Sedutoras e Marrentas 8


Click to Download this video!


Silvia estemeceu quando sentiu aquela tora de carne esfregar em toda a extensão da sua vulva,as mãos do irmão acariciando-a na região das coxas e nádegas. Entrou em desespero: "Paula, sua desgraçada! - pensou - cadê vc que não aparece?" Seus pensamentos foram interrompidos pois Tom a pegou pelos dois seios, e, ainda movimentando seus quadris num vai e vem lento, dizia coisas impublicáveis na sua nuca.
- To..Toom... -gemeu a moça.
- Mana... vc é tesudda demais....
- Tom...! eu.....ooh..
- Si..Silvia... deixa eu...
- o ... que...!?
- deixa eu ... te comer... vai...deixa...
-Tom.. eu... oh...eu...
Tom sai dela. Olha aquela bunda arrebitada, as coxas, a gruta rubra ensopada, projetada, os lábios entreabertos... seu membro salta para cima, enlouquecidamente... Tom parece um garanhão pronto para copular... Silvia retém uma exclamação de surpresa... sente os dedos do irmão a tocarem na sua mais parte mais intima... seu corpo reage, movimentando-se. Ela sente a cabeça rodar. Ao longe, ouve dois toques ... ela abre os olhos. Era Paula! Salva pelo gongo!
- Tom... é a Paula... temos que ... parar...
Tom olha para a irmã toda nua, deliciosamente nua. Não acredita no que ouve.
- não... não pode ser...
- É a Paula sim.. - repete Silvia, procurando suas roupas.
Nisso ouve-se a voz da Paula.
-Pombinhos!! chega de namoro!! Silvia, preciso falar com vc..
- que azar.. - diz Tom, pesaroso.
- oh, desculpe,mano...pensei que ela fosse demorar mais..
- tudo bem... -diz ele, vestindo a cueca, ela evitando olhar para o membro enorme e ainda muito duro do rapaz.
Logo mais, Tom saiu do quarto, sob o olhar ironico de Paula, parada perto da porta.
- e ai...? tudo bem,? -perguntou ela.
- tudo.. -disse ela, tentando disfarçar a decepção.
Paula entrou no quarto.
- quero que me conte tudo...! - disse ela, muito curiosa.
Pouco depois, Paula olhava incrédula para a amiga.
- credo!! vc fez isso?
- mas vc disse para eu ser o mais realista possível...
- sei... mas não imaginei... nossa! me diz... é grande?
- grande o que? - se fez de boba Silvia.
- o pau do teu irmão! quero saber...
- tarada!! é sim... muito grande... assim, ó... - e ela tentou demonstrar com as mãos.
- tudo isso? não acredito... credo!!
- é sim... eu peguei nele...
- vc heim? com essa carinha de santa.... rsrrs
- ele pediu... e eu não sabia o que fazer...
- e ele pegou em vc como vc contou? mesmo?
- sim... eu queria gritar... te chamar... mas ... não sei, perdi as forças...
- caramba, Si... que loucura...
- é loucura sim... e tá na hora de parar com isso...
Paula olhou para ela demoradamente.
- concordo. A esta altura, ele deve estar doido de paixão por vc...
- preciso falar com ele... abrir o jogo... não é justo eu fazer isso com ele...enganar..mentir...
- sei... mas ele tá gostando muito... rsrsr
-por isso mesmo... isso torna as coisas mais difícies... não quero usar ele para me vingar da Bel..
- mas já usou... e como usou, heim??
- eu sei... hoje mesmo falo com ele... aliás, vc vai me ajudar... nós duas falaremos com ele...
Mais tarde, elas encontraram Tom na varanda da casa. Ele olhou as duas, e sorriu.
-mano.. precisamos falar com vc...
- claro... o que é? - perguntou ele.
- é que... é que tenho que pedir desculpas pra vc..
- por que? - perguntou ele, sem entender nada.
Silvia se emocionou e não pode continuar. Paula prosseguiu por ela.
-Tom.. é o seguinte: a idéia da Silvia se aproximar de vc, essa história de namoro... fui eu quem planejou... para ela se vingar da Bel, pois a gente sabia que vc estava ficando com ela, transado inclusive...
-mas...
- escute: tua irmã não fez isso por mal... ela gosta muito de vc... só que ela nao quer mais te mentir... é isso: foi tudo um jogo... ela queria provar pra Bel que vc gosta mais dela e não da mocréia...
- Si.. é verdade isso? -perguntou Tom, sério, olhando para a irmã.
Silvia balançou a cabeça positivamente.
- bem.. - disse ele. - vcs duas me enganaram direitinho..rsrsr
- desculpa, mano.. - disse Silvia, cabisbaixa.
- caramba... vc parecia mesmo querer me namorar... rsrsr
- eu sei... se não fosse tua irmã, eun te namoraria, com certeza... vc é legal demais...
- ah, caramba... - disse o rapaz, olhando a irmã, de baixo para cima. Paula sorri. Ela sabe que Tom tá perdendo uma garota e tanto. - to dozinho de novo...
- mano... logo vc vai arranjar uma namorada nova...
- tudo bem... parabéns para vcs duas...-disse ele, levantando-se e saindo dalí.

Silvia fica preocupada.
- será que ele tá zangado comigo?
- pode ser... mas passa...
- será? ele ficou magoado comigo...
- amiga... a partir de agora, vc tem que ser muito amiga dele... irmã mesmo, entende? tem que ser carinhosa... sabe como é..
- eu sei... vou ser isso mesmo...
Mais tarde, os três tomaram o caminho de volta para a cidade. As duas puxavam assunto com Tom, mas este respondia com poucas palavras.


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.





Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


11551 - DOCE NANDA - Parte um - Categoria: Incesto - Votos: 9
11554 - DOCE NANDA - Parte dois - Categoria: Incesto - Votos: 6
11560 - DOCE NANDA - Parte três - Categoria: Incesto - Votos: 7
11579 - DOCE NANDA - Parte quatro - Categoria: Incesto - Votos: 9
11684 - DOCE NANDA - Parte cinco - Categoria: Incesto - Votos: 8
11703 - DOCE NANDA - Parte seis - Categoria: Incesto - Votos: 6
11793 - DOCE NANDA - Parte sete - Categoria: Incesto - Votos: 8
11877 - CORPOS ARDENTES - parte um - Categoria: Incesto - Votos: 7
11950 - DOCE NANDA -Parte oito - Categoria: Incesto - Votos: 7
12019 - CORPOS ARDENTES - parte dois - Categoria: Incesto - Votos: 5
12102 - CORPOS ARDENTES - parte três - Categoria: Incesto - Votos: 4
12209 - DOCE NANDA - Parte Nove - Categoria: Incesto - Votos: 7
12225 - DOCE NANDA - Parte dez - Categoria: Incesto - Votos: 6
12334 - Corpos ardentes - parte quatro - Categoria: Incesto - Votos: 3
12345 - Corpos Ardentes - Parte 5 - Categoria: Incesto - Votos: 4
12415 - DOCE NANDA - Parte onze - Categoria: Incesto - Votos: 7
12428 - DOCE NANDA - Parte 12 - Categoria: Incesto - Votos: 7
12439 - Sedutoras e Marrentas - Um - Categoria: Incesto - Votos: 6
12440 - Sedutoras e Marrentas - Dois - Categoria: Incesto - Votos: 5
12441 - Sedutoras e Marrentas - Três - Categoria: Incesto - Votos: 6
12449 - Sedutoras e Marrentas - 4 - Categoria: Incesto - Votos: 6
12475 - Sedutoras e Marrentas - Cinco - Categoria: Incesto - Votos: 5
12521 - Sedutoras e Marrentas - 5 - Categoria: Incesto - Votos: 6
12533 - Sedutoras e Marrentas- 6 - Categoria: Incesto - Votos: 6
12535 - Sedutoras e Marrentas -7 - Categoria: Incesto - Votos: 6
12703 - Sedutoras e Marrentas - 9 - Categoria: Incesto - Votos: 7
12712 - Sedutoras e Marrentas - 10 - Categoria: Incesto - Votos: 8
12772 - Sedutoras e Marrentas 12 - Categoria: Incesto - Votos: 5
12820 - Resumo de contos escritos por Tom Jones - Categoria: Incesto - Votos: 1
12909 - Sedutoras e Marrentas - Parte Final - Categoria: Incesto - Votos: 5
12991 - A Excursão - 1 - Categoria: Incesto - Votos: 6
13136 - A Excursão 2 - Categoria: Incesto - Votos: 5
13188 - A Excursão 3 - Categoria: Incesto - Votos: 5
13197 - A Excursão 4 - Categoria: Incesto - Votos: 5
13216 - A Excursão 5 - Categoria: Incesto - Votos: 6
13263 - A Excursão 6 - Categoria: Incesto - Votos: 4
13291 - A Excursão 7 - Categoria: Incesto - Votos: 4
13298 - A Excursão 8 - Categoria: Incesto - Votos: 4
13324 - A Excursão 8.1 - Categoria: Incesto - Votos: 4
13334 - A Excursão - oito - Categoria: Incesto - Votos: 4
13360 - A Excursão oito-2 - Categoria: Incesto - Votos: 1
13374 - A Excursão 9 - Categoria: Incesto - Votos: 5
13392 - A Excursão10 - Categoria: Incesto - Votos: 5
13429 - A Excursão 11 - Categoria: Incesto - Votos: 3
13478 - A Excursão 12 - Categoria: Incesto - Votos: 6
13509 - A Excursão 13 - Categoria: Incesto - Votos: 5
13520 - A Excursão 14 - Categoria: Incesto - Votos: 4
13543 - A Excursão 15 - Categoria: Incesto - Votos: 4
13573 - A Excursão 16 - Categoria: Incesto - Votos: 5
13676 - Próximo conto de Tom Jones - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
13787 - A ninfeta e o bad boy -1 - Categoria: Incesto - Votos: 2

Ficha do conto

Foto Perfil Conto Erotico tom jones

Nome do conto:
Sedutoras e Marrentas 8

Codigo do conto:
12691

Categoria:
Incesto

Data da Publicação:
06/06/2011

Quant.de Votos:
7

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


contoeroticovizinhanovinhabanda desenha erotica fotosContos eroticos de mae dando banho no filho que ta com braço e perna quebradaporno mae eroticosexo minha filha tava com um vestido curto nao aguentei comi elaMinha tia com amante-contocontos eroticos/flagrei meu marido comendo o cu do meu/filhomulher de marombeiro sendo fodidairmazinhaconto eroticocontos eroticos dei.o.canecoincesto seiren hqcontos eróticos dando o cu no coletivocontos eroticos minha mulher deu o cu pro ex marido nainha frentecontos eroticos levei minha filha no medicovidiu meninas qui viumara iscomdido sexoCapatazdotadopornosogrotesaoarrombaram minha mae contos cornosHentai ganhando Amanda por intimidação vaninha coroa gostosa conto erotico com fotoConto eroticos Porno gay Tio Descobriuconto erotico gay pegando pau do time de futebolconto da casada que deu para o pauzudo sofreu muitoConto porno de meu avo me comeu e papai viuconto erotico medica no salao de dancasentindo a vara do vovô contos eroticos de incestoContos eroticos fui fodida pelo encanadortio safado me ensinando dirigircontos eroticos barbeiro raspando a nuca de uma mulherconto erotico gey com foto o pedreiro negãocomeu meu cuzinhoContos excitantes de pau gozando na buceta engravideixota roxa escorrendo com bera aberta comConto porno putinha do velho desde de novinhaanal comicso vendedor de vassouras porno gaymeu padrasto disse que me ama contos eroticoscontos eroticos colegial sendo arrombada por professorminha prima pelada conversando comigoContos eróticos picantes de gays com fotos ilustrativasconto foder caralho pequenocontos eroticos incesto a garotinha bucetuda do papaimadrinhasgostosa transaCantos fotos eroticas de cazeiros pirocudo com patroa e a filhas virgemcontos eroticos no comicio politicocontos pornor de incesto lesbian entre sograscontos erotiicos de insesto inwditoconto erotico brincadeira pique escondeX-men gay comic pornhistorias em quadrinhos porno gay black wade 3a professora submissa utimos contos eroticosConto erotico nossa que cu arrombadoConto erotico de maesinha gostosa de camisolinha transparentequadrinhos porno gay dbzConto erotico bernardo e manuelahq porno cunhadaxvidio fui na casa da minha namorada e so tava Minha Sogra cumi a Sogra a forçacoroa roludo 27 cm de rola fudeu o novinho conto eroticoquadrinhos eroticos dona de casa virou putaconto erotico trepado no onibusPorno orgias incestuosas iniciando com masturbacao coletiva contosbebezinho pistoludofomos acampar praia naturista e garotos comeram esposacontos eroticos velha gorda negragrupal contofilme de pornô morena com cavalo das Naçõesconto erotico vi o volume no onibussexo com padrasto e seu amigo contos xvidio mais encanador normalContos Eróticos MEU BUNDAOconto erotico. fuder com empregadoo clima esfriou a jiboia dele no meu c****** sem dó conto eróticoconto cuzinho carolzinha ninfetinha conto erotico sogro pausudo de cuecadonselinhas gostosinhasporn moz esta me machucarContos eroticos de grupo de punhetacontos eroticos da amiguinha de escola da minha filhaContodebucetacasal liberal de alta floresta mtfudeno a sobrinha cheirando a leite vídeos caseirosContos eroticos punheteiro de cadeiadando um trato a vizinha do lado quadradinho eróticoConto erotico negao pintudo com novinhaedinara gostosa peladaconto+eroticomulher transando a pica grossa etrado na piriquità mamae que letinho de filhinhocabeça da rola do cavalo cogumelo - zoofilianão gozes dentro incestoquadrinhos porno as bucetudadesenho de padrasto pirocudo espiando a enteada dormindo comeucontos escrava sexualcontos comi minha tia com 25 cmxvidio fui na casa da minha namorada e so tava Minha Sogra cumi a Sogra a forçacontos erotico rabuda descobre q marido e viado e o sogro comeu elacontos eroticos de idosas mendingascontos de estrupo. com lixeiro contoseroticosdpvaginal