 4
12015 - Arrebitada - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
12027 - Tesão no rabinho de Alice. - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
12032 - Santa por fora, diaba por dentro por Rosana - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
12037 - O valor da experiência - Categoria: Coroas - Votos: 4
12060 - Um traseirinho gostoso - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
12079 - Papai e mamãe... E cunhada! - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
12080 - O pai do namorado - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
12092 - Titio por Clarice - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
12103 - Telma e seu maravilhoso rabo. - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
12107 - Escravos do prazer por João - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
12118 - Começou no ônibus por Quel Pastor - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
12135 - Traí meu marido sem querer querendo... por Rita - Categoria: Traição/Corno - Votos: 7
12139 - Fetichismo em alto estilo - Categoria: Fetiches - Votos: 4
12146 - O lobo rural por Leninha - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
12162 - Minhas Férias na Praia por Mariana - Categoria: Fetiches - Votos: 5
12168 - Primeira enrabada por Carol - Categoria: Coroas - Votos: 4
12172 - Mulher do meu amigo - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
12174 - Intimado a virar Ricardão - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
12175 - O velho que satisfaz por Darlene - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
12181 - Anal com Christina por Rogério - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
12190 - O negão me rasgou por Flor - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
12193 - Enrabada pelo inspetor - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
12196 - Garoto mamado - Gil - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
12210 - A Empregada Crente - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
12212 - Gostosa por Maria M. - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
12262 - Lúcia, minha amante. - Categoria: Sadomasoquismo - Votos: 3
12268 - Aventuras de uma balzaquiana - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
12288 - Macho negro por Verinha Loura - Categoria: Interrraciais - Votos: 1
12291 - A garotada do prédio por Joyce - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
12293 - Viagem de sexo e prazer por Inês - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
12304 - Reencontro - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
12333 - Chifre a domicílio por Ruiva - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
12382 - Literaturas - Categoria: Virgens - Votos: 3
12487 - Um rasgo de audácia - Categoria: Fetiches - Votos: 1
12490 - Uma vizinha. Uma bundinha... - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
12498 - Seu eu deixo? Deixo sim... por Bundinha Gostosa - Categoria: Virgens - Votos: 3
12513 - Questão de tempo... Cuspinho! - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
12541 - Bundas - O começo do vício - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
12551 - Amante Gostosão por Aninha de São Paulo - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
12605 - Brindadeira de casamento por D., Pirassununga - SP - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
12612 - Mudança radical por Norma - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
12651 - Férias Maravilhosas por Irene - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 4
12659 - Verão Proibido - Categoria: Heterosexual - Votos: 4
12680 - Enquanto dormia o maridão - Categoria: Traição/Corno - Votos: 7
12846 - Meu sogrão por Gilda - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
13326 - Noivinha sacana do meu amigo - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
13358 - Sexo anal é muito bom por Rosa - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
13359 - Cur virgem no puteiro - Categoria: Heterosexual - Votos: 6
13368 - Ao mestre o rabinho - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 4
13400 - Faculdades anais por Melissa - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
13564 - A Lolita da Van - Categoria: Virgens - Votos: 5
13574 - Tesão na dança de salão por Cláudia - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
13971 - Sob o domínio do anal. Quebrando promessa! - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
13996 - Transa no clube por Morena Gostosa - Categoria: Heterosexual - Votos: 1
13997 - Dei a bundinha e adorei, mas o cara... por Julie - Categoria: Heterosexual - Votos: 1
13998 - Finalmente... por Marcela - Categoria: Virgens - Votos: 2
14121 - A baixinha - Categoria: Traição/Corno - Votos: 0
14172 - Se minha cozinha falasse - Categoria: Heterosexual - Votos: 0
15842 - Sustos - Categoria: Heterosexual - Votos: 1
16580 - Putinha - Categoria: Heterosexual - Votos: 1
16778 - O primeiro de uma série. - Categoria: Heterosexual - Votos: 1
23558 - Adoro garotos por Maria - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
38735 - O cozinheiro cuzinheiro. - Categoria: Heterosexual - Votos: 1
38736 - A mandona. - Categoria: Fetiches - Votos: 0
43530 - A bundinha mais bonita da minha vida. Por Biel - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
49669 - O "rabinho" - Categoria: Interrraciais - Votos: 3
119906 - Like a Virgin - Categoria: Fetiches - Votos: 0
119907 - Ideologia. Eu quero uma pra foder... - Categoria: Fetiches - Votos: 1

Ficha do conto

Foto Perfil rela210223
ni.

Nome do conto:
Grupo de estudos sexuais por Louraça

Codigo do conto:
13010

Categoria:
Grupal e Orgias

Data da Publicação:
08/07/2011

Quant.de Votos:
4

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


como virei travesti .. dei chupei. e gostei me acostumeiminha mae e ninha tia contocontos eroticos o caminhoneiro me comeu meu marido nao percebeuUltimos contos gaysquadrinho porno mae e filhoum louco me engravidou conto eróticofilhas conto eróticoEstrupando a mãe depois de chantageala pornô quadrinhosContoseroticos no metrôwww sexo cartoon negros travestes senzalas comtravestis pag25meu escravo picudo contosO tio da minha prima me fodeu conto eróticoespirrei leite no metro conti eroticotodo dia espero meu marido dormir e vou mamar o mastro de nosso filho contos eroticosConto erotico de bucetinha apertadaquadrinho erótico hotel playacontos eroticos dei a bundinha ainda meninaincesto erotico exame medicocontos erroticos de incertos filha amante do pai 2017 ltimas publicaes com fotos contos veridico esposa transa com um negro bem dotado para realizar sua fantasiaconto erotico travestiquadrinhos+eróticos+ay+papicontos papaku contod eroticos - mae e filha na loja dexeroxcontos eroticos fudeu na escadaGoiânia 2017 cu vigia do conto gayfodendo irma contocontos veridico de incesto meu marido nao sabe que eu realizei minha fantasia fodi com meu irmao bem dotadocontos eróticos gay padre e o coroinhaprofessora engravida do aluno conto eroticoo beto estava de calcinha dar espelhoesposa na praia de nudismoContos sobre beijos e podolatriadoce nanda contos eroticosdesenho porno de negaoconto erotico transei com um caocomi meu sobrinho no pique esconde contosgaycontos eroticos arrombei a coroaconto erotico danone para filhacontos com fotos esposas loba de corno[email protected]Contos cu com recheioconto anal elevadorcontos eroticos tarde especialconto erotico de gordinha e a maecontos veridico travesti roludo bem grandeContos porno com bandidoContos eróticos picantes de gays com fotos ilustrativasconto erotico meu tioquadriho eroticoestrupado a empregadameu marido tem uma pissa muito grande nao consegue imtruduzir na minja conacontos eroticos sou adotadacontos de mulher tranzando com homem do pau inormeconto erotico de mulher com transexual dominadorencoxatris .sexoso gostosa de shortinho socadoliga da justiça quadrinho pornocontos eroticos ai nossa quando vi o pau dele era enorme dptado mesmo e eu era bem apertada e quadradinha novinha contos eróticos mayara e as amigas fudidasQuadrinho porno estrupadacontos gay eletricistaContos.erotico.mae.filho.depois.do passeio.no.parque.mamei na minha vizinha enquanto ela amamentava a filha conto eróticoNEGUINHO GOSTOSINHO E O CUZINHO lisinhorelatos reais de casais amadores que iniciaram no menage em familia 2017conto de zoofilia com chiaauagay recepcionista do hotel contoscontos surrou minha mulherfotos porno de desenhos equadrinhosquero vídeo de conto erótica de lésbica mamando no seios como um bebê na praiaconto erotico gay bundodocontos eroticos minha nora é um tezãotraveticonto erotico gay menino solitario da o cucontos transando com vôvô