Que Surpresa de Massagem 2


Click to Download this video!


Olá amigos, sou o Tano, massagista de 35 anos, 1,98, 90 kg. No conto anterior, atendi Jucelia, paciente de 46 anos, morena, 1,67.
Para minha surpresa, na semana seguinte, recebo uma mensagem da minha paciente deliciosa. Ainda não tinha caído a ficha, de que, num atendimento, tinha comida uma paciente, ainda mais Jucelia, que é um pedaço de mau caminho.
Ao receber o pagamento da massagem, imaginei que aquele episódio, tinha sido fato isolado, que ela se deixou levar pela leveza da mão do terapeuta, pela carência, pelo tesão, sei lá. Mas quando vi no whats, uma mensagem dela, dizendo estar com saudade das minhas mãos e do meu peso, percebi que a porra era séria mesmo.
Ela pediu uma massagem, porém, seria no final de semana, quando seu marido estaria em casa. Ela queria uma massagem e falou que ele estava com a coluna travada. Ronaldo sabia que sua mulher tinha sido atendida por uma massoterapeuta com “mãos de fada”, mas não sabia que tinha usado leite direto da fonte...
Fiquei preocupado, pois, nunca tinha acontecido nada parecido, na minha até então, breve carreira de massoterapeuta. Conversamos bastante sobre o ocorrido, ela me tranquilizou que ele não fazia ideia de que transei com a mulher dele, mas mesmo assim, um olho no olho, fala mais alto que qualquer outra coisa!
Conversamos na quinta, no final da tarde e marcamos uma consulta para 14:00 do sábado, logo após o almoço. Chegando ao local, Fui recebido na porta, pelos dois. Ronaldo, muito simpático, pediu para que eu ficasse a vontade e que fui muito elogiado por sua mulher, que estava até radiante e disposta. Mil coisas se passaram em minha cabeça naquele momento: o marido, sem saber que o amante de sua mulher, se tratava de tal, rasgava elogios para ele.
Pra quebrar esse clima de remorso, comecei a anamnese, perguntei o que ele sentia, histórico de doenças, como num outro atendimento. Pedi pra que ele sentasse na maca, segui o roteiro da quick massage, alonguei, sua coluna deu uns “creck” e ficou como novo. Ronaldo embarcaria para o litoral na manhã seguinte, a convite de um amigo. A urgência desse atendimento era, justamente pela viagem, pois iria pescar. Fiz o relaxamento, massageei suas pernas com óleo, ele ficou bem relaxado, o que acabou estendendo o atendimento. Ao final do atendimento, ele tomou banho, me chamou para tomar café com eles e recebeu um amigo, que o levaria para a praia. Achei estranha aquela situação: deixar uma esposa gostosa daquela, numa tarde de sábado, com um terapeuta, voltando apenas na quarta daquela semana...
Ela falou que iria aproveitar minha visita, pra fazer uma sessão. Despediu-se do marido, com um prolongado beijo, Ronaldo entrou no carro, ela voltou para dentro de casa, me pediu para aguardar e perguntou como estava minha agenda para o restante do dia e se eu poderia esperar ela tomar banho, para a massagem. Pra quebrar o clima, ela perguntou se eu não queria tomar uma ducha também, com aquele olhar sacana.
Entramos no banheiro, tiramos a roupa e, pela primeira vez, nos beijamos. Todo o sentimento de culpa foi quebrado ali. Ela olhou nos meus olhos e disse que não conseguia me tirar da cabeça, a ponto de baixar a luz do quarto, imaginando transar comigo. Entramos no Box, a ensaboei, lavei a xana dela. Na vez dela, Jucelia se mostrou com mãos habilidosas, dignas de quebrar a resistência de qualquer marmanjo.
Ela fez questão, de lavar meus braços, peito, barriga, pernas. Ao lavar as costas, ela começou na nuca e foi descendo. Estrategicamente, pegou meu pau, que já estava meia bomba, tocou uma punheta bem de leve. Com a outra mão, continuou nas costas, descendo para minha bunda. Fiquei sem reação, mas confesse que suas mãos ariscas, me deixaram indefeso. Dei um suspiro e ela percebeu minha reação. Olhando com sua cara de devassa, terminou aquele carinho, saímos do banho e deitamos em fomos para o quarto. Ela deitou em sua cama, de pernas abertas, coçando o grelo me chamando, relutei, pois tinha acabado de conhecer seu marido, quando ela falou que teria uma foda inesquecível e surpreendente. Minha curiosidade falou mais alto e fui até a sala, pegar minha bolsa, pois ainda estava ali, pra massageá-la. A deitei na cama, fiz uma massagem bem erótica, no final, chupei muito seu grelo, com direito a gozada na minha boca, com seu consolo, que estrategicamente, estava embaixo do travesseiro.
Ela pediu pra socar em seu rabo, o consolo de 18x4. Ela urrou, quando gozou com uma pica de borracha, pedindo pra socar tudo.
Depois daquela gozada, ela falou que procurou na net, técnicas de massagem e que eu seria o premiado em ser sua cobaia. Mandou-me deitar, pegou o óleo e deslizou nas minhas costas. Acariciou meus braços, pernas, subiu pra minha bunda e deslizou sua mão lambuzada, no meu saco. Mandou-me virar de frente, abocanhando meu pau e me deixando indefeso, enterrou um dedo no meu cu, só na entrada. Sentiu um choque que foi do quadril até a nuca. Ela percebendo, aumentou a intensidade da mamada e sorrateiramente, pegou seu consolo e colocou a cabeça no meu rabo. O tesão era tanto, que entrou a cabeça toda daquele mastro. Mil coisas passaram pela minha cabeça. Não queria que aquele momento, acabasse nunca.
Dona da situação, viu que eu estava entregue, sendo deflorado que uma pica de borracha, enfiou até metade, me arrancando um urro de dor e prazer. Falou pra eu relaxar, pois eu havia adorado e aquilo, seria só o começo.
Num lampejo de sobriedade, me libertei daquela currada forçada, com o pau duraço, a joguei na cama e caí novamente de boca em seu grelo, agora atolando com força, seu brinquedo que acabara de me deflorar até o talo. Ela gritou, pedindo pra que eu deixasse aquele consolo no rabo dela e atolasse a vara no útero dela. Para contrariar e facilitar a dupla penetração deitei e mandei-a sentar com o cu no meu pau, pra masturbar sua buceta com o consolo. Quando o consolo entrava, meu pau enterrava no seu reto, arrancando urros de prazer. Cadenciava o ritmo, depois empurrava rápido, a torturando de prazer.
O fato de ela ter deflorado com meu cu, mexeu com meus brios, revelando a devassidão em mim, a ponto de jogar pro lado seu brinquedo, pegá-la de frango assado, enterrei em sua buceta, atolando meus 19x5 em seu útero, com força, que até então, tinha sido com doçura.
- Safada devassa, gosta de pica preta no útero?
- Bom mesmo, é sentir leite de macho pausudo na buceta.
Aquela mulher sabia desafiar. Sabia manipular um macho, induzindo-o a fazer, exatamente o que ela queria.
-Tem medo de tirar essa capa e sentir meu útero te mordendo?
Tirei da buceta, enterrei no cu dela, arrancando gritos de prazer. Sem cadenciar, logo veio outro orgasmo, dessa vez pelo cu. Sentindo que ela acabara de gozar, soquei de novo na buceta, fazendo explodir outro orgasmo.
-Assim você me mata.
-Quem manda você desafiar seu macho...
Caímos quase desfalecidos na cama.
- Você não sai dessa casa, esse fim de semana. Desmarque todos seus compromissos, que sua agenda, será preenchida pela Jucelia.
O fim de semana, apenas começou...
Foto 1 do Conto erotico: Que Surpresa de Massagem 2

Foto 2 do Conto erotico: Que Surpresa de Massagem 2


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario olavandre53

olavandre53 Comentou em 13/06/2017

Amei o conto e adorei as fotos, pois sou louco por levar dedadas no cu, principalmente quando me fazem um boquete. Votei. Bjus

foto perfil usuario oliveira956

oliveira956 Comentou em 13/06/2017

Que devassa gostosa.Conto muito tesudo.Votado.




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


101799 - Que surpresa de Massagem! - Categoria: Heterosexual - Votos: 18
103300 - Que surpresa de massagem 3 - Categoria: Heterosexual - Votos: 13

Ficha do conto

Foto Perfil massagistanegro
massagistanegro

Nome do conto:
Que Surpresa de Massagem 2

Codigo do conto:
101908

Categoria:
Heterosexual

Data da Publicação:
13/06/2017

Quant.de Votos:
14

Quant.de Fotos:
2


Online porn video at mobile phone


parque bacacheri conto eroticoobrigado a baixinha da bunda e dois filhos condição de shortinho filme pornôcontos evangelicas sendo abusadas em coletivoscontos coroas e meninosminha sogra nuacontos erotico mamae coroa bebeda enir por tras conto heterocontos erotico casada mete com Poltrinhosfreira o'malley 2 hentaiconto eroctico do marmajo comendo o cuzinho da novinha no quadradinhomoca transando com avo neto tvxvıdıos escorendocotos marido malfadoconto erotico sogro pausudo de cueca transparenteentiadacontoeroticosexo conto banda desenhadacontos heroticos gay meu tio de dezessete me comeu dormindo quando eu tinha oito anosenrabeicorno do genro contoscontos erodicos banco de esperma 2contos eróticos gay comie o cu do garotinho chatoConto reas mae bebada sem calcinha rasquei seu cuzinho virgem finge dormiCONTOS FOTOS EROTICAS COROAS COM NEGAO PIROCUDOporno gay quadrinho mozto ru idosastesaoquadrinho filho taradoConto erotico Bernado e Manuelaxvıdıos escorendoPorno contos eroticos absorbenteesposa pede para o esposo trazer bomem pausudo para fudelaperdi as preguinhas do cu quando era pequenacontos de casadas fazendo putaria em clube das mulheres vovóscasada que fes zoofilia pela primera vescontos erotico/filhinha quer banhoContos jovem faz anal varios homens e cuzinho fica dilatado e dilaceradoquadrinho erotico do doador de espermaContos eróticos picantes de gays com fotos ilustrativasPrimeira vez q dei o cu vestido de travestContos reas meus filhos rasgaran meu cu virgemnegra viciada em porra na gargantacontos eroticos em quadrinhos meu sogro me arrombou comiscdasarina da reco fudedoPorn gay confissao em quadrinhocontos eroticos como convencer esposa a um menageultimos contos sadoContos PornoComendo cu da minha maevirei mulher no carnaval contoconto de. velha gordaMelhor fotos perereca cabiluda gostosacontoeroticodfcontos o negao roludo fudeu a mulher do cara chato e siumentoconto erotico gay enemBiscatinhacontoscontos eroticos de rabudas sendo arrombadasContos erotico fui brinca com o pirralho do meu piminho e ele quebrou meu cabaçomulheres negras de Minas Gerais transando no cafezal em casa traindo o maridocontos eróticos vale do Paraíba spconto erotico chantagemmeu professor tem uma pica enorme contos eróticosirmao fode irma contos Eroticoscontos erotics gay como me tornei gay e submisso meu primoquero ver cabacinnha gemer de tesaosendoentiadacontoeroticominha mãe filmou meu pai me comendoContos eróticos picantes de gays com fotos ilustrativasxvideis 2017comi a minha tiaComi minha tia no navio conto eroticoQuadrinhos eroticos estrupada por animaisMãe boqueteirá contoseroticoscavalos fodenfo muhlers fotoscontos erótico pai enrabou filinho gayseu madruga comeu chiquinha enqunto ela dormia historias eroticasrelatos sexuais feminino casais amigos jogando strip pokersexo conto erotico ex namorada tenente iracontos eroticos terminando com as pregas da novinha sem lubrifica o cuzinhome fuderam depois de casada contoesfolaram minha xanaa putinha do papaiMeu avo me arebendou contoschiquititas gay pornocontos er noite friahentai comendo a mae dos outrostive que chupar o motorista do uber (contos eroticos)Quadrinho de foda e meteçãorolludo comgostosasabor de incesto, contotirei a virgindade do meu irmao dudua mulher e os mendingos quadrinhoscontos com pm gaycastidade masculina contos eróticos